Sucesso de audiência em Portugal, novela ''Nazaré'' estreia na tela da Band na próxima terça-feira

Divulgação Ana Bento/SIC

A Band lança na próxima terça-feira, 18 de maio, mais uma novela na faixa das 20h25. Nazaré é uma superprodução portuguesa protagonizada por Carolina Loureiro (Nazaré), José Mata (Duarte) e Afonso Pimentel (Toni). A trama, escrita por Sandra Santos, foi líder de audiência durante sua exibição entre 2019 e 2020 pelo canal SIC. Com tanto sucesso, uma nova temporada acabou sendo apresentada na sequência, chegando ao fim em janeiro deste ano. “Estou muito feliz pela novela passar esse ano no Brasil. Tanto eu quanto todo o elenco esperamos muito que todos gostem. Nazaré foi um fenômeno aqui em Portugal. Muita gente assistiu, muita gente gostou e muita gente quer mais da novela”, ressalta Carolina em entrevista exclusiva ao Portal da Band.

Na exibição brasileira, o tema de abertura é a música “O Sol”, hit de Vitor Kley, namorado da protagonista na vida real. O cantor gravou uma breve participação no folhetim.

A história se passa na vila de Nazaré, localizada no distrito de Leiria, a 99 KM de distância de Lisboa. Famosa por suas ondas gigantes, que atraem surfistas de todo o mundo, as belíssimas paisagens da região e suas praias podem ser vistas em todos os capítulos. A trama aborda ainda uma realidade que assola Portugal todos os verões: o drama dos incêndios. A novela mostra o dia a dia de quem ficou sem nada, a luta para refazer a vida e, sobretudo, a solidariedade que une todos. “A novela vai conquistar o público brasileiro com sua história de amor, renascimento e esperança. Tenho certeza de que Nazaré será um grande sucesso na tela da Band”, avalia Antonio Zimmerle, diretor nacional de Programação da emissora.

O público vai acompanhar os sacrifícios que a protagonista faz para ajudar sua mãe, Matilde, que sofre de um tumor cerebral. Além de trabalhar como pescadora em alto mar, ela ainda vende pães de chorizo feitos pela genitora para complementar a renda familiar. Filha única, abandonada pelo pai ainda criança, Nazaré precisa de muito dinheiro para pagar pelo tratamento de sua mãe com um médico cirurgião em Londres, o único especialista neste tipo de tumor. Mesmo passando por sessões de radioterapia, a doença não regride, agravando o estado de saúde de Matilde e preocupando Nazaré cada vez mais. Sabendo que precisa de muito dinheiro para poder salvar a vida da mãe, a jovem acaba se envolvendo em um dos esquemas de seu namorado, Toni, que não larga o crime. “Nazaré vai tentar tudo para ver a mãe curada. Às vezes, ela acaba fazendo coisas não tão boas, mas tem as melhores das intenções, que é ajudar. Ela é uma lutadora, guerreira, e acho que o amor sempre prevalece”, adianta a protagonista.

Os caminhos de Nazaré e Duarte se cruzam quando ele sai de uma balada bêbado e tropeça na moça, que está ali vendendo seus pãezinhos. Ele é um playboy que não sabe o que fazer da vida. Seu pai, Antônio (Virgílio Castelo), é um magnata da indústria de móveis que quer que o filho o suceda na presidência de sua empresa, a Atlântida. Nazaré será obrigada a trair seu namorado com Duarte sem saber que pode estar se envolvendo em uma trama muito maior do que imagina. 

Conheça os principais personagens da trama:

Nazaré (Carolina Loureiro) 

Quando era criança, foi abandonada pelo pai, que cometeu um homicídio. Cuida sozinha de sua mãe, Matilde, que após o episódio entrou em uma depressão profunda e foi diagnosticada com um tumor inoperável no cérebro. Desde muito cedo, a jovem habituou-se a assumir responsabilidades para conseguir pagar as contas de casa, colocar comida na mesa e comprar os remédios de sua mãe. 

A vida difícil que leva desde muito nova não roubou sua alegria. É lutadora e nunca vê o lado ruim das coisas, nem quando percebe que o estado de saúde de Matilde está piorando. Seu principal objetivo é conseguir dinheiro para pagar um cirurgião em Londres, que dizem ser o único capaz de realizar o tratamento que sua mãe precisa. Para alcançar o que deseja, ela irá fazer tudo o que estiver ao seu alcance, até mesmo cometer um assalto ao lado de seu namorado, Toni. 

Duarte Blanco (José Mata) 

Um rapaz mimado, filho de um magnata da indústria madeireira e dono da gigante Atlântida. Sempre teve tudo o que quis e o melhor que o dinheiro pode comprar. Adora carros velozes, mulheres, e nunca trabalhou um dia sequer. Vive sem compromissos, tendo um relacionamento aberto com Bárbara, que aparenta querer algo sério. 

Contudo, sua vida irá mudar muito em breve, quando o destino decide, inesperadamente, colocar Nazaré em seu caminho. Ela será a única pessoa que o fará repensar sua personalidade. 

Toni Silva (Afonso Pimentel)  

Ao contrário de sua namorada, Nazaré, ele não tem muita moral e não pretende desistir da vida no crime tão cedo. Seu grande objetivo é ficar rico após dar um golpe que resolverá sua vida. Os escrúpulos que possa ter são facilmente contornáveis com algum dinheiro extra. 

Existem poucas pessoas em quem Toni confia e que conseguem convencê-lo a fazer a coisa certa, sendo um deles seu irmão, Matias, e a própria Nazaré, sua companheira desde a escola e amor de sua vida. Ela é a única que conhece todos os seus esquemas. 

Matilde Gomes (Custódia Gallego)

Era uma mulher feliz, até que o Joaquim foi embora deixando-a sozinha com uma filha, Nazaré, para criar. A descoberta da traição do marido com Dolores fez com que entrasse em um profundo estado de depressão. 

Alguns anos depois, foi diagnosticada com um tumor inoperável no cérebro e que não para de crescer. Matilde muda com a doença e sente que ela e a filha não mereciam todo o sofrimento pelo qual estão passando. Nazaré é o seu maior orgulho. Apesar de saber que a filha é impulsiva, sabe que criou uma mulher com valores. 

Joaquim Gomes (Rogério Samora) 

Após fugir de Portugal e deixar sua família, Joaquim foi para a Espanha, onde precisou mendigar pelas ruas de Barcelona. Com o tempo, ele aprendeu a sobreviver usando seu talento artístico fazendo caricaturas em La Rambla, depois aperfeiçoando seu traço e copiando obras nos museus da cidade, tornando-se um dos falsificadores de quadros mais solicitados da Península Ibérica.  

Essa ascensão lhe garantiu dinheiro e a proteção de uma quadrilha, mas ao saber que seu antigo rival morre, decide deixar tudo isso para trás e voltar para Portugal. Assim, Joaquim desaparece e deixa a quadrilha sem ninguém que o substitua. Só que escapar não é tão fácil como ele pensa e seus antigos empregadores irão fazer de tudo para localizá-lo. 

Antônio Blanco (Virgílio Castelo) 

Antônio gerencia a empresa Atlântida com a ajuda do irmão, Félix. Apesar dos seus esforços para que o único filho, Duarte, se interesse pelo que irá herdar, ele está certo de que esse dia está longe de chegar. Mas não está.  

Pouco antes de ir com o herdeiro para sua casa no campo, Antônio descobre que Félix planeja um incêndio de grandes proporções para comprar a madeira mais barata. Ele discute com o irmão e ameaça expô-lo e entregá-lo à polícia se ele não cancelar tudo. Mas esta discussão só vem acelerar aquilo que Félix e sua mulher, Verônica, planejam há anos: conquistar o império de Antônio, mesmo que isso signifique sua morte. 

Félix Blanco (Albano Jerónimo) 

Ambicioso, invejoso, sem escrúpulos, possessivo. Qualquer um desses adjetivos pode ser usado para definir Félix, o sócio minoritário e vice-presidente da Atlântida, que é irmão de Antônio. 

Casou-se apaixonado por Verônica, mas ao longo dos anos a relação esfriou. Hoje em dia eles têm um relacionamento de fachada, movido pelo objetivo em comum de ter poder.  

Sua fraqueza são os dois filhos: Bernardo, com o qual não consegue lidar por serem diferentes, e Érica, que considera uma força da natureza e rebelde, além de ser ambiciosa como o pai e linda como a mãe. 

Verônica Blanco (Sandra Barata Belo) 

Designer de móveis da Atlântida, é a esposa de Félix, mãe de Érica e Bernardo. Quando conheceu seu marido, viu que era o homem certo para ela: tinha a sua ambição e não se contentava com um segundo lugar em nada na vida. Assim como Félix, sabe que o amor que tinham um pelo outro se transformou em algo diferente: uma parceria capaz conquistar qualquer coisa. 

Tenta ser a melhor mãe que consegue para os seus filhos, mas entra em constantes conflitos com Érica, que herdou sua beleza, força e energia, mas infelizmente prefere prolongar a adolescência numa rebeldia sem fim. Já Bernardo foi quem lhe ensinou o que era amar sem esperar nada em troca. 

Bárbara Soares (Filipa Areosa) 

Assim como sua mãe Dolores, é uma lutadora, mas sua ambição desmedida faz com que brigue pelas coisas erradas: dinheiro, posição social e uma vida sem esforço. Ela mostra esses traços desde pequena. Bárbara ainda não superou a morte do pai, o que a faz não respeitar sua mãe, pela qual culpa pelo adultério e vida de miséria que teve. Tem mania de grandeza, recusa-se a ajudar e despreza o irmão Luís por não ter ambição. 

Está em um relacionamento aberto com Duarte, já que o herdeiro da Atlântida não gosta de compromissos. Ela sabe que ele tem outras mulheres, mas fecha os olhos, pois está convencida de que irá ganhar o coração do rapaz definitivamente. Quando Nazaré aparece na vida de seu pretendente, ela percebe que tem um grande problema para resolver. 
Anderson Ramos

Um site sobre TV paga com as principais noticias envolvendo o setor, e suas principais operadoras. Além das novidades dos canais e streamings! facebook twitter instagram

Postar um comentário

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.

Postagem Anterior Próxima Postagem