Michel Teló fala de sua estreia como técnico no 'The Voice Kids'

Divulgação Globo/Fábio Rocha

O título de técnico pentacampeão no ‘The Voice Brasil’ impõe uma aura brilhante à cadeira de Michel Teló. E o cantor sertanejo, que, no próximo domingo, 6 de junho, faz sua estreia no time de técnicos do 'The Voice Kids', ao lado de Gaby Amarantos e Carlinhos Brown, sabe e vai tirar proveito dessa popularidade. “Eu sempre recebo por onde eu passo muito carinho e respeito das pessoas por eu ter ganho cinco vezes consecutivas o ‘The Voice Brasil’. Elas acham sensacional e eu também. Para mim, sempre foi algo incrível, não vou esquecer nunca mais. As pessoas se conectam muito comigo, hoje em dia, através da minha família, e agora teremos uma conexão maior ainda”, aposta ele, que, na entrevista abaixo, detalha sua expectativa para essa nova jornada de orientar pequenos grandes talentos no programa.

O ‘The Voice Kids’ tem direção artística de Creso Eduardo Macedo e apresentação de Márcio Garcia, com Thalita Rebouças nos bastidores. O reality irá ao ar na TV Globo aos domingos, após ‘Temperatura Máxima’. A nova temporada do 'The Voice Kids' chega também às telas do Gloob. A estreia no canal infantil vai acontecer no dia 11 de junho, às 22h, e, a cada sexta-feira – seguinte à exibição de domingo na TV Globo – a criançada poderá acompanhar todas as etapas do reality musical. 

Entrevista Michel Teló

Como vai ser o técnico Teló para as crianças/adolescentes?
Quero passar muito para eles justamente o que vejo como foi pra mim quando criança. Como eu acreditei, como me dediquei e como a música foi para mim. Com 14 anos, eu já tinha montado um estúdio, aprendi a produzir meus álbuns e quero mostrar que eles têm que acreditar na verdade deles. Quando comecei, o estilo de música que eu cantava era muito regional, mas eu acreditava tanto naquilo que deu certo. Houve uma revolução da música sertaneja, dentro da música brasileira. Então, quero passar as coisas que acho que fazem a diferença na vida de um cantor. E acredito que a abordagem não mude muito. São crianças e adolescentes, mas é impressionante como eles são antenados. Acho que a conversa com eles é de igual e eles estão muito receptivos para aprender.

Com que o Teló sonhava quando estava começando na música como eles? Quem foi o seu maior incentivador?
Os meus maiores incentivadores sempre foram meus pais. Desde muito pequeno, eles viram que eu tinha talento, um dom que Deus deu. Já com sete anos eu comecei a cantar no colégio e eles sempre me apoiaram. Meu pai sempre falou que ele percebia que, quando eu cantava, as pessoas se emocionavam de maneira diferente. A reação das pessoas era especial. Quando comecei a cantar em baile, com 12 anos, eu sonhava em tocar um baile cheio, com bastante gente dançando. Na época, isso era o auge para mim.

A ‘Família The Voice’ existe mesmo? De quem ficou mais próximo com o programa?
Existe, e muito. É um carinho, um respeito e um amor por cada técnico que já passou pelo programa. A gente tem um grupo com todos os técnicos, mesmo do ‘The Voice Mais’ e do ‘Kids’. A gente sempre se fala, troca mensagens e ideias. Lulu Santos, por exemplo, eu não conhecia pessoalmente e virou um grande amigo, com quem troco muitas ideias e falo sempre. Ivete também estreitamos demais a intimidade. Eu fico muito honrado e feliz em trabalhar com todos eles.
Anderson Ramos

Um site sobre TV paga com as principais noticias envolvendo o setor, e suas principais operadoras. Além das novidades dos canais e streamings! facebook twitter instagram

Postar um comentário

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.

Postagem Anterior Próxima Postagem