Caminhos da Reportagem investiga como pesquisas científicas impactam a vida das pessoas

Divulgação

A TV Brasil exibe, neste domingo (11), às 20h, uma edição inédita do Caminhos da Reportagem que revela como as pesquisas científicas afetam a vida das pessoas. No programa “Ciência para a vida”, a equipe de reportagem conversa com pesquisadores, voluntários que participaram de estudos científicos e pessoas que foram beneficiadas de alguma forma pelas descobertas. 

Os pesquisadores Luís Eduardo Ribeiro, do Instituto Vital Brazil, e Jerson Lima Silva, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), entrevistados da atração jornalística, fazem parte do projeto de pesquisa que está desenvolvendo um soro a partir do plasma de cavalos para defender o organismo afetado pela Covid-19, a doença causada pelo novo coronavírus. Um estudo que promete reduzir a carga viral de pacientes leves e moderados, para evitar que a doença evolua para quadros mais graves. 

Também na área da saúde, um estudo realizado na Universidade Federal de Goiás (UFG) mostra que a cera de ouvido é muito mais que uma barreira para proteger o ouvido de poeira e microorganismos externos. Pela composição química do cerúmen é possível avaliar como está o metabolismo do paciente e identificar quando uma doença está ocorrendo, como o câncer. O assessor parlamentar José Luiz Spigolon foi voluntário participante da pesquisa. Ele já havia tratado um câncer no passado e os exames indicavam que estava curado. “Então começa aí a experiência de eu ter constatado de novo a existência do câncer no meu organismo através dessa pesquisa”, conta. 

Na Geotecnia da Universidade de Brasília, um dos pesquisadores é Luan Ozelim, o mais jovem brasileiro a concluir o doutorado, aos 22 anos de idade. Ele já recebeu convites para fazer pesquisas fora do Brasil, mas ficar no país é uma decisão fundamentada. “Ao longo da minha trajetória eu recebi apoio de várias agências de fomento, seja Capes, CNPq, fundações de apoio à pesquisa, o próprio Ministério da Educação, foi uma série de investimentos que foram feitos em mim e que eu sinto que devo retribuir isso de alguma forma”, afirma. 

O programa deste domingo vai apresentar também: uma pesquisa do Laboratório de Engenharia em Biomedicina da Universidade de Brasília que desenvolveu uma borracha capaz de tratar as feridas causadas pelo diabetes; um estudo da UFG que desenvolveu um dispositivo para detectar adulterações no leite; e o Programa de Desenvolvimento da Amazônia Legal, do Instituto Nacional de Pesquisa da Amazônia (INPA), que trabalha com projetos de biodiversidade, clima e agricultura sustentável.
Anderson Ramos

Um site sobre TV paga com as principais noticias envolvendo o setor, e suas principais operadoras. Além das novidades dos canais e streamings! facebook twitter instagram

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do O Universo da TV. OBS: Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.

Postagem Anterior Próxima Postagem