TV Cultura produz série documental inédita sobre Festival de Campos do Jordão

Foto Nadja Kouchi

A partir deste sábado (17/7), a TV Cultura exibe a série documental inédita Festival de Campos do Jordão - Música e Arte no Inverno, que tem como objetivo apresentar um grande painel artístico das cinco décadas do tradicional Festival. A atração, produzida pela emissora, reúne relíquias do acervo da TV Cultura e entrevistas inéditas com nomes que marcam a história do maior Festival de música clássica do Brasil. No ar às 22h, na TV Cultura.

Em cinco episódios, a série narra histórias importantes do famoso Festival que teve início em 1970. Destaca os principais fatos que o levaram ao reconhecimento artístico e pedagógico, promovendo a troca de experiências entre músicos experientes e jovens em início de carreira. O documentário ressalta, principalmente, o caráter pedagógico do Festival e a relevância cultural que o evento anual trouxe à cidade de Campos do Jordão.

A edição traça um paralelo entre o passado e o presente, recuperando nomes como Eleazar de Carvalho, Camargo Guarnieri, Luís Arrobas Martins, Claudio Santoro e Almeida Prado - grandes incentivadores da Cultura e da Educação Musical. Outros que contribuíram para a preservação do Festival participam do seriado a partir de depoimentos. São eles: os maestros Julio Medaglia e Roberto Minczuk; o compositor Aylton Escobar; o atual diretor da OSESP, Marcelo Lopes e os ex-bolsistas que ganharam notoriedade como o violista Marcelo Jaffé, o oboísta Arcádio Minczuk e o maestro Emiliano Patarra.

Em toda a trajetória do Festival, a Rádio e TV Cultura sempre estiveram presentes na cobertura jornalística e na gravação dos concertos. Julio Lerner, Walter Lourenção e Gilberto Tinetti fazem parte desta história, a qual carrega algumas significativas gravações que serão reapresentadas no seriado. Com destaque para o maestro Kurt Masur, professor e regente em concertos realizados entre 2006 e 2008, e para a montagem da ópera Rita dirigida por Carla Camurati, em 2007.

Além de apresentar o melhor da música clássica, o Festival sempre levou ao público as mais diferentes expressões artísticas: da ópera às músicas contemporâneas; do ballet à música popular. Desde os anos 1990, a Brasil Jazz Sinfônica sobe ao palco do Auditório Claudio Santoro e da Praça do Capivari convidando ícones da música brasileira como Gal Costa, Tom Jobim, Carlinhos Brown, Lenine, Fafá de Belém, entre outros.
Anderson Ramos

Um site sobre TV paga com as principais noticias envolvendo o setor, e suas principais operadoras. Além das novidades dos canais e streamings! facebook twitter instagram

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do O Universo da TV. OBS: Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.

Postagem Anterior Próxima Postagem