Final do Mundial de Breaking terá transmissão exclusiva do SporTV2

Divulgação


Nascido no bairro do Bronx, em Nova York, o breaking ganhou força na década de 1970, através de filmes e músicas. O estilo de dança, parte da cultura hip hop, tornou-se um esporte de alto rendimento e estreia como modalidade olímpica nos Jogos de Paris, em 2024. Neste sábado, dia 6, os maiores B-Boys e B-Girls – como são chamados os dançarinos de breaking –, da atualidade disputam na cidade polonesa de Gdansk a final mundial da principal competição individual 1x1. Um dos destaques da modalidade, o cearense Mateus Melo, o “B-Boy Bart”, será o representante brasileiro na decisão que o SporTV2 mostra ao vivo e com exclusividade, a partir das 16h.

''Vamos acompanhar os melhores B-Boys e B-Girls e torcer pelos brasileiros na maior competição de breaking do mundo. Em outubro transmitimos a etapa brasileira, que foi interessante para apresentar ao público esta nova modalidade olímpica. Desta vez vamos subir a régua e acompanhar a etapa final do Mundial. A expectativa é muito grande, já que muitos dos B-Boys e B-Girls que vamos assistir nesse sábado provavelmente estarão nos Jogos Olímpicos de Paris-2024. Vai ser um privilégio ser a voz da competição e unir dança e narração na transmissão'', diz a narradora Renata Silveira, que comanda a transmissão ao lado dos comentaristas Sandra Kelly e “Aranha”.

Antes da etapa decisiva, o ‘Globo Esporte’ conta nesta sexta-feira como foram as eliminatórias e a história dos brasileiros Alexandre Duarte, o “B-Boy Xandin” e a mineira Isabela Rocha, a “B-Girl Itsa”, vencedores da etapa nacional e que competiram pela primeira vez no Mundial. No sábado, o programa mostra toda a expectativa e a preparação do cearense Mateus Melo para a disputa da finalíssima.

Anderson Ramos

Um site sobre TV paga com as principais noticias envolvendo o setor, e suas principais operadoras. Além das novidades dos canais e streamings! facebook twitter instagram

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do O Universo da TV.

Postagem Anterior Próxima Postagem