Série do Curta! sobre a imersão do público no entretenimento ganha The New York Emmy

Divulgação Curta!On

No último sábado, 30, ocorreu a 64ª edição do The New York Emmy, tradicional premiação que celebra o melhor da programação televisiva novaiorquina. Uma das vencedoras do prêmio, na categoria ''Artes/Entretenimento de Longa Duração'' (maior que dez minutos), foi a série ''Immersive.World''. No Brasil, a produção é exclusiva do Curta! e vem sendo exibida tanto pelo canal linear, na TV paga, bem como está disponível em sua plataforma de streaming, o Curta!On – Clube de Documentários. Em Nova York, é exibida pelos canais WLIW21 e All Arts.

O foco da série são os espetáculos sem palco e sem poltronas, em que a plateia se mistura com os atores em cena. Essa modalidade de entretenimento imersivo vem ganhando atenção no mercado internacional, sobretudo após o enorme sucesso de peças como “Sleep No More” e “The Great Comet”, ambas encenadas em Nova York.

Dirigida por Guto Barra, a produção mostra um panorama completo dessas novas possibilidades de entretenimento e analisa as novas tendências desse tipo de arte nos Estados Unidos. Em cada episódio, a série mergulha em um caminho diferente e mostra o impacto causado pela experiência de estar imerso numa história ou numa obra de arte. Além do rompimento da quarta parede, por vezes também são rompidas as barreiras entre ficção e realidade.

A série também explora as diferentes possibilidades de montagem desses espetáculos imersivos, que não necessariamente são realizados em teatros: podem ocorrer em galpões abandonados, museus e até mesmo em casas e apartamentos. As inovações tecnológicas da arte imersiva, para além do teatro, também são foco da série, que apresenta galerias digitais, instalações interativas, projeções, esculturas de luz e arte cinética.

São dez episódios: “Teatro Imersivo / Performes”; “Arte Imersiva / Galerias Digitais”; “Teatro Imersivo / Música”; “Imersão / Não Ficção”; “Teatro Imersivo / Intimidade”; “Imersão, Fantasia e Storytelling”; “Arte Fora da Caixa / Imersão e Museus”; “Arte Imersiva / Entrando na Luz”; “Teatro Imersivo / Novos Caminhos” e “Experimentação & Arte”.

Ciceroneando essa viagem pela arte imersiva, Guto Barra apresenta os depoimentos de atores, diretores, performers, bailarinos e demais artistas. Entre os espetáculos e instalações de arte analisados estão o próprio “Sleep No More” — inspirado em “MacBeth”, de Shakespeare —, “Here Lies Love” — baseado no álbum musical de David Byrne e Fat Boy Slim —, “The Raven” — que se passa no interior de uma mansão — e “Broken Bone Bathtub” — apresentado para pequenos grupos de pessoas em banheiros de apartamentos reais.

Anderson Ramos

Um site sobre TV paga com as principais noticias envolvendo o setor, e suas principais operadoras. Além das novidades dos canais e streamings! facebook twitter instagram

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do O Universo da TV.

Postagem Anterior Próxima Postagem