''King’s man: a Origem'': conheça os personagens do filme

Divulgação

Com estreia confirmada para dia 06 de janeiro nos cinemas, King’s Man: A Origem apresentará o início da primeira agência de inteligência independente durante a Primeira Guerra Mundial. No novo longa, quando um grupo formado pelos piores tiranos e gênios do crime se reúne para planejar uma guerra que fará milhões desaparecerem, um homem deve correr contra o tempo para detê-los.  

Conheça, abaixo, os principais personagens do filme, interpretados por atores de peso do cinema britânico.

Conrad Oxford (Harris Dickinson)


Harris Dickinson interpreta Conrad Oxford, um garoto de 17 anos, corajoso e aristocrático. Ele é filho do Duque de Oxford e vive com ele num estilo de vida grandioso, rigoroso e de classe alta. “Quando o conhecemos, ele é ingênuo perante o mundo real”, afirma Dickinson. Mas, como o próprio ator explica, a explosão da Primeira Grande Guerra muda isso, empurrando seu personagem para a vida adulta. “Ele é um soldado em ascensão com um grande apetite pelo mundo, querendo experienciar tudo em primeira mão”, diz. “Ele ficou em casa por muito tempo, sendo muito protegido e sentindo-se proibido pelos limites e pacifismo de seu pai. Depois, há uma espécie de ponto de ruptura na história em que Conrad vai embora, contra a vontade de seu pai, e se junta à guerra”.

Orlando Oxford (Ralph Fiennes)


Ralph Fiennes interpreta o pai de Conrad, Orlando Oxford, o Duque de Oxford. Fiennes o descreve como “assumidamente aristocrata” e dedicado ao seu garoto. “Oxford é um pacifista, e o público vai entender dentro dos primeiro cinco minutos o porquê”, explica. “O contexto é a aproximação da Primeira Guerra Mundial e a relação principal do filme, eu diria, é entre Oxford e seu filho, que quer mostrar do que é capaz na guerra como um jovem corajoso. E Oxford tem uma grande relutância em vê-lo ir para a guerra”.

Polly (Gemma Arterton)


Polly é a camareira do Duque que, apesar de ser empregada, mostra, desde o momento em que aparece, que não é nada servil. A personagem é interpretada por Gemma Arterton, que descreve Polly como praticamente a chefe da família. “Ela é a babá de Conrad, então ela cuidou dele”, diz. “Mas ela é como a chefe de todos, inclusive de Oxford. Ela é muito durona e não aceita qualquer coisa. É a pessoa mais esperta do lugar e é muito, muito inteligente, mas também muito engraçada. E por ser uma empregada e parte dos funcionários, ela é de uma origem social diferente. Ela é da classe trabalhadora, portanto, não é requintada. Existem muitos cavalheiros no filme, da alta sociedade, e ela é um pouco mais prática.”

Shola (Djimon Hounsou)


O complemento de Polly no lar é Shola, guarda-costas e braço-direito do Duque. “Ele é de diferentes regiões da África”, afira o ator Djimon Hounsou, que interpreta o personagem. “Porque parece que Shola é de uma colônia francesa, como Senegal, mas também de algum lugar do leste africano. Está claro que ele é um homem majestoso. Um homem de grande integridade. De uma tribo que parece ser de guerreiros”.

Hounsou descreve Shola como pau-para-toda-obra, sendo ele um cuidador, servente e guerreiro que está sempre pronto para lutar, assim como um guardião que criou um vínculo muito estreito com Conrad.

Rasputin (Rhys Ifans)


Uma grande história de aventura precisa de um grande vilão, e em King’s Man: A Origem este é Rasputin, interpretado por Rhys Ifans. “É claro que Rasputin é uma figura histórica, arraigado na corte russa de Czar e Czarina”, explica Ifans. “Ele é um místico e um padre, apesar de que o verdadeiro Rasputin não foi oficialmente ordenado pela Igreja Ortodoxa. Então, penso que ele traz consigo o Cristianismo ou a Igreja como uma espécie de disfarce, pois no fundo ele é um pagão carnívoro”.

Diversos personagens (Tom Hollander)


A escolha mais audaciosa para o elenco de King’s Man: A Origem vem graças a um único ator que interpreta diversos personagens. Tom Hollander dá vida a três primos: Rei George, o Czar da Rússia e o Kaiser da Alemanha.


“Quando eu estava escolhendo o ator para o Rei, o Kaiser e o Czar, fiz um processo de pesquisa e encontrei fotografias”, diz o diretor Matthew Vaughn. “Você literalmente não conseguia distinguir quem era o Rei e quem era o Czar. Então, li sobre como eles costumavam pregar peças, trocando de fardas, e ninguém sabia que o Rei era o Czar e o Czar era o Rei.” Continuando, Vaughn explica: “Então ficamos pensando como poderíamos encontrar três atores que fossem parecidos. Eu sabia que Tom era um bom ator, e que ele poderia interpretar os três papéis. Parecia que não era um truque, porque na história eles eram tão parecidos, quase como gêmeos. O Tom é muito um Homem do Rei, e ele sabe como ser sério e engraçado ao mesmo tempo.”


Hollander diz que, imediatamente, viu o lado engraçado desta abordagem: “É uma ideia inteligente do Matthew Vaughn, porque todas as famílias reais eram parentes, como sabemos, e foi por isso que eles entraram em guerra, por causa de suas alianças e rivalidades. E como os três eram primos, ficou uma ótima brincadeira ter os três interpretados pela mesma pessoa. Dois deles – George e Nicholas – realmente se pareciam, o Kaiser que era diferente. E nesta versão, ele é meio que o irmão mais velho valentão”.

Lorde Kitchener (Charles Dance) e Maximillian Morton (Matthew Goode)


Charles Dance também interpreta um personagem da vida real no filme – o famoso Lorde Kitchener do “O Seu País Precisa de Você!”. “Kitchener é um amigo de infância do Conde de Oxford”, explica Dance. “No começo da história, estamos no meio da Guerra dos Bôeres, e tanto o personagem de Ralph quanto o meu estão muito mais jovens. Isso estabelece nosso relacionamento, que é de muitos anos.”

Matthew Goode, por sua vez, interpreta um personagem ligado a Kitchener: Maximillian Morton, que é seu ajudante de campo. “Ele é como um braço-direto que faz todo tipo de coisa e o mantém protegido à noite”, comenta Goode. “Um bom soldado, ávido por fazer o bem. Ele quer servir seu mestre, e manter seus homens juntos, por isso é um bom profissional militar.”

King’s Man: A Origem estreia dia 06 de janeiro nos cinemas.
Anderson Ramos

Um site sobre TV paga com as principais noticias envolvendo o setor, e suas principais operadoras. Além das novidades dos canais e streamings! facebook twitter instagram

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do O Universo da TV.

Postagem Anterior Próxima Postagem