Fast fashion, sacolas plásticas e robôs humanóides estão no CNN Soft Business

Divulgação

O CNN Soft Business desta quinta-feira, dia 13 de janeiro (22h30) chega ao episódio 18 encerrando uma série com os melhores momentos da primeira temporada. O tema principal é o fast fashion, como é conhecido o mercado de moda rápida, que movimenta milhões de reais todos os meses. Para se ter uma idéia da importância econômica dessa indústria, no primeiro ano da pandemia as três maiores marcas do fast fashion no Brasil – Renner, Riachuelo e C&A – tiveram receita líquida de aproximadamente R$ 18 bilhões. O programa mostra, porém, que o mundo da moda rápida também sofre duras críticas devido aos processos de fabricação que geram impacto negativo no meio ambiente em toda a cadeia produtiva, desde a extração da matéria prima até o descarte. 

O episódio desta semana também aborda os riscos que as sacolas plásticas representam para o meio ambiente e os esforços para evitar esse problema. A Espanha, por exemplo, estuda proibir a venda de frutas e verduras em embalagens de plástico e espera que esta medida entre em vigor neste ano. 

O programa vai debater, ainda, o problema da falta de semicondutores. A escassez desses chips prejudica a produção de empresas importantes, como a Nintendo, que foi obrigada a reduzir as expectativas de venda do console Switch. 

Outro tema em pauta é a produção de robôs muito parecidos com pessoas. Os apresentadores Phelipe Siani e Fernando Nakagawa vão falar sobre a empresa norte-americana Boston Dynamics, que está desenvolvendo robôs que caminham, dançam, pulam e até correm como humanos. A empresa também desenvolveu um robô em forma de cachorro, preparado para ajudar as pessoas.

*O CNN Soft Business é exibido às quintas-feiras (22h30), com reprise aos sábados (17h15), domingos (02h20 e 21h) e segundas (00h45). 
Anderson Ramos

Um site sobre TV paga com as principais noticias envolvendo o setor, e suas principais operadoras. Além das novidades dos canais e streamings! facebook twitter instagram

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do O Universo da TV.

Postagem Anterior Próxima Postagem