TV Brasil exibe crossover de Águias de Fogo com O Vigilante Rodoviário

Divulgação

O nono episódio inédito da série Águias de Fogo tem a participação especial do inspetor Carlos (Carlos Miranda), protagonista do seriado O Vigilante Rodoviário, nesta quarta (19), às 23h30, na TV Brasil. Com o título "O Imprevisto", o capítulo reúne personagens das duas produções nacionais de dramaturgia, clássicos do gênero no país.

O esquadrão de aviadores conta com a ajuda do inspetor Carlos e de seu fiel escudeiro, o cão Lobo, para socorrer uma menina que precisa de atendimento médico de urgência em um vilarejo remoto. As duas obras audiovisuais de ficção foram idealizadas e dirigidas pelo cineasta Ary Fernandes.

As atrações foram produzidas com cerca de seis anos de diferença, entre 1962 e 1968. Pioneira no audiovisual brasileiro, o drama policial O Vigilante Rodoviário é referência em conteúdo nacional por ser o primeiro seriado filmado em película de cinema no país.

A produção tem 36 episódios dos quais 34 foram recuperados. A obra fez sucesso e repercutiu nas telinhas. As aventuras do inspetor Carlos com o pastor alemão Lobo atravessaram gerações. Atualmente, a série está em cartaz na TV Brasil com maratonas na madrugada de sábado para domingo.

Já Águias de Fogo conta com 23 dos 26 conteúdos originais. A emissora pública presenteia os telespectadores com esse conteúdo histórico na programação de verão. A TV Brasil apresenta episódios duplos do seriado nas noites de quarta-feira, logo após a exibição da épica produção Guerra e Paz.

Missão une vigilante e aviadores

O desenrolar da trama dessa edição especial se passa em uma vila longe do centro urbano onde a menina Ritinha mora com a mãe. A garotinha aparenta estar bem quando se sente mal de repente e reclama de fortes dores abdominais.

A mãe leva Ritinha à casa do único médico das redondezas, mas o Doutor Alves (Altamiro Martins) está em viagem. O caso da criança é grave e o profissional de saúde precisa voltar da cidade a três horas de distância com urgência para operá-la.

O médico constata uma apendicite. Para salvar a vida da pequena paciente, ele tem a ajuda dos aviadores do esquadrão Águias de Fogo e do vigilante rodoviário Carlos. Enquanto os oficiais buscam a menina de helicóptero, o inspetor e o cão Lobo fazem a escolta da ambulância com Ritinha para o hospital.

A seguir, às 23h50, o canal traz a décima edição da série Águias de Fogo. No episódio "A Trama", um ministro europeu está em visita oficial no Brasil, sem imaginar que um grupo planeja matá-lo. Uma bela espiã pretende plantar uma bomba no avião que levará sua comitiva. Agora a aeronave está no ar e não há tempo a perder. O esquadrão precisa impedir a tragédia.

Sobre o seriado

Histórias de bravura nos ares inspiraram o enredo da série Águias de Fogo que acompanha um heroico esquadrão de aviadores em território nacional. Lançada originalmente em 1968, a obra é um marco na produção seriada de dramaturgia para televisão no país.

O programa surgiu na esteira do sucesso da pioneira e consagrada atração O Vigilante Rodoviário, primeira série filmada em película de cinema no Brasil, no início dos anos 1960. Os dois títulos foram criados, dirigidos e produzidos pelo cineasta Ary Fernandes que ainda atua no elenco de Águias de Fogo.

Os argumentos para os roteiros de Águias de Fogo baseiam-se em atos de coragem registrados nos arquivos da Força Aérea Brasileira. A trama retratada no seriado concentra em um único esquadrão da FAB, as aventuras vividas por centenas de aviadores através dos tempos.

Com edições de aproximadamente 22 minutos, os capítulos apresentam ocorrências no interior do país voltadas para o resgate e o salvamento de acidentados. A valentia é uma das qualidades dos personagens que, entre outras situações pelos ares, desempenham façanhas e prestam serviço à pátria.

O elenco principal da trama é formado por quatro atores que interpretam os aviadores de um esquadrão que defende o espaço aéreo nacional. Os protagonistas da série são Dirceu Conte (Major Ricardo), Ary Fernandes (Capitão César), Roberto Bolant (Aspirante Fábio) e Edson Pereira (Sargento Fritz).

A produção ainda contou com o ator Ricardo Nóvoa que representou o Tenente Celso nos primeiros capítulos do programa. Águias de Fogo tem participações especiais de personalidades da dramaturgia nacional como Bete Mendes, Osmar Prado, Valentino Guzzo, Jofre Soares e Francisco Di Franco.

Ao todo, o seriado teve 26 edições das quais 23 foram recuperadas pela Cinemateca Brasileira a partir dos negativos originais. A TV Brasil mostra os conteúdos restaurados desde dezembro, durante a programação especial de verão. A produtora responsável pela série Águias de Fogo é a PROCITEL.

A produção tem horário alternativo na madrugada. As aventuras do esquadrão de aviadores podem ser conferidas de quarta para quinta-feira, às 4h45. Já a série O Vigilante Rodoviário tem maratona de episódios na madrugada de sábado para domingo, a partir das 3h45, com as incríveis histórias do vigilante Carlos com o fiel parceiro, o cão Lobo.
Anderson Ramos

Um site sobre TV paga com as principais noticias envolvendo o setor, e suas principais operadoras. Além das novidades dos canais e streamings! facebook twitter instagram

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do O Universo da TV.

Postagem Anterior Próxima Postagem