Ad Code

TV Cultura reapresenta Auto do Brasil em homenagem a Aldir Blanc

Divulgação/Nadja Kouchi

Neste sábado (14/5), às 22h, a TV Cultura reapresenta o especial Auto do Brasil. A produção homenageia a grandiosidade e o talento de um dos maiores compositores brasileiros, Aldir Blanc, que faleceu há dois anos, em maio de 2020, vítima de Covid-19.
 
O musical Auto do Brasil conta a história de um menino negro periférico - num país que tem 56% de sua população negra -, por meio de 15 músicas, grande parte do álbum Tiro de Misericórdia, sendo 14 delas em parceria de Aldir com João Bosco. A produção tem ainda a participação de 12 dançarinos coreografados pela baiana Tainara Cerqueira.
 
Com clara inspiração no filme Carmen, de Carlos Saura, Auto do Brasil começa como se fosse apenas um ensaio, e aos poucos vai dando lugar à obra pronta, algumas vezes sem que o expectador perceba. A sala de aula de dança dá lugar ao terreiro de candomblé onde nasce o protagonista. A saga desse herói passa pela infância, adolescência, a descoberta da boemia, o jogo, o amor, até que é obrigado a encarar de frente as desilusões, o racismo, a intolerância, a perda, a dor, a injustiça e a morte. Nada diferente da vida real de milhões de brasileiros que em 2021 estão obrigados a viver à margem da sociedade.

A coreografia de Tainara passa pela dança afro, samba, bolero, tango e até sapateado, como não poderia deixar de ser quando se trata de mostrar a cultura de um país tão eclético e diversificado nas suas expressões artísticas.

Na trilha, com interpretações brilhantes de João Bosco e Elis Regina, tem também em alguns momentos a participação ao vivo do elenco em coro.
 
A direção do especial foi feita a seis mãos: Adriana Couto, Alberto Pereira Jr. e Joyme Nakayama. Marcio Macena assina a direção cênica, Tainara Cerqueira é a coreógrafa, e Laíze Câmara é editora e finalizadora.

Sebastião Salgado e Portinari
 
O fotógrafo Sebastião Salgado liberou imagens que integram o especial Auto do Brasil, que ainda conta com obras de Portinari estampadas em meio às coreografias e musicais.
 
Tecnologia de Cinema

A TV Cultura foi a primeira emissora do Brasil a usar duas tecnologias de cinema em sua programação, no Auto do Brasil, baseado na obra de Aldir Blanc. A transmissão foi feita com HDR, que permite cores mais vibrantes e realistas, e o áudio Dolby Atmos, que proporciona uma experiência mais imersiva, deixando a transmissão com áudio de cinema.

Postar um comentário

0 Comentários

Ad Code