Ad Code

CNN Brasil lança estratégia de análise da corrida eleitoral baseada em dados de agregador de pesquisa

Divulgação

A CNN Brasil começou a usar nesta segunda-feira (13.06) um agregador de pesquisas para oferecer ao público análises mais realistas do cenário eleitoral, a partir do cruzamento de dados de todas as pesquisas divulgadas sobre o tema. O primeiro produto a usar a nova estratégia de informação é o ''CNN 360º'', que vai ao ar a partir das 16h. 

''O objetivo do projeto é alcançar o retrato mais próximo da realidade das intenções de voto. É mais uma ferramenta que reforça a busca incessante da CNN para apresentar somente os fatos ao público e de oferecer ao eleitor o melhor conteúdo para sua escolha pessoal em outubro'', afirma o vice-presidente de jornalismo da CNN Brasil, Leandro Cipoloni.

A iniciativa conta com a parceria do Instituto Locomotiva para uso de sua plataforma de meta-análise que utiliza métodos estatísticos sofisticados de  ponderação de todas as pesquisas. O objetivo do estudo desses dados é obter um resultado o mais próximo possível da realidade sobre a corrida eleitoral.

O presidente do Instituto, Renato Meirelles, afirma que “nunca na história democrática brasileira tivemos tantas pesquisas eleitorais como temos hoje.  Ao mesmo tempo que isso significa mais informação ao eleitor, várias perguntas surgem. Em qual pesquisa acreditar? Qual o melhor método para se obter informações?”  Meirelles explica que  o agregador de pesquisas é um algoritmo que, após olhar o histórico de acertos de cada instituto de pesquisa e dos métodos de coleta de dados, atribui um peso a cada nova pesquisa, possibilitando que a audiência saiba, em tempo real, qual o termômetro da opinião pública naquele momento.

O Instituto se baseia no fato de que nenhuma pesquisa eleitoral é igual a outra.  Ainda que várias sejam aplicadas ao mesmo tempo, elas estão sujeitas a fatores que influenciam no resultado e no quanto cada uma consegue refletir as verdadeiras intenções de voto.  A metodologia do Locomotivas dá mais peso às pesquisas com maior amostra de entrevistados e maior abrangência territorial, priorizando as que têm a metodologia melhor avaliada e feitas por institutos que tiveram mais acertos no passado.

A plataforma ficará disponível para pesquisa no site da CNN Brasil.  Entre os recortes que serão usados para análises e geração de notícias no site e na TV estão as pesquisas sobre intenção de votos total e por gênero, estimuladas e espontâneas, nacionais e por região; rejeição estimulada e espontânea;  avaliação do governo; e comparativo histórico dos resultados.

Os principais institutos e empresas de pesquisas analisadas pela plataforma Locomotivas são: MDA, Ipespe, Poder Data, Datafolha, Futura, Datatempo, Ibope/Ipec, Vox Populi, Quaest, Paraná Pesquisas, Atlas, Ideia Big Data, Gerp, FSB, IstoÉ/Sensus e RealTime Big Data. 

Postar um comentário

0 Comentários

Ad Code