Ad Code


''Eu estou abrindo o meu voto claramente, eu votaria em qualquer coisa contra o atual presidente'', diz Eduardo Bueno no Provoca

Créditos: Julia Rugai

Nesta terça-feira (30/8), Marcelo Tas conversa no Provoca com o jornalista, escritor e youtuber Eduardo Bueno, conhecido também pelo apelido de Peninha. Na edição, ele fala sobre os 200 anos da Independência do Brasil, a sagacidade de Dom Pedro I, a origem do Centrão, declara seu voto para presidente do Brasil e muito mais. Vai ao ar na TV Cultura, a partir das 22h.
 
Tas comenta com Bueno que Dom Pedro I é conhecido por seu lado conquistador, mas que ele era também um homem inteligente. Peninha concorda e explica: “Atilado, sagaz (…) é que ele era iletrado e inculto, porque a Dinastia de Bragança nunca deu bola para cultura, para leitura, tanto é que a Leopoldina chega com uma caixa de livros e os caras perguntam: "O que é isso?", ela diz: livros. E serve para quê?". Quase assim. Debochavam porque ela lia”, afirma.
 
Sobre a polarização política do Brasil, Bueno diz: “eu estou abrindo o meu voto claramente, eu votaria em qualquer coisa contra o atual presidente e só tem, praticamente, uma outra opção, não é? Vai mudar, vai mudar várias coisas, óbvio, e acho que para melhor, mas vai mudar total o país? Não vai, né, e a gente vai ter mais quatro anos muito difíceis”.
 
Por fim, Marcelo Tas pergunta a Eduardo quando surgiu o Centrão e ele responde: “O Centrão surgiu quase que desde sempre. A independência do Brasil é uma articulação do Centrão (...) que invejável, o Brasil fez a sua independência e mesmo assim se manteve unido, um país que é um continente, qual foi a cola? Foi a manutenção da escravidão, o Centrão, a Bancada Ruralista do Senado chegou para o Dom Pedro e disse: "Quer o nosso apoio, sem o qual você não vai conseguir nada? Quero. Então não toca nessa instituição sagrada que é a escravidão". Por isso o Centrão existe desde sempre, antes da chegada do Cabral. Cabral desembarcou e disse: " Ué, uns brancos ali", o pessoal disse: É, nós somos do Centrão”.

Postar um comentário

0 Comentários

Ad Code