Ad Code


''Não Foi minha Culpa'': precisamos falar sobre violência de gênero

Divulgação

Todos os episódios de ''Não Foi Minha Culpa'' já estão disponíveis com exclusividade no Star+. A série dramática nacional produzida pela Star Original Productions segue o formato antológico, tendo o Carnaval como ponto comum para apresentar histórias baseadas em casos reais que revelam as contradições da sociedade machista, racista e misógina do país.

Em um vídeo exclusivo, o elenco e a diretora de “Não Foi Minha Culpa” falam um pouco sobre a importância de produções que abordam temas como esses: "A gente está fazendo um trabalho muito importante para a história. Pode ser até que evite crimes", diz a atriz Elisa Lucinda.

No ano de 2021, só no Brasil, foram registradas 1.319 mortes por feminicídios e mais de 56 mil estupros. Por mais que os números choquem, eles continuam a aumentar e a importância de falar sobre a violência contra a mulher se torna cada vez maior. "Não Foi Minha Culpa" pretende servir de alerta ao combate a esse tipo de violência, onde o público poderá se identificar com determinadas situações "Uma mulher real vivendo uma situação real do dia-a-dia e que você vai olhar e falar 'nossa podia ser eu”, comenta Ana Paula Secco.

Com um olhar específico sobre um tema de tamanha importância e delicadeza, o roteiro fica por conta de Juliana Rosenthal e Michelle Ferreira, e a direção da cineasta Susanna Lira. O elenco é composto por nomes de grandes mulheres, como: Bianca Comparato, Fernanda Nobre, Gabrielle Joie, Dandara Mariana, Aline Dias, Virginia Rosa, Simone Iliescu, Karol Lannes, Luana Xavier, Ana Paula Secco, entre outras.

''Não Foi Minha Culpa'' já está disponível com exclusividade no Star+.

*VIOLÊNCIA CONTRA MULHER É CRIME, DENUNCIE! DISQUE 180*

Postar um comentário

0 Comentários

Ad Code