Ad Code


''Nóis na Firma'' reúne grande elenco para divertir o público nas noites de sábado da Band

Divulgação House/Band

As noites de sábado não serão mais as mesmas a partir do dia 3 de setembro, data em que a turma do Nóis na Firma invade a tela da Band trazendo muitas risadas para os telespectadores na faixa das 21h.

Protagonizado por Moacyr Franco, o seriado mostra o dia a dia cômico e o relacionamento caótico entre proprietários e clientes de um coworking. Envolvidos em um golpe, eles tornam-se sócios da mesma empresa, herdam uma enorme dívida e passam a aceitar qualquer tipo de serviço para os quais não têm a menor competência. Como todos os brasileiros, criam, inventam e se viram de todas as formas com o intuito de atender as demandas em busca de dinheiro para pagar os boletos. Tudo se passa em um único andar da empresa Nóis na Firma, que aluga espaços para outras pessoas usarem.

“Eu aceitei de cara fazer o programa e estou muito orgulhoso de estar no meio de profissionais tão divertidos e inteligentes”, elogia Moacyr, que interpreta os gêmeos Vando e Armando. Com 85 anos de idade e mais de 60 de carreira, o veterano continua esbanjando vitalidade no palco. “O segredo está em ocupar a mente e não dar sossego ao cérebro. Humor é surpreender e isso não impede de aceitar que sou um bobalhão e que a minha opinião não vale nada”, brinca.

Na trama, Marcelo Médici vive Júnior Filho, um homem de 40 anos que continua agindo como adolescente enquanto é mimado pelos pais. “Estamos com uma energia muito legal. A Band está acreditando em nós e queremos retribuir isso de alguma maneira. Hoje em dia há milhões de questionamentos e algumas coisas que não cabem mais nas piadas, por isso temos que nos atentar ao fato de que o limite do humor é o bom senso”, explica ele, que raramente assiste aos próprios trabalhos. “Os papéis mais desafiadores para mim são os de comédia, por incrível que pareça”.

O tom de ingenuidade será dado por Gorete Milagres, que traz de volta à televisão a já conhecida personagem Filó. Nesta nova fase, a dona do bordão ‘Ô... Coitado’ surge um pouco mais birrenta do que o de costume. “A Filomena está fora do ar há dezessete anos, mas nesse período eu a interpretei no teatro e apareci em vários programas de TV. Ela tem um carisma muito grande e uma alegria de viver sem igual. É uma mulher pobre, batalhadora, porém sempre muito feliz, exceto quando está trabalhando em uma empresa falida onde a colocam como sócia, fazendo com que passe a ter uma dívida de R$ 10 milhões. Por este motivo, ela está mais ranzinza, topetuda e chata”, adianta.

Mesmo com as alterações de personalidade, a identificação do público com essa figura emblemática tem tudo para ser mantida. “Todo mundo conhece alguém ‘caipira’ como ela. Eu sempre procuro trazer algo leve, ingênuo e bacana. Essa é minha marca registrada. Desejo que quem estiver assistindo se encante pela velha Filomena, que não perdeu sua essência, mas ao mesmo tempo entenda essa transformação que ela sofreu por estar em um ambiente onde todos passam a perna uns nos outros”.

Com quase 35 anos de televisão, o diretor Maurício Donato acredita que a atração tem muita brasilidade e fala para todos os tipos de cultura. “Eu dirigi muitas comédias de situação, mas acho que essa tem dois destaques importantes: a ambientação em um coworking e a junção de 14 personagens”, ressalta ele, que contabiliza passagens por todos os canais abertos do Brasil, além de ter adquirido experiências em dramaturgia, drama, humor, entretenimento, jornalismo e política.

“A ideia do Nóis na Firma é atingir todas as faixas etárias. Proporcionar um horário para a família brasileira descansar e se divertir. Atualmente, temos poucas opções de humor na TV. A Band está sendo pioneira em lançar um programa com esse investimento e qualidade, tanto de roteiro quanto de elenco e infraestrutura. E o que é melhor: em um lugar cinematográfico como os Estúdios Vera Cruz”, pontua. 

Nomes consagrados com atuação na TV, rádio e teatro completam o time, como as atrizes Valéria Vitoriano (Rossicléa) e Mônica Augusto (Marta Lúcia), os integrantes do Café com Bobagem Oscar Pardini (Silas Sales), Zé Américo (Valdecir), René Vanordem (Ataulfo), Robson Bailarino (Saturnino), Enio Vivona (Vanesso), Ivan de Oliveira (Cândido), e ainda as modelos e influenciadoras digitais Ana Paula Minerato (Glorinha Real) e Aricia Silva (Desirée Bourbom). Além disso, cerca de 120 profissionais estão envolvidos na produção desde o início das operações.

O seriado está sendo gravado nos estúdios da antiga companhia cinematográfica Vera Cruz, em São Bernardo do Campo (SP), que desde o início do ano passaram a ser administrados pela PRH-9 Produções, nova empresa de conteúdo audiovisual do Grupo Bandeirantes. O local, onde surgiram artistas aclamados do cinema nacional como Tônia Carrero e Amácio Mazzaropi, está aberto para grandes produções, como o Nóis na Firma, MasterChef Brasil e outros realities e longas-metragens de players do mercado.

O humorístico é livremente inspirado na criação de Rosana Hermann e Emílio Boechat. A redação final é de Márcio Araújo, enquanto a supervisão de texto é de Claudio Torres Gonzaga. A direção geral é de Maurício Donato.

O seriado está sendo gravado nos estúdios da antiga companhia cinematográfica Vera Cruz, em São Bernardo do Campo (SP), que desde o início do ano passaram a ser administrados pela PRH-9 Produções, nova empresa de conteúdo audiovisual do Grupo Bandeirantes. O local, onde surgiram grandes nomes do cinema nacional como Tônia Carrero e Amácio Mazzaropi, está aberto para grandes produções, como o Nóis na Firma, MasterChef Brasil e outros realities e longas-metragens de players do mercado.

Nóis na Firma vai ao ar todo sábado, às 21h, com transmissão simultânea no Band.com.br, no aplicativo BandPlay e no YouTube do Band Entretê.

Postar um comentário

0 Comentários

Ad Code