Ad Code


Raul Gazolla fala sobre documentário, Glória Perez, saúde e carreira no The Noite

Divulgação Lourival Ribeiro/SBT

Raul Gazolla estará no The Noite desta quarta (10). Um dos entrevistados do documentário ''Pacto Brutal: O Assassinato de Daniella Perez'', o ator recorda uma situação que viveu na época do crime: “me lembro que a Glória (Perez) chegou para mim, depois do enterro da Dani, e falou assim: ‘Raul, a gente precisa arranjar um advogado, para defender a Dani’. Eu falei ‘como é que a gente vai ter um advogado para defender alguém que teve uma morte tão violenta?’. Ela ‘porque eles vão achincalhar a memória dela’. Não sei, parece que fica mais brando para a população quando a vítima, de alguma maneira, fez uma coisa errada, teve um caso com o assassino, traiu o marido, coisa que nunca aconteceu, não houve nada disso. Entendi isso durante esse processo, até o julgamento, quando os assassinos tiveram ‘n’ versões do caso e não conseguiram provar, cinco anos depois”. 

Falando do questionamento de algumas pessoas sobre não terem incluído os depoimentos de Guilherme de Pádua e Paula Thomaz na produção, Raul afirma: “não houve entrevista com os assassinos. Cinco anos eles deram fake news, fora as entrevistas que eles deram em alguns programas de televisão. Eles, não. Ele. Porque ele é muito megalômano. Um assassino, vermezinho, ele quer aparecer”. Sobre o sentimento de ter participado do documentário, relata: “é sempre muito difícil a partir do momento que você perde uma pessoa que não foi por causa natural, uma doença ou acidente. Foi assassinada, tirada da gente. Todo ano é muito difícil. Eu encontro com a Glória duas, três vezes por ano, e a gente fala sobre isso”. 

E volta a elogiar a autora: “sempre tive esse carinho, essa admiração pela Glória, com a força que uma mãe tem. Mas, depois do documentário, você vê que é muito grande. Ela fez um trabalho de detetive, de ir atrás dos frentistas que não queriam dar depoimento.... A Glória é coisa de filme, ela é um ser de outro planeta. Ela conseguiu viver com isso, escrever as novelas que ela escreveu, continuar escrevendo a novela com a filha tendo sido assassinada. Não sei como classificar a Glória além de genial”. 

Se preparando para estrear na próxima novela das nove da Globo, fala de seu papel: “estou fazendo um personagem que é dono de uma academia ao ar livre. O nome dele é Van Damme”. Sempre associado ao universo dos esportes, comenta: “sou um atleta amador. Aquele que não treina para ser campeão, só treina”. Gazolla recorda ainda os problemas de saúde que já enfrentou e explica: “já estou no quinto infarto. Em 2014 tinha um ‘stent’, agora tenho dois. O mais f* foi o quarto. Estava treinando, fazendo cross fit e, no primeiro exercício, senti uma pontadinha no coração.... Dei dez passos e falei ‘acho que deu ruim’. Já não estava vendo direito o telefone e pedi para ligar para a minha mulher me buscar. Eu já não ficava mais em pé, no carro fui vomitando, quando cheguei no hospital o médico olhou e falou ‘ih, vou perder o maluco’. Eu estava escutando tudo". 

O The Noite é apresentado por Danilo Gentili e vai ao ar de segunda a sexta-feira, no SBT. Hoje, 00h45.

Postar um comentário

0 Comentários

Ad Code