Lucas Veloso participa de 'Cine Holliúdy 2' como o bandido Saia Vermelha

Divulgação Globo/Cadu Pilotto

Mais uma participação para lá de especial promete divertir o espectador de 'Cine Holliúdy 2' nesta semana. Em cena prevista para ir ao ar no episódio de amanhã, dia 25, o ator paraibano Lucas Veloso interpreta o bandido Saia Vermelha. O ator viajou para Quixadá, no Ceará, com parte da equipe e elenco para realizar as gravações, que seguiram nos Estúdios Globo. Na trama, Olegário (Matheus Nachtergaele) observa Saia Vermelha pedindo carona na estrada e, seduzido pelo bandido, ainda sem saber de quem se trata, lhe concede uma carona. 
 
Olegário fica animado com a companhia, mas logo o bandido anuncia que é um assalto e o deixa literalmente sem calças. A ação toda acontece minutos depois de Olegário ouvir no rádio que o Bandido Saia Vermelha está solto, mas hipnotizado pela figura, não faz relação, e por isso não prevê os riscos que está correndo. Em determinado momento, o ex-prefeito acredita que o bandido está morto e tenta levar vantagem sobre o embate entre eles quando retorna a Pitombas. Ciente do fato, Saia Vermelha não vai deixar barato e busca vingança. Confira abaixo a entrevista com Lucas Veloso:
 
Como você define a sua personagem?
Acho que o Saia Vermelha deve ter fugido de algum desenho animado, porque a impressão que eu tenho é justamente que, para ele, tudo é possível! E, claro, dentro do universo de ‘Cine’, o objetivo é brincar e se divertir como se realmente estivéssemos dentro de um desenho animado.
 
Em que/quem se inspirou para fazê-la?
Eu não sabia muito por onde ir até me caracterizar! Depois que me vi com todos os aparatos do Saia Vermelha, resolvi me inspirar em meu pai, o Shaolin, com toda liberdade que ele tinha pra fazer a Xoelma e utilizar de qualquer elemento da cena a seu favor.
 
Qual a sua expectativa para ver este trabalho no ar? 
Normalmente eu não me assisto, mas alguns trabalhos que eu faço fico curioso para saber do resultado, e acho que nunca fiquei tão curioso como estou agora! 
 
Como foi contracenar com o elenco de ‘Cine Holliúdy’? Já tinha participado em outra oportunidade? Conhecia os atores de outros trabalhos que fez? 
Maravilhoso! Logo quando cheguei, participei de um ensaio e fui recebido por todos como se eu já fizesse parte de tudo há muito tempo! Pude reencontrar amigos de longa data como Edmilson, Falcão e a Heloísa Périssé, e claro, fiz amizade com todos muito rápido. Eu sempre tive vontade de trabalhar com eles, e em especial com o Halder, acho ele maravilhoso! Já comecei a recolher assinaturas para petição para a volta do Saia Vermelha! (risos)
 
Como foi o convite para atuar na série?
Quando me ligaram e usaram “convite” e “Cine Holliúdy” na mesma frase, eu nem ouvi o que era, só disse “quero”. Eu acompanho o projeto desde que começou e acho fantástico! Ter o nosso sotaque nordestino na tela, poder dividir nossa cultura com o mundo, é uma vitória pra todos os nordestinos.
 
E como foi fazer a caracterização do Saia Vermelha? Alguma curiosidade dos bastidores? 
Eu já me vesti de mulher para alguns trabalhos, como ‘Os Trapalhões’, em 2017. Mas nenhuma caracterização foi tão detalhada quanto essa. Unhas, salto alto, olhos, peruca (impecável por sinal), seios, meia calça e tudo que tiver direito. A equipe de caracterização deu um verdadeiro show! O processo todo levou mais ou menos 2 horas para montar e mais ou menos 1 hora para desmontar. Claro que a Marina Ruy Barbosa quase perde a vaga pra o ruivo do Saia Vermelha, mas não foi dessa vez! (Risos) 
 
Tem algum outro projeto em andamento?
Enquanto estou produzindo meu filme e aprendendo bastante sobre cinema, estou aberto a convites. Ultimamente tenho feito muita coisa na área da comédia, mas adoraria transitar por outros cenários também. Minha experiência com ‘Velho Chico’ me deixou com o gostinho de “quero mais” nesse universo das novelas. 
 
‘Cine Holliúdy’ é uma série criada e escrita por Marcio Wilson e Cláudio Paiva, baseada no longa-metragem homônimo escrito e dirigido por Halder Gomes. A obra é escrita com Adriana Falcão, Juca Filho,Chico Soares e César Amorim. A direção artística é de Patricia Pedrosa com direção de Halder Gomes e Ricardo Spencer. A produção é de Erika da Matta e a direção de gênero é de José Luiz Villamarim. A série de 11 episódios, exibidos às terças, conta ainda com Matheus Nachtergaele, Heloisa Périssé, Solange Teixeira, Carri Costa, Lorena Comparato, Frank Menezes, Caca Carvalho, Falcão Maia, Gustavo Falcão e Flávio Bauraqui no elenco, e participações especiais de Luiza Tomé, Gero Camilo, Lucas Veloso, Nanda Costa, Eduardo Sterblitch, Stepan Nercessian, entre outros.

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do O Universo da TV.

Postagem Anterior Próxima Postagem

Formulário de contato