Aloizio Mercadante fala sobre o futuro do BNDES no 'GloboNews Míriam Leitão' desta quarta-feira

Divulgação Globo

Em sua primeira entrevista após ser anunciado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva para assumir o comando do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), Aloizio Mercadante conta à jornalista Míriam Leitão no programa desta quarta-feira, dia 11, quais serão as prioridades do banco de fomento que se concentrará, principalmente, no estímulo à economia verde, digital e inclusiva e na democratização de acesso ao crédito para microempresas, setores inovadores e cooperativas agrícolas. Mercadante afirmou que o BNDES, em parceria com o mercado de capitais, apostará na reindustrialização do país, mas garantiu que o modelo de privilégios aos ''campeões nacionais'' (programa de incentivos a empresas de alguns segmentos econômicos) é “uma página virada”.   
 
Segundo ele, a política adotada pelo banco de subsídios a grandes empresas não faz mais sentido. “Para essas empresas consolidadas, já existe um mercado de capitais pronto e forte, com o qual o BNDES fará parceria”. Para fomentar estudos estratégicos em torno da economia verde, Mercadante convidou para compor a diretoria e o conselho do banco Carlos Nobre, um dos maiores climatologistas do mundo; Isabela Teixeira, ex-ministra do Meio Ambiente; Tereza Campello, ex-ministra do Desenvolvimento Social; e André Lara Resende, um dos mentores do Plano Real, que já presidiu o BNDES. 
 
Ainda de acordo com Mercadante, o banco de fomento pretende se empenhar para acelerar a inclusão digital nas escolas públicas, em parceria com o setor privado, o que deverá custar R$ 7 bilhões.  
 
O programa 'GloboNews Miriam Leitão' vai ao ar nesta quarta-feira, dia 11, às 23h30.  

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do O Universo da TV.

Postagem Anterior Próxima Postagem

Formulário de contato