Documentários sobre a relação do humano com o sagrado e a experiência em crenças religiosas entram na programação do SescTV

Foto: Divulgação

A partir do dia 12 de abril o SescTV apresenta três documentários sobre religiosidade: O primeiro deles, Terreiros do Candomblé de Cachoeira e São Félix, tem direção de Ceiçça Boaventura e fala sobre a diáspora que teve início em Cachoeira e São Félix, na Bahia, e como os terreiros se instalaram dentro e no entorno dessas cidades. 

O segundo será exibido no dia 19 de abril, às 22h. Trata-se do premiado O Som dos Sinos, com direção de Marcia Mansur e Marina Thomé, e que representa a experiência religiosa no cotidiano e busca o universo simbólico da fé íntima e das cidades onde reverberam os toques dos sinos, registrados como patrimônio imaterial brasileiro. 

Para fechar a tríade, o canal apresenta o documentário Açucena, com direção de Isaac Donato no dia 26 de abril, também às 22h. O filme conta a história de Açucena, uma mulher de 67 anos que, todo ano, comemora seu aniversário de 7 anos.

Terreiros do Candomblé de Cachoeira e São Félix, direção Ceiçça Boaventura
2016, BA, 70 minutos

O documentário se desenvolve a partir da diáspora que teve início nas cidades de Cachoeira e São Félix, e como os Terreiros se instalaram dentro e no entorno das referidas cidades. São dez os terreiros de candomblé patrimonializados nas cidades de Cachoeira e São Félix, no Recôncavo Baiano. As duas cidades, tiveram histórias de lutas e glórias idênticas; as duas estão repletas de religiosidade, contendo terreiros de variadas nações: Angola, Jeje e Nagô, legado espiritual dos africanos que contribuíram para o desenvolvimento das cidades.

Dia 12, às 22h

O Som dos Sinos, direção de Marcia Mansur e Marina Thomé

2016, MG, 70 minutos

Em Minas Gerais, toques de sinos anunciam e marcam o ritmo da vida dos moradores das cidades históricas. O tempo do trabalho, do descanso, da oração, da celebração. Os sineiros, personagens do alto das torres, aprendem como comunicar mortes, partos, incêndios, missas e horários sacros. Os toques dos sinos de hoje se transformaram através do tempo, misturando à sua origem colonial a forte presença africana no Brasil. O documentário é uma representação da experiência religiosa no cotidiano e busca o universo simbólico da fé íntima e das cidades onde reverberam os toques dos sinos, registrados como patrimônio imaterial brasileiros.

Dia 19, às 22h

Açucena, direção de Isaac Donato
2021, BA, 71 minutos

O documentário mostra o cotidiano de Dona Guiomar, uma mulher baiana, que vive em um pequeno povoado e ao comemorar seus 67 anos, faz os preparativos para uma festa de 7 anos. O documentário ganhou os prêmios de Melhor Filme na 24ª Mostra de Cinema Tiradentes, Melhor Longa Documental do Júri Oficial do XII Cinefantasy – Mostra Internacional de Cinema Fantástico, Melhor filme no Júri Oficial no Panorama Internacional Coisa do Cinema e Melhor Filme do Júri APC/Bahia no Panorama Internacional Coisa de Cinema em 2021.

Dia 26, às 22h 

O Universo da TV

O Universo da TV é o site perfeito para quem quer ficar por dentro das últimas novidades da TV. Aqui, você encontra notícias sobre TV paga, programação de TV, plataformas de streaming e muito mais. É o único site que oferece uma cobertura completa da TV, para que você nunca perca nada. facebook instagram twitter youtube

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do O Universo da TV.

Postagem Anterior Próxima Postagem

Formulário de contato