TV paga deve voltar a ganhar assinantes após mais de um ano de queda


TV paga deve ter seu primeiro número positivo depois de muita queda. (Divulgação)
A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) deve divulgar na próxima semana o primeiro número positivo em assinantes no setor após muitos meses de queda.

Segundo fontes do mercado, maio foi marcado por um pequeno crescimento no número de assinantes de TV paga no Brasil. Um suspiro aliviado após uma queda que parecia não ter fim.

Os dados, que estavam sendo guardados para serem divulgados na próxima semana pela Associação Brasileira de TV por Assinatura, a ABTA, trazem um crescimento na casa de 100 mil assinantes em maio, com relação a abril.

Em abril, as operadores de TV paga perderam cerca de 43,6 mil clientes o que significa uma queda mensal de 0,3%. No acumulado anual, a queda é de 5,4%, ou 852 mil clientes. É o mais elevado percentual de queda anual registrado.

O Brasil encerrou abril de 2016 com 18,91 milhões (- 43,6 mil assinantes) de contratos de TV por Assinatura. No quarto mês deste ano, o serviço estava presente em 28,37% dos domicílios brasileiros.

Com o pequeno crescimento, o país voltará para casa dos 19 milhões de assinantes. Em meio a um cenário de crise econômica, manter a base de clientes já uma meta difícil no setor. Um crescimento, mesmo que pequeno, deve ser muito comemorado.

Nenhum comentário:

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.

Tecnologia do Blogger.