Header Ads

Animal Planet estreia a série inédita SOS! Meu Pet Come Mal


Em série inédita, adestrador corrige comportamento dos donos para combater obesidade em animais de estimação. (Imagem/Divulgação) 
Travis Brorsen se especializou em criar e executar planos de reeducação para pacientes sedentários e comilões: animais de estimação que estão muito acima do peso. SOS! MEU PET COME MAL (My Big Fat Pet Makeover), a nova série do Animal Planet, acompanha Travis no atendimento a famílias que possuem um pet obeso, estão preocupadas com a saúde do animal, mas não sabem como solucionar o problema.

No ar a partir deste domingo, 12 de novembro, às 19h50, a primeira temporada é composta por seis episódios de uma hora. Cada um deles registra o trabalho de Travis em duas casas, com projetos de reeducação que duram cerca de quatro meses. Como adestrador de cães e especialista em treinamento de animais, ele usa seus conhecimentos e experiências para implementar mudanças drásticas na alimentação e introduzir a rotina de exercícios para esses animais.

Mudar os hábitos de pets obesos requer um tratamento que chegue também aos humanos; na maioria absoluta das vezes os donos são parte do problema. Além disso, o animal não tem consciência da necessidade de mudança em sua rotina, o que faz com que a obediência ao plano traçado por Travis precise ser garantida por humanos – eles devem ser os primeiros a aderir e cumprir as determinações à risca.

Corrigindo padrões de comportamento tanto de humanos, quanto dos bichos, Travis inicia mudanças que afetam a todos nas casas que visita, criando modos de interação saudáveis, redefinindo as formas de expressar o amor e devolvendo a alegria aos animais e a seus donos.

No episódio de estreia da série, o paciente da vez é Beau Nugget, um gato de 10 anos que mora com Valerie e Rick. Dorminhoco e comilão, ele pede comida o tempo todo e a recebe sem restrições. Travis percebe que existe uma inversão de papeis de controle: Beau Nugget manda na casa e desenvolveu suas próprias estratégias para conseguir comida – entre elas está manter os donos acordados a noite toda. Pesando quase 11 quilos, Beau Nugget pode desenvolver doenças graves como diabetes e artrite, além de complicações renais e cardíacas. 

Travis mostra em porções humanas a discrepância entre as calorias que o gato deveria ingerir diariamente e aquelas que são oferecidas a ele. Novos brinquedos e um aparelho de monitoramento das calorias fazem parte do plano de Travis – o objetivo é fazer Beau Nugget chegar aos sete quilos e meio em quatro meses.

Ainda na estreia, Gracie é um cão de três anos que vive com as donas, Madison e Lisa. Adotada quando ainda era um filhotinho, Gracie e começou a ganhar peso com menos de um ano e precisa perder alguns quilos para fazer uma segunda cirurgia no joelho.

Pesando quase 20 quilos, Gracie está em uma situação complicada: Lisa e Madison acham que ela não pode fazer qualquer exercício, nem mesmo se levantar para comer, por causa do problema nos joelhos. Mas, se Gracie não perder peso, ela não pode fazer a cirurgia. Natação é a alternativa encontrada por Travis, que também trabalha com as donas para que elas percam o medo: há exercícios que Gracie pode – e deve – fazer.

Nos Estados Unidos, o índice de obesidade entre os pets superou os 50%. São, majoritariamente, cães e gatos que apresentam dificuldade de locomoção, respiração e estão submetidos a diversas complicações na saúde que podem ser trazidas pela obesidade.

Nenhum comentário

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.