Home Top Ad

TV Brasil exibe programação especial no Dia das Crianças

Share:

(Imagem/Divulgação TV Brasil)
Para comemorar o Dia da Criança, a TV Brasil Animada preparou uma  maratona com mais de 12 horas de desenhos e temporadas inéditas de séries, animações e filmes. Na sexta-feira, dia 12, a partir das 10h da manhã, a garotada vai se animar com os novos desenhos “Porto Papel”, “Turminha Poderosa”, “As Aventuras de Teca” e “Os Dinâmicos”, além da segunda temporada da novela “Gaby Estrella” e  da série “Venha Ver o Meu Mundo”. 

A festa da meninada ganha ainda dois especiais do Música Animada no Dia da Criança. Pela manhã, às 11h15, “Canções, Histórias e Brincadeiras Musicais” , de Bia Bedran, oferece à garotada de todas as idades um grande quintal de encantamento e imaginação através dos livros. E à noite, às 23h15, no musical “O Choro de Pixinguinha”, cinco crianças resolvem encenar uma peça teatral sobre o músico, apresentando histórias, músicas e arranjos desse grande maestro, flautista e saxofonista brasileiro. 

No finalzinho da tarde e à noite, a criançada também pode preparar seu “kit detetive” para ajudar o herói Tintim. Serão exibidos dois longas do detetive criado pelo autor belga Georges Prosper Remi, mais conhecido como Hergé, em 1929. Às 17h30, a TV Brasil Animada exibe o filme “Tintim e o Lago dos Tubarões”, de 1969.  Às 21h45 é a vez da meninada acompanhar as aventuras de “Tintim e o Caso Calculus”, de 1954. 

Toda programação da TV Brasil Animada será entremeada por filmetes do inédito “Trilhinha de Letras”, onde crianças falam sobre livros e de suas experiências com a leitura. Ao todo, serão exibidas sete inserções como é o caso Liliane Coutinho Leal, de 9 anos, que é cega e lê livro em braile "Quem tem medo de voar";  Lara Rabello Bavier, de 8 anos, autora do livro “Arroz maluco”; e Emanuelle Cristini da Costa Azevedo, de 9 anos, que lê o livro "João e Maria". 

A noite do Dia da Criança termina com a exibição do premiado documentário “O Cinema Animado”, que resgata as etapas pelas quais passou o cinema de animação brasileiro até que chegasse a ocupar espaço nas TVs, ser reconhecido nos festivais internacionais e indicado ao Oscar.

Principais atrações da TV Brasil Animada no Dia das Crianças: 

Música Animada -  Bia Bedran - às 11h15

Bia Bedran apresenta espetáculo musical composto de histórias, brincadeiras, canções já conhecidas e outras inéditas. Valorizando a presença física dos livros, os contos e os personagens ganham vida numa contínua viagem musical.

Em cada história escolhida para o show, Bia cria uma performance diferente explorando seu lado de atriz. Com muita diversão,  utilizando bonecos manipulados e objetos que ganham vida em suas

mãos, Bia criou esse espetáculo “Canções, Histórias e Brincadeiras Musicais” que oferece às crianças de todas as idades um grande quintal de encantamento e imaginação.

 Porto Papel - às 13h20

A animação conta as experiências de Matilde, uma menina de 12 anos que vai passar as férias de verão na casa de seu avô, Barbacrespa, na cidade fictícia chamada Porto Papel. Depois de um incidente durante sua chegada à exótica e pacata cidade onde nada acontece, Matilde se depara com um misterioso coco mágico que lhe dá poderes extraordinários, mas que mudam diariamente e nem sempre servem para muita coisa. Ao lado de Carlos, o único de seus amigos que conhece seu segredo, Matilde se mete em divertidas aventuras e situações inusitadas.

Turminha Poderosa - às 14h15

 Com 39 episódios, de oito minutos cada, a série francesa trata de temas como diversidade e bullying. Dona de um conteúdo original e divertido, a animação ensina os jovens a aceitarem-se como são e que pequenos defeitos podem ser transformados em “superpotências”. 

 As Aventuras de Teca - às 14h25

Com 78 episódios, de três minutos cada, a série é uma animação infantil e traz aventuras de Teca, uma menina que é pura curiosidade e alegria, com amigos prontos para o que der e vier. Os pais de Teca se chamam Zé Maria e Marília, e vão precisar de muita energia para acompanhar a animação da turminha. Também estão em cena, Bia e Nara, amigas de Teca, Vitor, companheiro de Guto, o irmão de Teca, Tia Vera, a Dinda do Guto, e o Aristeu, o avô da Bia. Todo esse pessoal se reúne agora numa linda casa colorida, reformada especialmente para eles. Teca vive suas aventuras por entre os dois andares da casa, que têm sala de estar, sala de jantar, cozinha, quartos, quintal, varanda e uma oficina.

Os Dinâmicos - às 14h30

Pacatos, engraçados e contadores de “casos da região”, os músicos da banda “Mestre Vieira e Seu Conjunto” tocam num ritmo original e contagiante, alegrando as pequenas vilas ribeirinhas da Amazônia onde vivem. Enquanto animam as festas e convivem num estúdio, eles também guardam um segredo. 

Mestre Vieira, Idalgino Cabral, Lauro Honório, Dejacir Magno, Luis Poça e Batera são mais que bons instrumentistas, eles são super-heróis da Amazônia. Ao receberem os pedidos de socorro e denúncias de crianças sobre atos contra a natureza, eles se transformam em “Os Dinâmicos”. Em cada história, eles revelam, por meio do mágico universo da animação, as características do povo da região, sua linguagem, revelando costumes e lendas da Amazônia.

Comédia e aventura musical, “Os Dinâmicos” homenageia também as animações que permearam a imaginação de crianças e jovens dos anos 1970 e 1980, que traziam séries animadas de aventura, envolvendo personagens, heróis e suas bandas musicais

Venha Ver o Meu Mundo - às 19h30

Segunda temporada da série que trata do cotidiano de crianças e adolescentes em vários países: Quênia, Alemanha, Cuba, Colômbia, China, Uganda, Filipinas, Índia, entre outros. Cada episódio apresenta um protagonista de uma região diferente do mundo, revelando seus passatempos preferidos, seus sonhos ou ideais, problemas do dia a dia, a superação de novos desafios. As vidas destes jovens são tão diversas que, por meio de seu cotidiano, é possível conhecer de perto a cultura de seu país de origem.

Gaby Estrella

A novela mirim “Gaby Estrella” conta a história de uma menina de 13 anos que saiu da cidade grande para morar em uma fazenda da avó no interior. No Dia da Criança estreia a segunda temporada da novelinha, protagonizada pela jovem atriz Maitê Padilha. Na segunda temporada, com 42 episódios, Gaby continua investindo na carreira de cantora. 

Com 13 anos, a adolescente Gaby Estrella vê seu mundo desabar quando é obrigada a se mudar do Rio de Janeiro para a fazenda de sua avó. No campo, ela se sente um “peixe fora d´água” mas descobre sobre o passado de seu pai, a história da família Estrella e sua relação com a música. Gaby também enfrentará os dilemas do início da adolescência. Ela descobre que o amor pela música será o fator crucial de união entre família e amigos em sua caminhada para se tornar uma verdadeira estrela.

Música Animada - Pixinguinha - às 23h15

No musical, os meninos Júnior, Marilú, Beto, Bianca e Lucinha decidem encenar uma peça teatral sobre Pixinguinha. A garotada pesquisa as histórias e os sons do Moleque Pizindin (apelido que na língua natal de sua avó africana, significava “menino bom”). Vai surgindo então, aos olhos da plateia, um espetáculo elaborado por crianças sobre Pixinguinha, apresentando histórias, músicas e arranjos do músico. Sob a perspectiva do olhar infantil, os aspectos da vida e da música de Pixinguinha são apresentados de forma a despertar no público curiosidade e interesse pela obra do mestre. O  chorinho, gênero a que Pixinguinha dedicou a maior parte de sua vasta produção, tem destaque especial na produção.

O Cinema Animado - À meia-noite e 15 (0h15)

O documentário “O Cinema Animado” resgata as etapas da história do do cinema de animação no Brasil. No longa-metragem, o diretor Arnaldo Galvão faz  um breve histórico dos primeiros anos do cinema nacional. 

Apesar do cinema de animação brasileiro existir em pequenos núcleos há cerca de um século, o documentário mostra a importância da criação do Centro de Técnico do Audiovisual (CTAV), em 1985, para a consolidação do gênero no Brasil.

Com quase duas horas de duração, o filme recupera relíquias da animação nacional, como a primeira abertura do desenho Rá-Tim-Bum, criada por Fernando Meireles, e as primeiras cenas de Meow (1981), curta-metragem de Marcos Magalhães, vencedor do grande prêmio do júri no Festival de Cannes.

O documentário traça um painel amplo e preciso dos bastidores de todo o processo da animação. O filme remonta ao começo da atividade audiovisual no Brasil, às experiências com animação nos grandes estúdios, passa pela criação do Anima Mundi e analisa a conjuntura da atividade no país.




Nenhum comentário

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.