Home Top Ad

Sem Censura fala da tecnologia no combate ao aedes aegypti

Share:

Divulgação TV Brasil
O Sem Censura desta quarta-feira (23) que a TV Brasil exibe ao vivo, às 17h, recebe alunos do Cefet de Nova Iguaçu, Rio de Janeiro, que inventaram uma tecnologia de identificação e rastreamento de focos do aedes aegypti através de drones e de inteligência artificial. Ao reconhecer a água parada, o protótipo pode auxiliar na eliminação de criadouros do mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya.

Integrantes da equipe de robótica do Núcleo de Pesquisa em Mecatrônica (Nupem) do campus de Nova Iguaçu, os nove alunos trabalharam ao longo de um ano na criação do sistema. Depois de tornar mais eficiente o combate à proliferação do inseto, o próximo passo do grupo é vender a tecnologia para empresas ou governo.

Ainda no programa de quarta, os apresentadores Vera Barroso e Bruno Barros conversam com o ator Rafael Zulu, em cartaz com o espetáculo “DeZencontros”, no Rio de Janeiro. Com direção de Wendell Bendelack, a peça mostra os encontros e desencontros do casal Hebert e Rosane, que se conheceu nos anos 1980 em um baile do colégio. A trama mostra as dúvidas, medos e incertezas dos jovens.

E no palco do Sem Censura, o DJ e músico Feyjão e o cantor Mosquito falam sobre o projeto “Roda de som”, que acontece no dia 24 de outubro no Jockey Club do Rio.