Home Top Ad

Série Galápagos explica a adaptação da vida na TV Brasil

Share:

Divulgação TV Brasil
O episódio inédito da série Galápagos aprofunda a análise sobre a adaptação da fauna e da flora no arquipélago. A TV Brasil apresenta "As ilhas que mudaram o mundo", segundo capítulo da produção documental, nesta quinta (3), às 22h30.

Para escrever sobre a evolução das espécies, Charles Darwin visitou as Ilhas Galapágos, no Equador, em 1835. As experiências e estudos desenvolvidos por ele sobre o ambiente mudaram a compreensão da vida na Terra.

Com reconstrução dramática e imagens impressionantes da vida selvagem, a série ambiental produzida pela BBC explora o lado oculto das ilhas, revelando por que, mais do que qualquer outro lugar, elas são uma vitrine para a evolução.

Através do movimento das placas continentais, as ilhas se espalharam e formaram grupos, sendo cada arquipélago com seu próprio clima, caráter e correntes oceânicas. A vida nas ilhas foi forçada a se adaptar às mudanças ou estava fadada à morte.

As conchas de tartaruga mudaram de forma para se ajustarem à ilha em que habitam, as flores tornaram-se amarelas para atrair a única abelha que chegou até lá. Já os corvos-marinhos perderam o poder do voo - trocando-o por racionalização e uma vida mágica em busca de peixes nas águas cintilantes de Galapágos.

Mas nem toda a vida aqui está confinada aos Galapágos. Fragatas vêm de quilômetros ao redor, as baleiras cachalotes visitam as águas para procriar e visitantes humanos também vêm ver o ambiente que mudou o curso da história.