Home Top Ad

Roda Viva entrevista Ana Maria Braga na próxima segunda-feira na TV Cultura

Share:

Divulgação

Nesta segunda-feira (21/9), o Roda Viva entrevista a apresentadora Ana Maria Braga. Esta é mais uma edição da série que marca os 70 anos da televisão no Brasil. Apresentado por Vera Magalhães, o programa vai ao ar a partir das 22h, na TV Cultura, no site da emissora, no canal do YouTube e nas redes sociais Twitter, Facebook, e Linkedin.

Depois de se formar em Biologia pela Universidade Estadual Paulista (UNESP), Ana Maria Braga trocou São José do Rio Preto por São Paulo, com a intenção de se especializar nesta área. Como precisava pagar os estudos, arranjou um emprego na TV Tupi. Terminava ali a carreira da bióloga e nascia a da jornalista e apresentadora que viria a comandar um dos programas de maior sucesso na televisão brasileira.

Na TV Tupi, ela descobriu a paixão pelas comunicações. Cursou jornalismo, apresentou telejornais e criou seu primeiro programa destinado ao público feminino.

Em seguida, dirigiu o setor comercial das revistas femininas da editora Abril, começando pela Claudia. Voltou para a televisão na Record, onde dirigiu, produziu e apresentou o programa Note e Anote, durante sete anos. O convite para se transferir para a TV Globo veio em 1999, o que resultou na criação do programa Mais Você, que logo conquistou a liderança de audiência no segmento.

No programa, entre outros assuntos, Ana fala sobre sua trajetória na TV e os desafios enfrentados em sua vida pessoal, como a recente luta contra o câncer, que encarou com transparência, além das mudanças impostas pela pandemia.

O Roda Viva conta com uma bancada de entrevistadores formada por Fefito, jornalista do UOL e da TV Gazeta; Janaína Nunes, jornalista da TV Record; Ana Lucia Ribeiro, jornalista da TV Democracia; Renata Simões, repórter do programa Metrópolis da TV Cultura; e Paulo Sampaio, jornalista do Uol. Há ainda a participação do cartunista Paulo Caruso.


Nenhum comentário

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.