Home Top Ad

Queimadas na Amazônia e Pantanal são tema do Repórter Eco

Share:

Divulgação

As queimadas na Amazônia e no Pantanal ainda assolam a fauna e a flora brasileira, além de colocar em risco povos indígenas e comunidades tradicionais que vivem nessas regiões. O Repórter Eco deste domingo (4/10) dá um panorama da situação trágica dos biomas com reportagens e debates com especialistas. Apresentado por Márcia Bongiovanni, o programa vai ao ar às 18h, na TV Cultura.

A reportagem que aborda a transformação em cinzas da Floresta Amazônica conta com a participação de Ane Alencar, geógrafa do IPAM (Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia), e do físico Paulo Artaxo, membro do IPCC (Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas) da ONU. "O sentimento é terrível porque a perda da biodiversidade, a perda de animais, a perda de potenciais produtos químicos que poderiam ser descobertos, mas estão simplesmente sendo queimados e jogados para a atmosfera. É um desastre nacional", afirma Artaxo.

O fogo extermina o Pantanal e deixa um rastro de morte num berçário da vida, a paisagem antes verde virou pó. Em entrevista ao Repórter Eco, Walfrido Tomas do Embrapa Pantanal diz que, no momento, é difícil analisar o verdadeiro impacto da situação, pois há um desconhecimento grande em relação à biodiversidade e ao funcionamento do ecossistema. Juliana Camargo, presidente da ONG Ampara Silvestre, ainda completa "a situação dos animais no Pantanal é absurdamente devastadora."

Ainda na edição inédita, especialistas debatem o tema no estúdio por meio de chamada de vídeo. Antonio Nobre, pesquisador do INPE, e Tasso Azevedo, do Observatório do Clima, analisam os impactos na floresta Amazônica. E, sobre a destruição do Pantanal, Felipe Dias, do SOS Pantanal, e Leticia Larcher, do Instituto Homem Pantaneiro.


Nenhum comentário

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.