Home Top Ad

SÁBADOS DE MISTÉRIOS: HISTORY apresenta sua primeira megaprodução de 2021, Guerra de Espiões com Damian Lewis

Share:

Divulgação

As verdadeiras histórias por trás das mais emocionantes missões de espionagem dos últimos 40 anos. Esse é o mote de Guerra de Espiões com Damian Lewis, a nova série do History, que estreia na nova sessão Sábados de Mistério.

Damian Lewis – ganhador do Emmy e do Globo de Ouro de Melhor Ator por Homeland, e também conhecido por seu elogiado trabalho nas séries Band of Brothers e Billions – revela algumas das missões secretas mais emocionantes da história moderna.

Filmados em Londres, Moscou e Israel, com reconstruções inovadoras, os episódios oferecem uma dose concentrada de espionagem, intriga e ação. A produção se baseou em informações de arquivos secretos recentemente revelados, que explicam detalhadamente como operavam os agentes duplos mais habilidosos e letais do mundo. Guerra de Espiões com Damian Lewis traz, também, depoimentos de especialistas e agentes de inteligência que protagonizaram os eventos reais retratados na série.

Os casos apresentados vão desde a Guerra Fria até os dias atuais, incluindo a verdade por trás da fuga de diplomatas americanos de Teerã, imortalizada no filme premiado Argo, a operação de espionagem que por pouco evitou a guerra nuclear e até a incrível 'troca de espiões' envolvendo o ex-oficial de inteligência militar russo Sergei Skripal e sua filha Yulia, em Salisbury, onde sobreviveram a uma tentativa de assassinato com gás nervoso em 2018. São histórias que podem ser vistas em filmes de James Bond ou Jason Bourne, mas neste caso, os confrontos, assassinatos e trocas de reféns foram absolutamente reais.

O episódio de estreia, Cavalo de Troia, aborda a vida de um agente secreto que provoca curiosidade e admiração na maior parte do mundo. Vladimir Vetrov era um oficial de alta patente da KGB que trabalhava em segredo para o Serviço de Inteligência Francês. Ele levou a União Soviética ao colapso e foi uma das operações Cavalo de Troia mais impactantes da história. Classificação indicativa:14 anos

Guerra de Espiões, estreia no dia 6 de fevereiro, ás 20h40. 

Sobre a formação da KGB

A história da KGB é longa e complicada, e suas raízes remontam aos primeiros dias da Revolução Russa e da primeira organização de polícia secreta do regime, a Checa. Formada em 1917 para garantir a autoridade do novo governo comunista de Lenin, a Checa era uma força aterrorizante, acima da lei e livre para esmagar todos os dissidentes. Seu chefe, Felix Dzerzhinsky, afirmou sem rodeios: “nós representamos o terror organizado em nós mesmos”', uma declaração de missão que foi mais do que cumprida durante o chamado período do Terror Vermelho, quando milhares de russos foram presos e executados em uma campanha sistemática de tortura e assassinato.

A Checa foi apenas a primeira de várias organizações que evoluíram nas décadas seguintes, culminando na criação da KGB em 1954. Enquanto os dias do Terror Vermelho e os expurgos de Stalin ficaram no passado, a KGB foi capaz de operar com quase total impunidade, uma espécie de governo paralelo que fazia o que fosse necessário para manter a segurança da União Soviética. Organizada como um exército, consistia em vários departamentos ou diretorias, encarregados de dirigir espiões em países estrangeiros, monitorar cidadãos soviéticos e erradicar possíveis dissidentes ou rebeliões.

A KGB era temida pelo povo e também pelos membros mais importantes da classe dominante. Seu então chefe Vladimir Semichastny desempenhou um papel fundamental na conspiração para tirar o líder soviético Nikita Khrushchev do poder em 1964. Sua derrubada significou o fim do chamado “degelo de Khrushchev”, um período em que o rigoroso controle do Estado foi relaxado e escritores, artistas e livres-pensadores desfrutaram de uma atmosfera mais liberal, pelo menos em comparação com os dias sombrios de Stalin.

A KGB também é sinônimo de espiões e agentes duplos no Reino Unido e nos Estados Unidos durante a Guerra Fria, tornando-se especialista em armadilhas e assassinatos. O caso mais notório relacionado à agência foi o de Georgi Markov, um escritor búlgaro, dissidente, exterminado por envenenamento por uma substância aplicada por meio de um guarda-chuva adaptado, na ponte Waterloo, de Londres, em 1978. Menos conhecidos, mas bastante incomuns, foram também os assassinatos dos nacionalistas ucranianos Lev Rebet e Stepan Bandera no final dos anos de 1950. Ambos foram mortos por Bohdan Stashynsky, da KGB, usando uma pistola de pulverização projetada para expelir gás cianídrico na vítima.

Uma especialidade particular da KGB, conhecida como “armadilhas de mel”, eram as agentes femininas conhecidas como “andorinhas” usadas para atrair os homens. Um dos alvos era Anthony Courtney, um parlamentar britânico conhecido por seu posicionamento contrário ao Estado soviético, cujo caso com uma agente da KGB vazou para a imprensa, levando-o à queda política na década de 1960. Outro alvo foi Maurice Dejean, o embaixador francês em Moscou, a quem se vinculou uma bela jovem estrela de cinema soviética. Mais tarde, um agente da KGB fingiu ser o marido ciumento da mulher, forçando Dejean a buscar a ajuda de outro oficial soviético e ficar sob o controle da KGB, que o usou como um “ativo”.

Por seu papel e pelos níveis de intriga gerados, a KGB foi temida e respeitada até o fim. Em 1991, seu chefe linha-dura Vladimir Kryuchkov ajudou a criar uma tentativa de golpe contra o líder reformista soviético Mikhail Gorbachev. O golpe falhou e a União Soviética foi dissolvida no mesmo ano. A KGB foi desmontada e substituída por duas agências: a FSB, responsável pela segurança nacional e pelo contraterrorismo, e a SVR, responsável pela espionagem internacional. Ambas têm reputações assustadoras, garantindo que o legado sinistro da Checa e da KGB perdurará por muito tempo.

ESTREIA - 6/2, sábado, 19h50: Nova série Monstros Lendários abre a estreia dos Sábados de Mistérios

Pé Grande, o Monstro do Lago Ness e outras feras assassinas, da terra e do mar, entram em pauta na nova série Monstros Lendários (Monsterquest: Best of Monsterquest), e inaugura a sessão “Sábado de Mistérios” do History. A produção investiga se seres monstruosos são apenas o resultado de mitos e do folclore de certos povos ou se há um fundo de verdade nessas crenças.

No episódio de estreia, Criaturas lendárias (Best of Monsterquest: Serpentine Creatures), há séculos vem sendo documentada a aparição de criaturas serpenteantes que se escondem nas águas escuras de nosso planeta. A produção vai investigar duas lendas muito conhecidas para tentar descobrir a verdade sobre o que se oculta sob a superfície. O que eles vão encontrar em sua investigação? 

CI: 10

06/2, sábado, 21h30: Episódio sobre mistérios da Bíblia marca a volta de inéditos de IneXplicável: com William Shatner

Dos mesmos produtores de Alienígenas do Passado, IneXplicável: com William Shatner (The UnXplained with William Shatner) é apresentada pelo ganhador do Emmy, Globo de Ouro e ícone de Star Trek. Em oito episódios, o astro mostrará para o público os mistérios mais intrigantes e impactantes que têm desconcertado a humanidade por décadas.

São histórias assombrosas e surpreendentes sobre o inexplicável, trazendo análises científicas dos eventos mais misteriosos da história, incluindo lendas incríveis. Junto com Shatner, especialistas, historiadores e pesquisadores buscarão revelar o que existe por trás de encontros com óvnis, desaparecimentos repentinos, possessões demoníacas e outros acontecimentos paranormais que têm inquietado todo o planeta.

Em Mistérios da Bíblia, no retorno de episódios inéditos, a produção aborda interpretações dessa coleção de textos religiosos, considerados sagrados para os cristãos. Muitos a consideram a autêntica Palavra de Deus, outros dizem que suas inconsistências e contradições só podem ser obra do homem. O que faz da Bíblia o texto histórico mais fascinante já escrito? A sua legitimidade pode ter sido perdida, mal interpretada ou evitada com o passar do tempo? CI: 10


Nenhum comentário

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.