Band e rede social Kwai lançam reality show para escolher novo comentarista do ''Jogo Aberto''

Divulgação Band

O programa esportivo Jogo Aberto, da Band, vai ampliar seu time de comentaristas em um processo de seleção gamificado. Para comemorar 14 anos no ar, a atração lança em parceria com o Kwai, app de criação de compartilhamento de vídeos curtos, o reality show Microfone Aberto no Kwai.

O concurso será dividido entre TV e rede social. Serão 24 candidatos pré-selecionados que disputarão uma vaga para se tornar o novo comentarista do programa, em São Paulo. “É sensacional saber que uma pessoa que nos acompanha todos os dias, que é apaixonada pelo programa, que mesmo da sua casa acaba interagindo, discutindo e fazendo o Jogo Aberto junto com a gente, também possa ter a chance de estar ao lado do nosso time de comentaristas. Temos uma equipe muito especial e eclética, formada por ex-jogadores, narrador, jornalista, e trazer alguém da audiência, com uma outra visão e sem os cacoetes da profissão, que não tem uma história na mídia e vai começar tudo isso aqui no programa, é uma honra. Tenho certeza que é algo pioneiro e diferenciado. Para nós do Jogo Aberto será uma grande aquisição”, comemora a apresentadora Renata Fan.

Inscrições

Para participar, os interessados precisam ter mais de 18 anos e devem criar uma conta no Kwai e postar um vídeo respondendo à pergunta “Por que eu quero ser o novo comentarista do Jogo Aberto”, além de um quiz que estará disponível na página do reality show na internet. As inscrições vão de 8 de março até 6 de abril e o regulamento completo está disponível aqui. Os 24 concorrentes serão escolhidos pelo time de profissionais do Jogo Aberto, incluindo os apresentadores Renata Fan e Denilson.

“Todos os apaixonados por futebol um dia sonharam em ser comentaristas esportivos. O Brasil tem 200 milhões de técnicos e essas pessoas sentem vontade de dar sua opinião. Tem muita gente boa por aí, tanto homens quanto mulheres, por isso acredito que iremos nos surpreender com a qualidade do conteúdo enviado ao Kwai”, afirma Denis Gavazzi, diretor de esportes da Band.

Para participar do reality não é necessária formação universitária. A ideia é garantir que os selecionados demonstrem desenvoltura diante das câmeras e saibam tudo de futebol. A cada etapa serão explorados recursos da plataforma, tais como filtros, edições de filme, efeitos de som, dublagens e layout, contribuindo também para que o público conheça melhor a rede social. As disputas e eliminatórias terão ainda conteúdos rápidos com análises e prognósticos da rodada do futebol paulista.

“Estamos muito orgulhosos e otimistas. Esta é uma parceria importante, com uma das maiores emissoras do país, e o projeto se encaixa perfeitamente em nossa estratégia local de distribuir conteúdo relevante para os usuários do nosso aplicativo", afirma Mariana Sensini, diretora do Kwai no Brasil. “O Brasil é um mercado muito relevante para o Kwai e estamos trabalhando para nos aproximarmos cada vez mais do dia-a-dia dos brasileiros. O Microfone Aberto tem tudo a ver com a cultura do país e promete envolver ainda mais nossos usuários”, completa.

Para chegar à final, os concorrentes precisarão cumprir uma série de desafios dentro do app do Kwai. Lá, eles terão a chance de demonstrar boa técnica e seus conhecimentos sobre o mundo da bola, além de irreverência e bom humor, características típicas dos usuários na plataforma. “A pessoa tem que entender de esporte, de futebol, falar bem, obviamente, ou seja, ela precisa impressionar o público que estará acompanhando pela plataforma, os comentaristas e a direção do programa. Vamos selecionar só os melhores”, adianta Gavazzi.

A ação foi desenvolvida especialmente para o Kwai pela equipe de esportes da Band e pela Vibra, startup de inovação do Grupo Bandeirantes de Comunicação que foca em inteligência e solução de negócios a partir de dados. A estratégia de mídia do projeto é desenvolvida pela Ogilvy Brasil, que também vai conduzir a campanha de lançamento oficial do Kwai no país. “Estamos ansiosos para colocarmos o projeto Microfone Aberto no Kwai na rua porque ele servirá como termômetro e fonte de insights para estruturarmos o lançamento da plataforma no Brasil. É um privilégio trabalharmos com uma empresa de tecnologia que estimula a criatividade de cada usuário, o bom humor e interações mais genuínas com histórias autênticas”, destaca Larissa Ferrari, diretora de Grupo de Contas da Ogilvy Brasil.

O reality show

O Microfone Aberto no Kwai estreia no dia 6 de abril, na Band, com a apresentação dos candidatos. A partir daí, serão dois programas semanais com confrontos triplos no estilo mata-mata até 7 de maio. Depois desta data, os participantes passam a fazer duelos até junho, quando o ganhador da disputa conquistará uma vaga ao lado de Denilson, Ronaldo Giovanelli, Chico Garcia, Ulisses Costa, Heverton Guimarães, Edilson e João Paulo Cappellanes. “Temos um time de muita qualidade, que se respeita muito, e a ideia é encontrar alguém que se encaixe neste perfil também. O projeto é muito criativo, por isso acredito que as pessoas vão participar bastante. A maior virtude para fazer parte do time do Jogo Aberto é ser quem você é, com irreverência e personalidade forte. Já estou ansioso para saber quem vai estar com a gente no futuro”, admite Denilson.

Nos dias 8, 15 e 22 de junho, os três finalistas participarão ao vivo do programa.

O resultado será divulgado no Jogo Aberto em 22 de junho. A atração vai ao ar de segunda à sexta, das 11h às 13h, na tela da Band. Acompanhe o reality show nas redes sociais pela hashtag #MicrofoneAbertonoKwai.
Anderson Ramos

Um site sobre TV paga com as principais noticias envolvendo o setor, e suas principais operadoras. Além das novidades dos canais e streamings! facebook twitter instagram

Postar um comentário

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.

Postagem Anterior Próxima Postagem