Cães de Terapia mostra como animais auxiliam tratamento de autismo e convulsão

Divulgação

Nesta quarta (2), às 15h30, a TV Brasil leva ao ar um novo episódio da produção documental Cães de Terapia. O seriado revela como as duas mini cabras Jasper e Zephyr e a cadela da raça golden retriever Molly ajudam a transformar as vidas de quem tem autismo, convulsão e transtorno do estresse pós-traumático (TEPT).   

Jackson é um adolescente com autismo não verbal que consegue encontrar voz por meio da amizade com duas cabras pigmeus. Sensível a ruídos, odores e toques, Jackson conta com o trabalho terapêutico feito com Jasper e Zephyr para evoluir suas habilidades sociais.

Em Griffith’s Pygmies, as cabras recebem treinamento de sensibilidade, para que não tenham medo de barulho e possam ficar perto de crianças com necessidades especiais. As cabras pigmeus são usadas como animais de terapia em escolas, hospitais, asilos e centros de reabilitação.

Ainda durante este episódio inédito, Molly atua como cão de serviço de Sam, uma jovem que tem convulsões e transtorno do estresse pós-traumático após sofrer agressões. Molly foi treinada para pegar medicamentos, empurrar Sam para o chão quando uma convulsão estiver chegando, prevenir ferimentos impedindo quedas e chamar ajuda quando necessário. Por causa da cadela, Sam pode ser independente e realizar diversas atividades sozinha.
Anderson Ramos

Um site sobre TV paga com as principais noticias envolvendo o setor, e suas principais operadoras. Além das novidades dos canais e streamings! facebook twitter instagram

Postar um comentário

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.

Postagem Anterior Próxima Postagem