TV Cultura estreia documentário da BBC sobre meteorologia extraterrestre

Divulgação BBC

Estreia nesta segunda-feira (16/8), na TV Cultura, a primeira parte do documentário inédito em TV aberta O Clima Mais Estranho do Universo. Com produção e distribuição da BBC Studios em coprodução com o Science Channel, vai ao ar na faixa Doc Mundo, a partir das 20h.

É uma obsessão nacional falar sobre o tempo, se está muito quente ou muito frio, muito úmido ou com muito vento. Agora, os cientistas começaram a olhar para o céu e a se perguntar como seria o clima em outros planetas.

O documentário O Clima Mais Estranho do Universo testemunha o nascimento da meteorologia extraterrestre, uma vez que a tecnologia está permitindo que os astrônomos estudem outros planetas. Eles começaram com nosso sistema solar, enviando naves espaciais para explorar seus mais distantes alcances, e agora os mais recentes telescópios estão permitindo aos astrônomos estudar planetas além de nosso sistema solar.

A exploração do universo, apresentada na edição, revela mundos alienígenas com um clima mais estranho do que qualquer um poderia imaginar, sistemas de tempestades gigantes que podem envolver planetas inteiros, ventos supersônicos, temperaturas extremas e formas bizarras de chuva. Em alguns planetas as temperaturas são tão quentes que acredita-se que as nuvens e a chuva sejam feitas de gotículas de lava líquida e, em outros planetas, acredita-se que chova pedras preciosas como diamantes e rubis.

Achávamos que havia climas extremos na Terra, mas não é nada comparado com o que está lá fora. O programa mostra que a busca pelo clima mais estranho do universo está apenas começando.

A segunda parte do documentário será exibida na segunda-feira seguinte (23/8), também às 20h.
Anderson Ramos

Um site sobre TV paga com as principais noticias envolvendo o setor, e suas principais operadoras. Além das novidades dos canais e streamings! facebook twitter instagram

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do O Universo da TV.

Postagem Anterior Próxima Postagem