Cainã Cavalcante lança álbum em tributo a Garoto neste sábado na TV Brasil

Divulgação

Os sucessos do compositor e violonista Garoto são resgatados pelo músico Cainã Cavalcante que estreia seu novo disco na edição inédita do Cena Instrumental, programa exibido pela TV Brasil neste sábado (2), às 23h30. O artista lança o álbum com espetáculo exclusivo no estúdio da emissora pública e explica o projeto na entrevista para a apresentadora Bia Aparecida.

O convidado destaca o recém-gravado álbum "Sinal dos Tempos - Cainã toca Garoto", produzido em março. Ele revela curiosidades sobre a homenagem e explica a importância do trabalho deixado pelo popular Garoto, nome artístico do paulistano Aníbal Augusto Sardinha (1915-1955).

Durante a entrevista, Cainã destaca a dimensão das harmonias, inteligência das composições e fluência da execução das composições de Garoto. O compositor e violonista cearense detalha essas qualidades. "Ele mexe com harmonias, arquitetura da música e contrapontos. Coloca o violão em outro patamar".

Cainã analisa o que Garoto representa em sua carreira. "Garoto é uma figura quase mitológica que sempre me acompanhou. Ouvia falar dele e admirava sua obra robusta. As pessoas chegam a ter medo de encará-la e trazê-la pra perto", conta o convidado que buscou fazer isso em seu tributo.

Além da conversa com a cantora e jornalista Bia Aparecida, Cainã apresenta sucessos que selecionou do repertório de Garoto para seu disco com dez faixas. Durante a produção da TV Brasil, ele interpreta clássicos como "Lamentos do Morro", "Nosso Choro", "Gente Humilde" e "Duas Contas" no show intimista.

Contemporâneo de ícones do cenário nacional, Garoto teve talento e sucesso equivalentes aos maiores astros do país. O músico fez história em programas que desenvolveu na Rádio Nacional na fase mais fértil de sua trajetória artística nos anos 1940 e 1950.

Considerado o "gênio das cordas" e um dos mais celebrados compositores de sua época, Garoto é uma das principais referências do violão moderno no Brasil. A poesia do autor que criou peças inovadoras está presentes na obra de grandes instrumentistas da atualidade no país e no exterior.

Com estilo único, ele teve seu patrimônio musical reverenciado por nomes que já partiram como Baden Powell e João Gilberto. Personalidades que estão na ativa atualmente como Guinga e Yamandu Costa valorizam a coletânea de Garoto.

A proposta desta edição do programa Cena Instrumental é mostrar que o legado de Garoto ainda encanta o público de várias gerações mesmo seis décadas após sua morte prematura. O artista faleceu aos 39 anos, vítima de ataque cardíaco, em 1955.

Parceiros na gravação do disco, o valoroso jovem Guto Wirtti (contrabaixo acústico) e o veterano Paulinho Braga (bateria) também acompanham Cainã Cavalcante no especial gravado pelo artista no estúdio da TV Brasil.
Anderson Ramos

Um site sobre TV paga com as principais noticias envolvendo o setor, e suas principais operadoras. Além das novidades dos canais e streamings! facebook twitter instagram

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do O Universo da TV. OBS: Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.

Postagem Anterior Próxima Postagem