'Globo Repórter' refaz o caminho percorrido pelo cientista Charles Darwin há 200 anos no Brasil

Divulgação Globo/Diego Haidar

O inglês Charles Darwin tinha 22 anos quando foi convidado para dar a volta ao mundo num navio da marinha real inglesa. A viagem durou cinco anos e passou pelo Brasil. No Rio de Janeiro, percorreu mais de 500 quilômetros pelo interior, Região dos Lagos, praias e rios do litoral norte do estado. O caminho percorrido por paisagens brasileiras serviu de inspiração para ele revolucionar a ciência há quase 200 anos. Com base nas observações feitas nesta viagem ele criou a Teoria da Evolução das Espécies pela Seleção Natural. É sobre esta aventura do cientista no país que o 'Globo Repórter' desta sexta-feira, dia 29, irá falar. 
 
“Logo aqui, no nosso quintal, quantas preciosidades! Foi incrível ver tudo de perto e tentar sentir o que Charles Darwin sentiu. Quem estiver em casa vai ter a mesma sensação. Refizemos um trecho da viagem que mudou a forma como o homem vê a natureza. Tenho certeza que os brasileiros vão se encher de orgulho”, adianta o repórter Diego Haidar, em sua estreia no ‘Globo Repórter’. 
 
O trajeto percorrido pelo cientista foi estudado por muitos pesquisadores, que instalaram placas indicando por onde ele passou, num projeto batizado de “Caminhos de Darwin”. Um roteiro com praias belíssimas, florestas, um jequitibá centenário e o maior complexo de lagoas hipersalinas do mundo. A região é também o único lugar onde o mico-leão-dourado vive solto na natureza. Estima-se que sejam mais de dois mil animais dessa espécie. O desafio agora é ampliar a área de floresta para que eles possam se reproduzir de forma sustentável.
 
O 'Globo Repórter' vai ao ar na noite de sexta-feira, dia 29, logo após a novela ‘Império’.
Anderson Ramos

Um site sobre TV paga com as principais noticias envolvendo o setor, e suas principais operadoras. Além das novidades dos canais e streamings! facebook twitter instagram

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do O Universo da TV.

Postagem Anterior Próxima Postagem