Pela primeira vez, Globo tem sete patrocinadores para o futebol

Reprodução

Em 2022, a paixão do brasileiro vai se reencontrar na tela da Globo com a transmissão dos principais campeonatos de futebol. E a cobertura esportiva da Globo seguirá acompanhando – na TV, no digital, no streaming – toda a jornada dessa legião de apaixonados. Um engajamento, por sinal, que vem crescendo a cada ano. Entre 2015 e 2021, o tempo que o público dedicou assistindo ao futebol na TV Globo cresceu 12%. E o ge.globo mantém a liderança entre os sites esportivos no Brasil, com 46% do tempo consumido no segmento. Resultados que fizeram com que, pela primeira vez, sete marcas fechassem acordo de patrocínio para a temporada na TV Globo: Amazon.com.br, Chevrolet, Hypera Pharma, Grupo Petrópolis, Itaú, Sportingbet e Vivo. 
 
''É com muita felicidade que anunciamos os parceiros para o Futebol Nacional 2022. Esse é um dos principais projetos comerciais do mercado publicitário e, pela primeira vez, teremos sete patrocinadores. Isso mostra o reconhecimento da relevância da Globo e o potencial para reverberar as mensagens das marcas atreladas ao nosso conteúdo”, afirma Manzar Feres, diretora de Negócios em Publicidade da Globo. O pacote conta com a Copa do Brasil e o Campeonato Brasileiro – serão 48 transmissões ao vivo –, e traz novidades para a comunicação multiplataforma dos parceiros comerciais. “Criamos possibilidades para que as marcas possam contar histórias por meio da transmissão, construindo conversas ao longo de toda a jornada de consumo da rodada, seja na transmissão, na cobertura editorial ou no digital'', completa a executiva. 
 
O projeto conta com cobertura editorial ampla e presença na TV todos os dias da semana. Na transmissão, formatos que garantem alta visibilidade em momentos relevantes da partida. No ge, a plataforma interativa de acompanhamento dos jogos foi totalmente reformulada. Há também entregas em podcasts que estão nas plataformas do ge e do Globoplay. E os parceiros comerciais poderão contar, ainda, com a participação de creators e influenciadores digitais em suas estratégias, além de ativações em redes sociais. “Investimos em um pacote que fosse de fato robusto nas entregas, que pudesse apoiar nossos parceiros em diferentes etapas do funil e construísse diversas camadas para uma comunicação 360º”, finaliza Manzar.
Anderson Ramos

Um site sobre TV paga com as principais noticias envolvendo o setor, e suas principais operadoras. Além das novidades dos canais e streamings! facebook twitter instagram

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do O Universo da TV.

Postagem Anterior Próxima Postagem