Reynaldo Gianecchini é o convidado do 'Conversa com Bial' desta sexta

Divulgação Globo/João Miguel Júnior

O 'Conversa com Bial' desta sexta-feira, dia 3, recebe Reynaldo Gianecchini. Em um papo aberto com Pedro Bial, o ator fala sobre sua trajetória profissional, desde os tempos em que era modelo. Na conversa, Gianecchini aborda, especialmente, seu ciclo como ator, que começa no fim da década de 1990 na peça “Cacilda”, dirigida por José Celso Martinez, passando pela TV e culminando com o documentário “Fédro”, de Marcelo Seba. No filme, ele reencontra o diretor para a leitura do diálogo escrito por Platão.
 
Em “Fédro”, Zé Celso e Gianecchini são, respectivamente, mestre e discípulo e protagonizam cenas que falam de arte, amor e vida. A Bial, o ator conta sobre a experiência de gravar o documentário e fala como lidou com a nudez nesse projeto. Ele ainda revela como o papel reverberou em sua vida, de várias formas. “Hoje em dia eu olho o documentário e vejo que um monte de coisa já andou dentro de mim com relação a essa liberdade”, observa.
 
Na entrevista, o ator conta como a dança e o canto foram importantes para ele durante a pandemia, e revisita seus personagens da TV desde os anos 2000, começando por ‘Laços de Família’, quando fez sua estreia nas novelas.
 
Com direção artística de Mônica Almeida, o ‘Conversa com Bial’ vai ao ar de segunda a sexta-feira, após o ‘Jornal da Globo’. 
Anderson Ramos

Um site sobre TV paga com as principais noticias envolvendo o setor, e suas principais operadoras. Além das novidades dos canais e streamings! facebook twitter instagram

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do O Universo da TV.

Postagem Anterior Próxima Postagem