Ad Code

MUBI e The Film Foundation fazem parceria para criar e disponibilizar coleção de filmes clássicos e raros

Divulgação

Distribuidora, produtora e serviço global de streaming com curadoria, a MUBI, em parceria com a The Film Foundation, exibirá em sua plataforma no Brasil filmes recém-restaurados.

Fundada por Martin Scorsese, The Film Foundation trabalha com arquivos e estúdios para restauração e preservação de filmes do mundo todo. Todos os 16 títulos (listados abaixo) foram amorosamente restaurados e disponibilizados por meio do World Cinema Project da The Film Foundation, e estarão na plataforma da MUBI nos próximos meses.

“Estou emocionado que esses filmes, restaurados por meio do World Cinema Project da The Film Foundation, serão exibidos na MUBI”, disse Martin Scorsese, fundador e coordenador da The Film Foundation. “Por décadas, a The Film Foundation tem trabalhado para preservar, restaurar e disponibilizar filmes de todas as épocas, gêneros e regiões – são 925 até agora. A MUBI é a parceira ideal para a The Film Foundation, as duas compartilham da mesma missão: a de oferecer filmes de forma acessível ao redor do mundo e para educar sobre a importância artística, cultural e histórica do cinema. Estou ansioso para dividir essas lindas restaurações com o incrível e estimado público da MUBI.”

A coleção inclui:

Muna Moto (Jean-Pierre Dikongué-Pipa, 1975) – Já disponível

Ngando and Ndomé estão apaixonados. Eles querem se casar, mas Ngando não pode pagar o dote dela. No entanto, quando Ndomé engravida, a tradição manda que ela encontre um marido, e um casamento com o tio de Ngando é rapidamente arranjado. Em desespero, Ngando decide fazer o impensável no dia do casamento.

Restaurado pela Cineteca di Bologna, L’Immagine Ritrovata e pelo World Cinema Project da The Film Fundation. Financiamento fornecido pela The Hobson/Lucas Family Foundation. Essa restauração é parte do projeto African Film Heritage, uma iniciativa criada pelo projeto World Cinema Project, a Federação Pan-Africana de Cineastas e a UNESCO – Em colaboração com a Cineteca di Bologna – para ajudar a localizar, restaurar e disseminar o cinema africano.

Chess of the Wind (Mohammad Reza Aslani, 1976) – Disponível a partir de 11 de abril

A matriarca de uma casa nobre está morta e agora há um conflito entre o restante dos moradores para ver quem receberá a herança.

Restaurado pelo projeto da The Film Foudation, World Cinema e pela Cineteca di Bologna no laboratório L’Image Retrouvée (Paris), em colaboração com Mohammad Reza Aslani and Gita Aslani Shahrestani e financiado pela Hobson/Lucas Family Foundation.

Hanyo, a Empregada (Kim Ki-Young, 1960) – Disponível a partir de 27 de abril

O compositor de piano Dong-sik e sua mulher grávida precisam de ajuda extra com a casa, então eles contratam uma empregada, que precocemente começa a apresentar um comportamento problemático. Tensões entre ela e Dong-sik conduzem a um caso, e a gravidez termina em um aborto espontâneo. Restaurado em 2008 pela Federação Coreana de Arquivo de Filmes (KOFA), em associação com o World Cinema Project da The Film Foundation e o laboratório de filmes HFR-Digital. Restauração financiada pela Armani, Cartier, Qatar Airways e a Autoridade de Museus do Catar.

The Law of the Border (Lüfti Ö. Akad, 1966) – Disponível a partir de 4 de maio

Em Deliviran, uma vila próxima de Urfa perto da fronteira síria, o chefe de Hidir está envolvido em contrabando e acaba baleado. Hidir tenta ficar fora de atividades ilegais, mas as circunstâncias contribuem para empurrá-lo na direção oposta até que ele aceita levar um rebanho de ovelhas para o outro lado da fronteira.

Restaurado em 2013 pela Cineteca di Bologna/laboratório L’Immagine Ritrovata , em associação com o World Cinema Project da The Film Foundation, Dadaş Films, e o Ministério da Cultura Turco. Restauração financiada pelo Instituto Doha Film.

Oh, Sun (Med Hondo, 1967) – Disponível a partir de 17 de maio

Um imigrante africano luta na França para encontrar um emprego, enfrentando racismo e discriminação.

Restaurado pela Cineteca di Bologna no laboratório L'Immagine Ritrovata em colaboração com Med Hondo Restauração financiada pela fundação The Hobson/Lucas Family e do World Cinema Project da The Film Foundation. Essa restauração é parte do projeto African Film Heritage Project, uma iniciativa criada pelo World Cinema Project da The Film Foundation, a Federação Pan-Africana de Cineastas e a UNESCO – em colaboração com a Cineteca di Bologna – para ajudar a localizar, restaurar e disseminar o cinema africano.

A River Called Titas (Ritwik Ghatak, 1973) – Disponível a partir de 20 de junho

Baseado no aclamado romance de Advaita Malla Barman, e filmado na casa de infância de GhataK, no Leste Bengal logo após a independência de Bangladesh, o filme captura as músicas, discursos, rituais e ritmos de uma comunidade uma vez autossuficiente e que teve sua cultura varrida.

Restaurado em 2010 pela Cineteca di Bologna / laboratório L’Immagine Ritrovata, em associação com o Ritwik Memorial Trust, Arquivo Nacional de Filmes da India, e o World Cinema Project da The Film. Elementos de filme adicionais fornecidos pelo Bundesarchiv-Filmarchiv. Restauração financiada pelo Instituto Doha Film.

Revenge (Yermek Shinarbaev, 1989) – Disponível a partir de 27 de julho

Soungou, um jovem e frágil menino coreano, carrega um fardo pesado em seus ombros, transmitido em sua infância por seu pai. Sua obsessão na vida: vingança. Se a tradição não for realizada, se a alma de seu pai não for apaziguada, Soungou nunca encontrará seu lugar na Terra.

Restaurado em 2010 pela Cineteca di Bologna/ laboratório L'Immagine Ritrovata, em associação com o World Cinema Project da The Film Foundation, the Kazakhfilm Studio, o Arquivo Estadual da República do Cazaquistão e Ermek Shinarbaev. Restauração financiada pela Armani, Cartier, Qatar Airways e a Autoridade de Museus do Catar.

Sayat-Nova/A Cor da Romã (Sergei Parajanov, 1969) – Disponível em julho – data a ser confirmada

Um retrato do reverenciado poeta armênio do século 18 Sayat-Nova. Fazendo uma crônica da vida dessa emblemática figura, de sua infância até sua morte, o filme aborda suas várias relações com mulheres, especialmente sua musa.

Restaurado em 2010 pela Cineteca di Bologna/ laboratório L'Immagine Ritrovata, com o World Cinema Project da The Film Foundation, em associação com o Centro Nacional de Cinema da Armênia e Gosfilmofond da Rússia. Restauração financiada pela The Material World Charitable Foundation.

Transes (Ahmed El Maanouni, 1981) – Disponível a partir de 1º de agosto

A inovadora banda marroquina Nass El Ghiwane apresenta uma série de eletrizantes performances ao vivo na Tunísia, Marrocos e França. Contadores de histórias por meio da música e instrumentos tradicionais, a banda se tornou uma sensação, graças às rebeldes e sublimes letras e som totalmente acústico.

Restaurado em 2007 by Cineteca di Bologna/ laboratório L’Immagine Ritrovata , em associação com o World Cinema Project da The Film Foundation, Ahmed El-Maanouni, e Izza Genini. Restauração financiada pela Armani, Cartier, Qatar Airways e Autoridade de Museus do Catar.

La Femme Au Couteau (Timité Bassori, 1969) – Disponível a partir de 11 de agosto

Tradições africanas são postas em questão por meio das dificuldades de uma jovem intelectual traumatizada pela educação muito rígida na África.

Restaurado pela Cineteca di Bologna no laboratório L'Immagine Ritrovata em coloboração com Med Hondo. Restauração financiada pela fundação The Hobson/Lucas Family e o World Cinema Project da The Film Foundation. Essa restauração é parte do projeto African Film Heritage Project, uma iniciativa criada pelo World Cinema Project da The Film Foundation, a Federação Pan-Africana de Cineastas e a UNESCO – em colaboração com a Cineteca di Bologna – para ajudar a localizar, restaurar e disseminar o cinema africano.

Insiang, o Lírio de Manila (Lino Brocka, 1976) – Disponível em agosto – data a ser confirmada

Insiang mora com sua mãe Tonya em um casebre na periferia da cidade. Depois de ter sido estuprada por Dado, companheiro de sua mãe, Insiang foge com seu namorado. Mas quando ele a abandona, tudo o que ela pode fazer é voltar para casa.

Restaurado pela Cineteca di Bologna/ L’Immagine Ritrovata. Restauração financiada pelo World Cinema Project da The Film Foundation e The Film Development Council das Filipinas.

Verão Seco (Metin Erksan, 1964) – Disponível a partir de 6 de setembro

Um intrigante agricultor de tabaco se propõe a arruinar seus concorrentes, desviando a água local para sua propriedade. Um triângulo amoroso se desenvolve entre o fazendeiro, seu irmão mais decente e a bela aldeã, que se torna esposa do irmão.

Restaurado em 2008 pela Cineteca di Bologna/ laboratório L'Immagine Ritrovata, em associação com o World Cinema Project da The Film Foundation, Ulvi Dogan, e Fatih Akim. Elementos adicionais fornecidos por the Friedrich Wilhelm Murnau Stiftung. Restauração financiada por Armani, Cartier, Qatar Airways, e a Autoridade de Museus do Catar.

After The Curfew (Usmar Ismail, 1954) – Disponível a partir de 6 de outubro

Um veterano de Guerra se encontra desiludido com a vida civil na era pós-guerra e se sente traído pela corrupção e liderança mal administrada ao seu redor. Eventualmente, se vê fugindo das autoridades em uma cidade que, depois da revolução, ainda está sob toque de recolher.

Restaurado em 2012 pelo Museu Nacional de Singapura e a Cineteca di Bologna/laboratório L’Immagine Ritrovata l, em associação com o World Cinema Project da The Film Foundation, Konfiden Foundation, Kineforum do Conselho de Arte de Jacarta, e The Family of Usmar Ismail Estate. Restauração financiada pelo Instituto Doha Film.

Mysterious Object at Noon (Apichatpong Weerasethakul, 2000) – Disponível em outubro – data a ser confirmada

Nesse semidocumentário, Apichatpong Weerasethakul providencia um retrato original de seus cidadãos. Batalhadores como vendedores de comida, um boxeador viciado em televisão, uma policial piedosa e um coletor de látex sem amor, contribuem para uma narrativa serial.

Restaurado em 2013 pelo Museu de Filme Austríaco e a Cineteca di Bologna/ laboratório L’Immagine Ritrovata l, em associação com o World Cinema Project da The Film Foundation, laboratório LISTO em Vienna, Technicolor Ltd em Bangkok, e Apichatpong Weerasethakul. Restauração financiada pelo Instituto Doha Film.

Black Girl (Ousmane Sembène, 1966) – Data a ser confirmada

Uma mulher senegalesa está ansiosa para encontrar uma vida melhor no exterior. Ela consegue um emprego como governanta para uma família francesa, mas encontra seus deveres reduzidos aos de uma empregada, depois que família se muda para o sul da França. No seu novo país, ela é constantemente feita ciente de sua raça e maltratada pelos seus patrões.

Restaurado pela Cineteca di Bologna/ laboratório L’Immagine Ritrovata, em associação com the Sembène Estate, Institut National de l’Audiovisuel, INA, laboratórios Eclair and the Centre National de Cinématographie. Restauração financiada pelo World Cinema Project da The Film Foundation.

The Wagoner (Ousmane Sembène, 1963) – Data a ser confirmada

Abre para o vazio absoluto de uma tela preta, evocativamente preenchida pelo som de um canto tribal solene e místico entoado em meio à assincronia de uma batida rítmica e contundente. A escuridão subsequentemente revela uma foto de alto contraste, à luz do dia, dos bairros nativos empobrecidos.

Restaurado em 2013 by Cineteca di Bologna/ laboratório L’Immagine Ritrovata e laboratórios Éclair, em associação com o World Cinema Project da The Film Foundation, the Institut National de l’Audiovisuel, and the Sembène Estate. Restauração financiada pelo Instituto Doha Film.

Postar um comentário

0 Comentários

Ad Code