Ad Code

Sabor & Arte estreia Na Boca do Povo com histórias e sabores das ruas de quatro capitais

Divulgação

Gravado nas cidades de Salvador, Recife, Manaus, São Paulo e Rio de Janeiro, o programa Na Boca do Povo retrata ambulantes que preparam e vendem alimentos nos espaços públicos. A atração estreia nesta terça-feira (29), às 23h, no canal Sabor & Arte, para mostrar a relação que a comida típica tem com a história e a cultura regional.

Cada um dos oito episódios aborda um aspecto diferente, além de apresentar o trabalho cotidiano dos ambulantes, que vai da compra dos ingredientes ao preparo do prato. Na Boca do Povo traz também como são criadas as estratégias para lá de originais que os comerciantes utilizam na venda das iguarias.

Intitulado As Negras e as Comidas, o primeiro episódio mostra como mulheres negras carregam os sabores e os temperos que trouxeram nos navios negreiros. Elas servem pratos que aprenderam em casa, vendo mãe, tias e avós fazerem.

O programa se debruça sobre o acarajé da Tania e a feijoada da dona Edna, ambas de Salvador. Tem também o angu da Lucinha (foto), na Pedra do Sal, onde os escravos chegavam ao Rio de Janeiro. Tem ainda o "Só come quem pode", da dona Josa, devota de São Benedito e que é do Quilombo do Barranco, em Manaus. 

Na próxima semana, a atração apresentará o episódio Receitas Trazidas na Bagagem, como o fu fu do nigeriano Ezequiel, que serve o prato típico do seu país na praia de Boa Viagem, em Recife; as empanadas veganas do argentino Martin, em Salvador; o saboroso falafel da libaneza Laila, que veio para o Brasil fugindo das bombas que destruíram sua casa; o gyoza dos Nakamura, que comandam uma das primeiras barracas a serem montadas da feira do bairro da Liberdade, em São Paulo; e os mais de 40 sabores do pastel da dona Maria, que é campeã dos concursos realizados anualmente pela Prefeitura de São Paulo. 

Postar um comentário

0 Comentários

Ad Code