Ad Code

'Altas Horas' deste sábado recebe Flávia Saraiva, José Loreto, Kaysar Dadour e Vitória Strada em uma noite repleta de sucessos musicais

Divulgação Globo

No 'Altas Horas' deste sábado, dia 30, Serginho Groisman reúne personalidades de peso para compartilharem destaques e histórias inéditas de suas trajetórias, além de músicos que relembram sucessos da música brasileira. No palco, os atores José Loreto, Kaysar Dadour e Vitória Strada, além da atleta olímpica Flávia Saraiva fazem parte de um papo animado, com interação da plateia; e nos musicais, apresentam-se As Marcianas, Márcio Greyck, Ovelha, Perla, Peninha, Sarajane, Trio Los Angeles e a dupla Munhoz e Mariano. 
 
Os atores trazem para a conversa seus projetos atuais, como é o caso de José Loreto, que dá vida ao peão Tadeu em ‘Pantanal’, e Kaysar Dadour, que interpreta o dublê de ação Kaká Bezerra em ‘Cara e Coragem’. Loreto revela o estudo para a construção do personagem, por meio da imersão no universo pantaneiro: “O pantanal é o lugar mais diferente que eu já fui, é uma conexão com a natureza absurda. Eu sou um cara urbano de Niterói (RJ), então eu me joguei lá com os peões, fui para a lida com eles. É uma revolução na nossa cabeça, a simplicidade de vida mexe com o meu objetivo de vida – me desprograma. Acho que hoje eu sou mais Tadeu do que Zé, de tanto que eu estou vivenciando isso e admirando esse artesão, esse cara bruto, sensível e delicado”, conta.
 
Kaysar, por sua vez, que é de origem síria e participou do BBB 18, recorda com orgulho a construção da carreira, que inclui a série ‘Carcereiros’, disponível no Globoplay, e a novela ‘Órfãos da Terra’ (2019) e, além das motivações profissionais, fala sobre as pessoais que o fizeram trilhar esse caminho: “Eu trabalhava como animador de festa, garçom e barman aqui no Brasil. Quando entrei no BBB meu objetivo era ganhar um milhão e meio e trazer minha família [...]. Sai de lá e fiz o teste para ‘Carcereiros’ e depois surgiram várias coisas, fiz ‘Órfãos da Terra’. E agora estou nessa novela incrível! Tudo começou no BBB”, diz.
 
Já Vitória Strada, vencedora do ‘Dança dos Famosos’, no ‘Domingão com Huck’, ao lado do parceiro Wagner Santos, fala sobre a experiência de participar de uma competição de dança sem nunca ter dançado profissionalmente antes: “A dança mexeu muito comigo, virou uma terapia para alguém ansiosa como eu. Claro que ali a gente estava sob pressão, porque tínhamos que aprender uma coreografia em três dias”, coloca. A atriz comenta ainda seu início no filme ‘Real Beleza’, disponível no Globoplay.
 
E, acrescentando o assunto esportes à conversa, Flávia Saraiva divide como foi sua participação nas Olimpíadas de Tóquio, pontuando lesões sofridas no tornozelo direito, que a impediram de continuar na competição. “Tentei fazer a final olímpica de trave, mas foi muito difícil. Voltei para o Brasil, fiz uma cirurgia e demorei uns sete meses para voltar a treinar. Pensei em parar de treinar porque a volta de uma cirurgia para dentro do ginásio é muito complicada. Voltei, dei a volta por cima e consegui competir da melhor forma”, comemora.
 
Nos musicais, o Trio Los Angeles abre a noite de memórias musicais com “Vamos Dançar Mambolê”. Em seguida, Márcio Greyck apresenta “Impossível Acreditar Que Perdi Você” e Sarajane canta “A Roda”. A dupla As Marcianas retoma o sucesso “Vou Te Amarrar Na Minha Cama” e Ovelha canta “Te Amo, O Que Mais Posso Dizer”. Os sertanejos Munhoz e Mariano mostram o sucesso “Camaro Amarelo” e a paraguaia Perla canta “Galopera”. Encerrando a noite, o compositor Peninha apresenta “Alma Gêmea”

O ‘Altas Horas’ tem apresentação e direção geral de Serginho Groisman, direção de Adriana Ferreira e vai ao ar aos sábados depois de ‘Pantanal'.  

Postar um comentário

0 Comentários

Ad Code