Ad Code


Especial Dia dos Pais traz entrevista com Marcello Airoldi no ''PoliCast''

Divulgação Lourival Ribeiro/SBT

Em especial do Dia dos Pais, o ''PoliCast'' traz nesta terça-feira (9), o ator Marcello Airoldi, que recebe uma mensagem de carinho dos filhos da ficção e conta sobre relação com o elenco do seu núcleo de “Poliana Moça”. O episódio vai ao ar às 21h30, no canal da novela do YouTube e nas plataformas de áudio.

Marcello Airoldi é pai na vida real de dois meninos, Dante, de oito anos, e Toti, quatro aninhos. No “PoliCast”, ele recebe um vídeo dos atores que interpretam seus filhos na ficção, Luisa Bresser (Helena), Tavinho Martins (Pedro) e Mari Campolongo (Chloe), desejando um feliz Dia dos Pais.

“Nosso papai da ficção, feliz Dia dos Pais, você é um ótimo pai, a gente gosta muito de você”, declara Mari Campolongo. “É tão bom gravar com você, eu sei que você é um ótimo pai para seus filhos de verdade, mas para a gente você também é incrível”, expressa Tavinho. 

Já Luisa Bresser afirma: “Eu sou muito grata de ter te conhecido, e muito feliz com essa minha primeira experiência na televisão, em Poliana Moça, contracenar com um ator que eu admiro tanto [...]. A Helena pode não demonstrar, mas eu tenho muita certeza que ela tem admiração pelo pai dela, assim como eu tenho por você”. 

Na novela, Marcello dá vida ao Davi, um médico impulsivo por natureza, um idealista que não mede esforços para ajudar o próximo. Quem conversa com ele não imagina que está conversando com um homem muito culto e letrado. Pai de família exemplar, sempre com bons conselhos para passar aos filhos. Seus maiores desafios são fora de casa, mas isso não o isenta dos problemas comuns do casamento. Eugênia [Amanda Acosta], sua esposa, sempre precisa colocá-lo de volta no chão, já que ele mergulha de cabeça em tudo que se envolve. Quem o vê no ambiente de trabalho, não acredita que ele se joga no chão para brincar com os filhos mais novos. Seu maior medo é falhar como marido e como pai. Sério e cordial com desconhecidos e colegas profissionais, mas um brincalhão descontraído com aqueles que conhece e, principalmente, ama e respeita.

Davi é pai de Helena e dos filhos de coração Pedro e Chloe. Na trama, as crianças adotivas vão passar por um processo de curiosidade para saber sobre os pais biológicos. O ator comenta sobre o tema: “Tem ter muito cuidado quando adotar uma criança, porque tem que ser tratado como filho de fato, e o Davi e a Eugênia já fazem isso, porque eles já tem a experiência de ter um filho biológico, que é a Helena, e eles fazem isso mesmo”.

“Parece que é uma agressão, vou ofender meu pai se eu for atrás dos pais biológicos, mas é mais que natural, imagina, a gente tem essa curiosidade, é preciso conhecer para ampliar o convívio social para ter essa relação, às vezes a pessoa morreu, às vezes a pessoa tem problemas com saúde, às vezes desapareceu de fato e não encontra, mas essa busca é inata, você quer saber quem são seus pais, a sua origem, é natural, para pelo menos conhecer”, opina o convidado.

A filha mais velha, Helena, passa por um namoro com João [Igor Jansen]. Airoldi defende que a personagem deve ter outras experiências de relacionamento e apoia o casal Éric [Lucas Burgatti] e Helena: “Eu acho que a Helena tem que arrumar outro namorado, por conta do amadurecimento dela. Eu acho que ela tem que ficar um período com o João, mas é a primeira fase do amadurecimento, da paixão, tem que cair, levar um fora ou dar um fora e depois conhecer outras pessoas”.

“Todo mundo quer namorar o João, o cara é bonito, legal, gente boa. O Éric, querem namorar porque é bonito, mas tem uma personalidade forte, o que eu acho legal quando as personalidades vão mudando. O cara que é bom é bom até a página dois, porque todo mundo é humano, os personagens mais ricos são quando tem essas transições, por isso que acho legal a Helena se apaixonar, mas acho que talvez com o Éric - não sei, não to falando spoiler, porque eu não sei, falo como Marcelo Airoldi, ator -, legal seria se esses personagens se transformassem de uma maneira que saltem dessa coisa mesquinha, malvadinha, para um amadurecimento”, finaliza o entrevistado.

O podcast “Policast” vai ao ar toda terça, logo após a exibição da novela, no canal de Poliana Moça no YouTube e nas plataformas de áudio

Postar um comentário

0 Comentários

Ad Code