Ad Code

'Pinóquio' e vilões de 'Poliana Moça' estarão no The Noite desta sexta-feira

Divulgação Lourival Ribeiro/SBT

A semana do The Noite termina com a presença dos atores João Pedro Delfino, Gabriela Saadi, Pedro Lemos e Otávio Martins, respectivamente o Pinóquio, Violeta, Waldisney e Roger em “Poliana Moça”. Estes três últimos os vilões da trama do SBT. Falando de sua estreia na teledramaturgia, João ressalta: “é minha primeira novela. Sou ator desde 2015, já tinha feito teatros musicais antes também. Mas, novela, é a minha primeira”. Sobre a caracterização de seu personagem, conta: “haja maquiagem. Agora já me acostumei, mas são três horas na cadeira fazendo a maquiagem até me transformar em Pinóquio.... Às vezes dá vontade de dormir aqui no SBT. Já estou pronto, né? Meu sonho é ficar pronto para o dia seguinte”. 

Otávio também comenta seu trabalho e diz: “o Roger eu acho que é o grande vilão da novela, porque é um cara ambicioso. A novela começa quando o Roger sai da cadeia. Ele tentou roubar a empresa, a mãe, a própria mulher. Quando ele sai, é jurando vingança”. E Pedro complementa: “o Roger e o Waldisney já eram uma dupla super trambiqueira na primeira fase. A Violeta chega no finalzinho da primeira fase e a gente descobre que o Waldisney e a Violeta já tinham um passado de trambicagem. Eles falam ‘chegou uma menina que manja das tecnologias, vamos nos juntar a ela para fazer os esquemas’”. 

Questionados sobre o modo como o público infantil os aborda nas ruas, dizem que o fato de serem vilões na novela não os confunde. “Querem abraçar, beijar, tirar fotos. Essa geração está tão madura que já sabe diferenciar personagem de ator. A gente não sabia na nossa época”, afirma Gabriela. “As crianças são muito carinhosas. A molecada, num geral, tem uma percepção de saber que fazemos o papel de vilões na novela”, completa Otávio. 

Brincando com o fato de estar junto dos vilões, João Pedro fala sobre o único ‘crime’ que comete: “eu sou ladrão de comida, de geladeira. (Já o) Pinóquio gosta de experimentar sensações humanas, mas às vezes ele não consegue sentir de fato o gosto das comidas, porém ele simula que sente”. Danilo vê de perto uma das próteses usadas pelo ator na composição de sua caracterização e Delfino conta: “cada dia é uma prótese nova. Já tem umas 80 dessas lá em casa”. Sobre ter que ir ao banheiro durante as gravações, revela: “é um perrengue. Ainda bem que só aconteceu uma vez. Tem que tirar peça por peça. Cada parte do corpo é uma peça”. 

O The Noite é apresentado por Danilo Gentili e vai ao ar de segunda a sexta-feira, no SBT. Hoje, 00h30.

Postar um comentário

0 Comentários

Ad Code