Ad Code


Primeiro episódio de A Casa do Dragão chega à TNT, TNT Séries, SPACE, Warner Channel e Cinemax

Divulgação

A série original da HBO A Casa do Dragão estreou no domingo, 21 de agosto, na HBO Max e na HBO. A produção é baseada no icônico universo criado por George R.R. Martin e que se passa cerca de 200 anos antes da história contada em Game of Thrones, com as origens da casa Targaryen. O público poderá ver o episódio inicial da série no “Hora HBO Max”, o bloco da programação que permite ver o primeiro capítulo de algumas estreias da plataforma de streaming por meio dos canais TNT, TNT Séries, SPACE, Warner Channel e Cinemax. A Casa do Dragão estará disponível de acordo com a seguinte programação:

Sexta 26 de agosto

Warner Channel -- 21h40

TNT -- 22h30

Sábado 27 de agosto

SPACE -- 21h00

TNT Séries -- 22h00

Cinemax -- 23h00

A equipe de produção de A Casa do Dragón é formada por George R.R. Martin (cocriador e produtor executivo), Ryan Condal (cocriador, co-showrunner, produtor executivo e roteirista), Miguel Sapochnik (co-showrunner, produtor executivo e diretor), Sara Hess (produtora executiva e roteirista), Jocelyn Díaz (produtora executiva), Vince Gerardis (produtor executivo), Ron Schmidt (produtor executivo), Clare Kilner (diretora), Geeta V. Patel (diretora), Greg Yaitanes (diretor e coprodutor executivo). A série é baseada em “Fogo e Sangue”, de George R.R Martin.

A seguir, os principais personagens e seus intérpretes:

Rei Viserys Targaryen (Paddy Considine): escolhido pelos senhores de Westeros como sucessor do Velho Rei, Jaehaerys Targaryen, no Grande Conselho de Harrenhal. Um homem simpático, amável e decente, Viserys só deseja dar continuidade ao legado do seu avô. Mas os bons homens não são necessariamente grandes reis.

Príncipe Daemon Targaryen (Matt Smith): irmão mais novo do rei Viserys e herdeiro do trono. Um guerreiro incomparável e um montador de dragão, Daemon possui o verdadeiro sangue do dragão. Mas dizem que cada vez que nasce um Targaryen os deuses jogam uma moeda para cima.

Alicent Hightower (Olivia Cooke): filha de Otto Hightower, a Mão do Rei, é a mulher mais atraente dos Sete Reinos. Foi criada na Fortaleza Vermelha, perto do rei e do seu círculo mais íntimo. Possui tanto a graça de uma cortesã quanto uma aguçada perspicácia política.

Rhaenyra Targaryen (Emma D’Arcy): a primogénita do rei é de puro sangue valírio e montadora de dragões. Muitos diriam que Rhaenyra nasceu com tudo, mas não nasceu homem.

Lord Corlys Velaryon, "A serpente do mar" (Steve Toussaint): Senhor da Casa Velaryon, uma linhagem valíria tão antiga quanto a Casa Targaryen. Como “A Serpente do Mar”, o mais famoso aventureiro náutico da história de Westeros, Lord Corlys construiu sua casa até torná-la tão poderosa que é inclusive mais rica do que a dos Lannister e afirma ter a maior marinha do mundo.

Princesa Rhaenys Targaryen (Eve Best): montadora de dragões e mulher do Lord Corlys Velaryon, “A rainha que nunca foi” acabou descartada como herdeira ao trono no Grande Conselho porque o reino favoreceu seu primo, Viserys, simplesmente por ser homem.

Criston Cole (Fabien Frankel): de ascendência dorniense, filho comum do mordomo do Senhor de Blackhaven. Cole não tem direito a terras ou títulos. As únicas coisas que possui são a honra e a habilidade sobrenatural com a espada.

Mysaria (Sonoya Mizuno): chegou a Westeros sem nada, vendida mais vezes do que consegue se lembrar. Poderia ter definhado, mas na verdade se ergueu para se tornar a aliada mais confiável -- e mais improvável -- do príncipe Daemon Targaryen, o herdeiro do trono.

Otto Hightower (Rhys Ifans): Ser Otto, a Mão do Rei, serve leal e fielmente ao seu rei e ao seu reino. Segundo ele, a maior ameaça para o reino é o irmão do rei, Daemon, e sua posição como herdeiro do trono.

Postar um comentário

0 Comentários

Ad Code