Adeus ao Rei: ''SBT Sports'', ''Arena SBT'' e flashes na programação, ao vivo, mostram a repercussão da morte de Pelé

Divulgação Lourival Ribeiro/SBT

Maior jogador de todos os tempos, ídolo máximo do Santos, tricampeão mundial pela Seleção Brasileira, responsável por popularizar o futebol nos Estados Unidos e capaz até de parar uma guerra. Pessoas de todos os cantos do planeta lamentam a morte de Edson Arantes do Nascimento, o Rei Pelé. Desde a confirmação, na tarde da última quinta-feira (29), o SBT tem relembrado momentos da vida do mais talentoso atleta da história e trazido toda a repercussão da sua despedida.

Pelé será velado na Vila Belmiro. O corpo será levado do hospital Albert Einstein, em São Paulo, para o estádio do Santos, na madrugada de segunda (2). O local será aberto ao público das 10h de segunda às 10h de terça-feira (3). Em seguida, haverá um cortejo nas ruas, com passagem pelo local onde mora dona Celeste, mãe do Atleta do Século. Ele será sepultado, em ato reservado para a família, no Memorial Necrópole Ecumênica, também na cidade do litoral paulista.

Até lá, o SBT seguirá mostrando a repercussão da morte de Pelé e exibindo reportagens especiais ao longo de sua programação, em especial, em seus programas esportivos. Ao vivo, Téo José e Mauro Beting apresentam o “SBT Sports”, domingo (1), das 7h30 às 9h (de Brasília), e o “Arena SBT”, segunda (2), às 23h45, com informações direto da Vila Belmiro.

Ao longo de sua vida, Pele participou de vários programas do SBT, como Miss Brasil, Bozo, Hebe, A Praça é Nossa, Veja o Gordo, Jô Soares Onze e Meia, TJ Brasil, SBT Esporte, Programa Livre, SBT Brasil, além de ter participado de um emocionante momento no Programa do Ratinho, em 2004, quando reencontrou Ronald Golias. Antes, em 1976, o Rei do Futebol fez questão de enviar mensagem em vídeo felicitando Silvio Santos na inauguração da TVS Rio, que transmitiu o último jogo da carreira do Atleta do Século, entre New York Cosmos e Santos, no dia 1º de outubro de 1977.

Pelé também fez no SBT sua estreia como apresentador, comandando Um Minuto com Pelé, boletins diários durante a Copa do Mundo da África do Sul, em 2010.

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do O Universo da TV.

Postagem Anterior Próxima Postagem

Formulário de contato