Lifetime - Destaques da programação de 5 a 11 de setembro


UnReal está de volta com novas intrigas que acontece nos bastidores. (Divulgação)
Conheça os destaques da programação do canal Lifetime de 5 a 11 de setembro. O canal estreia a esperada segunda temporada de UnREAL, aclamada série sobre os polêmicos bastidores de um reality show.

Outras estreias da semana são: The Rap Game e Batalhas à Capela, na sexta, dia 9/9.

O Lifetime exibe também o último episódio da temporada de A Pequena Família de Terra e episódios inéditos de Pequenas Grandes Mulheres, Dance Moms: Mães e Filhas e Dance Moms.

5/9, segunda-feira, 22h

Episódio especial tem reunião para relembrar melhores momentos da temporada de Pequenas Grandes Mulheres

A divertida série Pequenas Grandes Mulheres (Little Women: LA) está agora em sua quarta temporada. O reality acompanha as aventuras de um grupo único de amigas, espertas, sexy, engraçadas e com um grande coração, donas de personalidades fortes e de dramas ainda maiores. E, por acaso, acontece de elas também serem anãs. Esta nova fase revela novas alianças e muita tensão.

Terra Jolé, Tonya Banks, Elena Gant, Christy McGinity Gibel, Traci Harrison Tsou, Briana Manson, a fofoqueira Brittney e Jasmine retornam com mais problemas e aventuras. A quarta temporada já começa com tensão, quando Elena se sente excluída do grupo de mães organizado por Jasmine. Forçadas a tomar partido, Tonya e Terra começam uma nova briga, quando uma se mete na vida amorosa da outra. Enquanto isso, Christy e Todd consideram adotar um filho; e o relacionamento entre Briana e Matt causa grandes problemas na família tão unida de Briana.

Em Reunião – Parte 1, o ator e apresentador Kevin Frazier apresenta a reunião das Pequenas Grandes Mulheres: 4ª Temporada. De anúncios de bebês a relatórios de polícia, escândalos de sexting e muito mais, as amigas vão contar todos os mínimos detalhes.

ESTREIA – 5/9, segunda-feira, 22h50

Lifetime estreia a esperada segunda temporada de UnREAL

Criado por Sarah Shapiro (produtora do reality The Bachelor durante seis anos) e Marti Noxon, o drama UnREAL (imagens) retorna ao Lifetime em sua segunda temporada. Estrelando Shiri Appleby e Constance Zimmer (vencedora do Critic’s Choice Award 2016 e indicada ao Emmy como melhor atriz coadjuvante por seu papel na série), a produção provocadora oferece uma visão ficcional dos bastidores e do caos por trás da produção de um programa de TV sobre namoro e competição.

O segundo ano de UnREAL tem como cenário os bastidores da 14ª temporada do programa de namoro Everlasting, um famoso reality show em que um solteiro cobiçado deve encontrar o amor entre um grupo muito particular de mulheres e o que os produtores são capazes de fazer para converter a atração em um sucesso.

O programa de TV agora é liderado pela anti-heroína Rachel Goldberg (Shiri Appleby). Ela é reconhecida por suas habilidades em manipular os relacionamentos com e entre as competidoras do reality show, e estreia como produtora chefe. Por exigência de Quinn King (Constance Zimmer), a implacável produtora executiva do programa, Rachel se encarrega de criar situações para obter as imagens dramáticas, e muitas vezes ultrajantes, porém vitais para manter a audiência.

Outros personagens que voltam nesta temporada são Chet (Craig Bierko), o criador de Everlasting, que enfrenta uma jornada para recuperar seu poder no set; Jeremy (Josh Kelly), ex-namorado de Rachel, agora promovido a diretor de fotografia do programa; e Jay (Jeffrey Bowyer-Chapman), produtor cujas ambições vão além da TV. O novo solteiro cobiçado de Everlasting é Darius Hill (B.J.Britt), astro do futebol americano e o primeiro pretendente negro da história do programa.

No episódio de estreia da nova temporada, Guerra, Quinn promoveu Rachel recentemente para que ela produza a 14ª temporada de Everlasting. Rachel vai mudar a história do programa escolhendo para o elenco o primeiro pretendente afro-americano. E Chet volta de uma jornada pessoal e, para recuperar o controle do show, influencia o novo pretendente.

FINAL DE TEMPORADA - 6/9, terça-feira, 22h

Revelações e sustos, no final da segunda temporada de A Pequena Família de Terra

Originada no reality de sucesso do Lifetime Pequenas Grandes Mulheres, o reality apresenta o carismático casal Terra e Joe em sua jornada como pais anões. A primeira temporada da série A Pequena Família de Terra os acompanhou durante a fase final da gravidez e mostrou o nascimento do bebê do casal; e também as dificuldades de lidar com desafios comuns das pessoas pequenas - que a maioria nem percebe que existem. 

Nesta leva de episódios inéditos, Terra e Joe continuaram com as dores e as delícias de serem pais. Porém, agora Penny corre potenciais riscos de saúde, apesar de ser saudável. Joe também planejou se submeter a uma séria cirurgia de coluna, enquanto Terra começou a pensar que talvez fosse a hora ideal de ter outro bebê.

No primeiro inédito desta terça, Grandes novidades, Terra não vê a hora de contar a Joe que está grávida, mas teme que ele não goste que ela tenha contado antes às amigas. Joe também tem uma surpresa para Terra, e diz que venceu o medo e vai tomar uma injeção de cortisona. Mas ao chegar ao hospital, sua ansiedade volta com força total.

Em seguida, no episódio que encerra a temporada, Sinais de alarme, Joe toma uma injeção de cortisona tentando adiar a cirurgia. Terra tem medo de que esteja tendo um aborto ao perceber sinais preocupantes durante um ultrassom. E depois de consultar o neurocirurgião de Penny, Terra e Joe descobrem a possibilidade de mais cirurgias no futuro.

ESTREIA – 9/9, sexta-feira, 22h

The Rap Game traz a diva Queen Latifah, numa competição eletrizante para descobrir o próximo grande nome do rap

Na nova série do Lifetime, os competidores farão uma imersão na cena de hip hop de Atlanta com Jermaine Dupri, durante oito semanas. Os adolescentes terão ainda a ajuda de Queen Latifah e de convidados especiais como Usher, Ludacris, Da Brat, T.I. e Silentó para trilharem o caminho do sucesso no rap.

Queen Latifah, que também é produtora executiva de The Rap Game, é considerada a primeira-dama do hip hop. Ela mudou o cenário para as mulheres no mundo do rap, criando músicas repletas de empoderamento feminino. Queen, que também é atriz, se tornou uma das mulheres mais bem-sucedidas tanto dentro da cena do hip hop, como fora.

Com mais de 30 anos de experiência na indústria musical, Jermaine Dupri sabe o que é preciso para ter sucesso. Ele tem no currículo trabalhos com alguns dos maiores talentos jovens da música como Bow Wow, Da Brat, Kris Korss e TLC, o que prova sua habilidade em cultivar novos talentos e os transformar em estrelas.

No episódio de estreia, Bem-vindos a Atlanta, Jermaine Dupri escolhe cinco jovens aspirantes a rapper para competir por um contrato musical na So So Def Recordings. O treinamento de oito semanas começa com uma sessão com um superstar do rap e apresentações para o pessoal do meio musical.

Sobre os artistas de The Rap Game:

Lil’ Niqo, 15 anos - está na música desde os 10 anos de idade. Foi o rapper mais jovem a assinar com a Islande Def Jams e foi correspondente nos red carpets da BET e MTV. Lil’ Niqo também apareceu na série The Finder, trabalhando com 50 Cent, Michael Clark Duncan e Jacob Latimore. Com sua mãe e empresária, Nique, ao seu lado, não há como parar seu caminho para o sucesso.

Lil’ Poopy, 12 anos – o mais jovem do grupo, e já fez mais de 200 vídeos, escreve as próprias músicas e se apresentou com Puff Daddy, Rick Ross e French Montana. Seu pai e mentor, Luis Rivera, fará de tudo para ver seu filho chegar ao topo – inclusive contratar as modelos mais bonitas e alugar Ferraris para os videoclipes do filho.

Miss Mulatto, 16 anos – começou sua carreira se apresentando em festas de aniversário e desde então fez seu nome na cena musical de Atlanta. Sua mãe, Misti, está sempre ao seu lado nas competições, mesmo tendo dificuldade em se infiltrar em círculos sociais fechados.

Supa Peach, 12 anos – com um estilo único marcado pela capa que se tornou sua assinatura, Supa Peach faz rap, canta, dança e modela. Certa do talento da filha, Josetta fez toda a família se mudar das Virgin Islands para dar à filha tudo o que ela precisa para se lançar no mundo do rap.

Young Lyric, 15 anos – sua carreira no hip hop começou com um vídeo viral. Ela gravou sua primeira música aos sete anos e recebeu o título de Melhor Rapper de 14 Anos dos leitores do portal WorldStarHipHop.com. Seus pais, Olivia e Mitchell, fazem o que é preciso para ela chegar ao próximo nível e acreditam que ela está à beira do estrelato.

ESTREIA - 9/9, sexta-feira, 22h50

Batalhas à Capela acompanha dois renomados treinadores vocais nos ensaios com suas equipes e competições

A nova docussérie do Lifetime traz o canto para o centro das atenções. Os episódios de Batalhas à Capela revelam como é estar no mundo competitivo e intenso das competições à capela dos alunos de segundo grau. A pressão começa quando dois times rivais de New Jersey têm a chance de trabalhar com os melhores treinadores vocais do mundo e de se enfrentar em competições semanais. A potência vocal de Deke Sharon não vai parar enquanto seu time, Stay Tuned de Cherry Hill, não sair de sua concha e entrar no tom, enquanto a rock star à capela Diana Preisler (Blue Jupiter) comanda o Voices de Allendale para encontrem sua harmonia até a vitória.

Sharon é o arranjador à capela mais promissor da atualidade e tem produzido The Sing Off em todo o mundo. Ele também trabalhou como arranjador e diretor musical, além de ator, nos filmes de sucesso A Escolha Perfeita e A Escolha Perfeita 2. Sharon é o fundador, diretor e arranjador do pioneiro grupo à capela House Jacks e já dividiu o palco com inúmeras lendas da música como Ray Charles, James Brown, Crosby Stilss and Nash, Run DMC, The Temptations, LL Cool J e os Four Tops, entre outros.

A experiência de Preisler como cantora, dubladora e treinadora de performance deu a ela a reputação de uma das mais respeitadas treinadoras à capela da indústria musical. Ela já viajou o mundo como empresária, diretora artística e cantora principal do famoso grupo de canto Blue Jupiter e tem sido destaque na Nickelodeon, The Huffington Post e Oprah. Ela também pode ser encontrada em competições prestigiadas à capela em todo o país. Ainda, tem brilhado nos palcos em turnês da Broadway, como Um Violinista no Telhado e Um Conto de Natal.

No episódio de estreia, Treinamento com profissionais, os dois grupos rivais levam treinadores de voz profissionais para ajudá-los a sair na frente na temporada de Batalhas à Capela. Os treinadores vocais têm apenas oito semanas para preparar os grupos para a vitória.

11/9, domingo, 19h30

Especial Dance Moms: Mães e Filhas apresenta melhores momentos de Mackenzie e Melissa

Dance Moms, a série de sucesso do Lifetime que conquistou a América Latina e o Brasil, acompanha Abby Lee Miller, a apaixonada e superexigente instrutora de balé da escola que leva seu nome, localizada em Pittsburgh, nos Estados Unidos. Ela dirige sua escola com mão de ferro, mas sempre arruma tempo para ensinar suas jovens e talentosas alunas e também para lidar com as exigências das mães das garotas, que fazem todo o possível para que as filhas realizem seus sonhos profissionais.

O Lifetime agora exibe também, antes dos inéditos de Dance Moms, os especiais Dance Moms: Mães e Filhas, que trazem um resumo da história das bailarinas na série e seu relacionamento com suas mães. Além disso, as edições têm cenas de bastidores e as brigas com Abby.

Nesta semana, Mackenzie e Melissa descrevem a experiência dos primeiros dias de Mackenzie como a caçulinha da companhia. O episódio traz seu crescimento, como se tornou uma pop star e como se sentiu ao finalmente vencer a irmã numa competição. Elas ainda contam detalhes dos triunfos e desafios encontrados em sua jornada.

11/9, domingo, 20h20

Muita tensão e confusão no campeonato nacional, no episódio inédito de Dance Moms

Em Dance Moms, Abby e sua equipe têm um início difícil em Los Angeles; Chloe e Christi desaparecem, sem fazer contato com as meninas, nem com as mães. Depois de um telefonema de Abby, Kalani e Kira voltam ao grupo para ocupar o lugar deixado pelas duas dançarinas. A nova safra de episódios inéditos também está repleta de danças, audições em estúdios competitivos e, claro, os gritos de Abby e as brigas das mães.

Em Caos no campeonato nacional, a temporada de competições chega ao fim e as meninas se sentem pressionadas para manter a invencibilidade. Mas com a inauguração do novo estúdio, elas têm pouco tempo para ensaios e, apesar de muito esforço, a tensão domina e a competição nacional tem um final caótico.

Nenhum comentário:

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.

Tecnologia do Blogger.