Header Ads

A&E - Destaques da programação de 20 a 26 de março


Destaques da programação A&E. (Imagem/Divulgação)
Conheça os destaques da programação do canal A&E de 20 a 26 de março. Nesta semana, o canal estreia a série Escravos da Cientologia, em que a atriz e produtora Leah Remini usa sua experiência pessoa para desmascarar a controversa religião.

Outro destaque do canal é a estreia da produção nacional de ação e aventura Sem Volta, que acompanha um grupo de montanhistas enquanto lutam pela sobrevivência.

Também estão programados a estreia do longa Rápida Vingança, na faixa A&E Movies, e episódios inéditos de Acumuladores Compulsivos, Minha Vida Com Síndrome de Down, Assassino de Mulheres e NCIS: Los Angeles.

20/3, segunda-feira, 23h15

No episodio de Acumuladores Compulsivos, banheiro foi transformado em sala de TV devido ao acúmulo de coisas

A&E apresenta a nova temporada de Acumuladores Compulsivos (Hoarders). Os personagens da série parecem pessoas comuns, mas escondem transtornos que muitas vezes os levam a perder família, amigos, dignidade e também a liberdade. Eles fazem de suas casas ambientes insalubres, pois acumulam objetos que não têm nenhuma utilidade, transformando seus lares em verdadeiros lixões. Muitos estão prestes a serem despejados ou sofrerem intervenção de entidades de saúde pública, em virtude de denúncia de vizinhos incomodados com tamanha sujeira e desordem.

Ao contrário de colecionadores, são pessoas que sofrem do transtorno mental conhecido como colecionismo. Elas têm uma condição patológica séria e participam do programa com tratamento específico para cada caso, sempre com a orientação qualificada de terapeutas, na tentativa de recuperá-los desse transtorno.

No inédito de hoje, Charles coleciona milhares de pinturas de mulheres nuas e sua obsessão acabou destruindo suas relações. E a casa do Alvin é tão cheia de entulho que acabou tendo de fazer de seu banheiro uma sala de estar, onde assiste TV. Mas, com isso, ele colocou em risco a saúde de sua mãe.

21/3, terça-feira, 20h

Sean parte para Las Vegas e Megan decide ir à Califórnia, no episodio inédito de Minha Vida Com Síndrome de Down

Vencedora de um prêmio Emmy de Melhor Reality Estruturado e homenageada pela Television Academy Honors, Minha Vida com Síndrome de Down (Born This Way) acompanha a vida de um grupo de jovens adultos com síndrome de Down retorna com novos episódios nesta terça-feira.

A produção acompanha as histórias de sete jovens do sul da Califórnia junto com seus familiares e amigos: Rachel (33 anos), uma jovem que trabalha em uma companhia de seguros e que sonha em se casar; Sean (22), um excelente jogador de golf, esportista e destruidor de corações; John (29), apaixonado pela música e pelo rap, nascido para entreter; Steven (25), um aficionado por cinema que trabalha lavando pratos em um estádio de beisebol em Anaheim, Califórnia; Cristina (26), uma doce e compassiva jovem que trabalha em uma escola secundária e que adora o noivo com quem mantém um relacionamento há mais de quatro anos; Megan (23), uma empreendedora de moda que criou uma marca de roupas e que também quer concretizar o sonho de ser produtora de cinema; e Elena (29), uma grande cozinheira que abraça a vida, encantada por dançar e escrever poesia.

No episódio inédito Bem-vindo a Las Vegas, Sean parte para Las Vegas com dois grandes objetivos: ver Justin Bieber e ter seu primeiro encontro às cegas. John faz 29 anos e sua mãe lhe dá o prazo de um ano para ganhar dinheiro com sua música ou terá de começar a trabalhar. Megan decide morar na Califórnia e a síndrome de Down não a deterá.

ESTREIA - 21/3, terça-feira, 23h15

Exclusiva do A&E, série produzida pela atriz Leah Remini revela lado obscuro da Cientologia

O A&E estreia nesta terça Escravos da Cientologia (Leah Remini: Scientology and the Aftermath), série de oito episódios apresentada pela atriz, produtora e autora norte-americana Leah Remini (King of Queens), que junto a ex-membros da igreja, detalham histórias impactantes de abuso e perseguição, vividas por aqueles que abandonaram a igreja da Cientologia e falaram publicamente sobre suas experiências. Leah Remini revela os segredos e o escândalo da Cientologia, mesmo sob o risco de sofrer ameaças, perseguição e invasão de privacidade. Escravos da Cientologia quebra o silêncio do estigma desta religião, fundada pelo escritor norte-americano Ron Lafayette Hubbard, e cuja doutrina prega que os humanos são seres espirituais imortais.

Filmada em 2016, a série é baseada nas memorias de Leah Remini, “Troublemaker: Surviving Hollywood and Scientology”, publicadas em 2015, contam a experiência da atriz que foi criada na cientologia desde pequena, até sua saída pública da instituição, em 2013. Este livro narra seu doutrinamento na religião aos 10 anos com sua mãe e irmã, assim como a fase de sucesso de sua carreira em Hollywood e como foi pressionada para promover a religião nesse ambiente. Remini relata o processo de investigação que começou a realizar a partir de diferentes questionamentos sobre as práticas misteriosas e obscuras da Cientologia.

No episodio de estreia, Desconexão, para examinar os prós e contras de sua antiga religião, a atriz e ex-cientologista Leah Remini visita uma antiga dirigente da Cientologia, Amy Scobee. E, depois de ouvir sua história familiar trágica, Leah promete revelar os segredos ocultos da igreja.

22/3, quarta-feira, 23h

Investigações sobre o Estrangulador levam ao local do crime, esta semana, em Assassino de Mulheres

Dividida em oito episódios, a impactante série em formato de documentário Assassino de Mulheres (The Killing Season) foi realizada por Alex Gibney, ganhador do Oscar de Melhor Documentário em 2008 por Um Táxi Para a Escuridão. A docussérie acompanha os documentaristas Joshua Zeman e Rachel Mills enquanto investigam um dos casos mais estranhos de serial killers da atualidade: dez prostitutas mortas foram descobertas em Gilgo Beach, Long Island, em 2010. As autoridades locais suspeitam que os crimes tenham sido trabalho de um serial killer de Long Island, que depois de seis anos continua solto.

Por meio do contato com detetives, jornalistas e parentes das vítimas, Zeman e Mills descobrem pistas que sugerem que Long Island é só o começo e que outros casos de violência em outras cidades não são atos isolados. Revelam, também, detalhes e segredos que revolucionaram o gênero de documentários sobre crimes. Graças à ajuda de internautas aficionados, Zeman e Mills descobrem uma rede de conexões misteriosas de assassinatos não resolvidos, de Atlantic City a Daytona Beach, mostrando que os serial killers realizam inúmeras buscas a prostitutas usando a internet como ferramenta de caça.

No episódio inédito O lado sombrio da cidade, a procura pelo Estrangulador leva a uma prostituta que diz ter conhecido o assassino, e também à descoberta da cena do crime.

ESTREIA - 24/3, sexta-feira, 23h15

A&E estreia a produção nacional de ação e aventura Sem Volta, em que grupo de montanhistas luta pela sobrevivência

A partir do dia 24 de março, o A&E exibe Sem Volta, série brasileira de ação, carregada de suspense e drama. Na trama, um grupo de 11 montanhistas decide escalar a Agulha do Diabo, na Serra dos Órgãos, no Rio de Janeiro. Aí começa a aventura, numa história repleta de perigos e mistério, em meio à natureza, em que todos lutarão pela própria sobrevivência.

Em 13 episódios, Sem Volta traz cenas de grande impacto, que vão testar os limites dos personagens e o coração do telespectador. O roteiro explora as reações humanas frente aos desafios da natureza e situações drásticas. Com idades entre 16 e 50 anos, os montanhistas embarcam em uma aventura e testarão suas habilidades. No entanto, uma sequência de erros e uma tromba d´água avassaladora fazem com que eles se percam e tenham de passar por uma verdadeira prova de sobrevivência. Na busca por manterem-se vivos, os personagens enfrentam também a natureza humana. E cada decisão a ser tomada pode ser fatal.

A produção conta com atores bastante conhecidos da TV brasileira, entre eles: Camila Rodrigues, Ângelo Paes Leme, Flávia Monteiro, Heitor Martinez, Nicola Siri, Gustavo Leão, Cláudia Mauro, Silvio Guindane, Roger Gobeth, Guilherme Dellorto, Juliana Schalch, Mariana Molina, Rhaisa Batista e Ivone Hoffmann.

A série foi exibida em janeiro, na TV Record, que coproduziu Sem Volta em parceria com o A&E e as produtoras Panorâmica e Chatrone. Pioneira no gênero no Brasil, a produção tem roteiro de Gustavo Lipztein e direção de Edgard Miranda. As filmagens duraram cerca de três meses, em locações nas cidades de Teresópolis, Petrópolis e Casemiro de Abreu, no Rio de Janeiro.

No episódio de estreia, um grupo de 11 montanhistas se junta para escalar a Agulha do Diabo, na Serra dos Órgãos, perto de Teresópolis no Rio de Janeiro. João Bittencourt (Heitor Martinez) é um dos maiores escaladores do Brasil e leva a família – sua ex-mulher, Claire (Cláudia Mauro), e os dois filhos, Suzana (Juliana Schalch) e Carlinhos (Eduardo Melo) – para escalar a Agulha. Mas o programa em família fica ameaçado com a chegada de Malena (Rhaisa Batista), a jovem namorada de João, de 25 anos, que não quer deixá-lo sozinho com Claire. O trio Lulli (Mariana Molina), Dógui (Guilherme Dellorto) e Sapo (Gustavo Leão) também parte nessa aventura. Sapo e Dógui são primos e moram com Lulli – por quem Dógui é apaixonado e que, na verdade, mantém um romance escondido com Sapo.

O grupo se completa com o misterioso Solis (Roger Gobeth), que tem razões obscuras para estar ali. Yórdi (Silvio Guindane) é o guia da escalada e chama sua amiga Inês (Flávia Monteiro) para ajudá-lo. Mas o que ninguém sabe é que Yórdi foi suspenso e não poderia estar trabalhando. Enquanto isso, na base da escalada, ficam Salomão (Ângelo Paes Leme), irmão ético e correto de Yórdi, e Juliana (Camila Rodrigues), chefe dos dois. Mas, quando a chuva começa a cair, o que parecia ser um dia de escalada tranquila vai literalmente por água abaixo.

25/3, sábado, 22h30

Mesmo desfalcada, equipe de NCIS: Los Angeles precisa correr para solucionar um sequestro

Nos novos episódios da oitava temporada de NCIS: Los Angeles, os agentes especiais Chris O’Donnell e LL Cool J continuam sua tarefa arriscada de capturar os criminosos mais perigosos de Los Angeles. Esta temporada é a última com a participação do ator Miguel Ferrer, que trouxe para a tela por muitos anos o personagem de Owen Granger, após sua morte inesperada em janeiro deste ano.

NCIS: Los Angeles é uma série dramática que mostra em detalhes os riscos assumidos por uma divisão de NCIS encarregada de prender criminosos perigosos e fugitivos que representam uma ameaça para a segurança da nação. Ao assumir identidades falsas e utilizar a tecnologia mais avançada, esta equipe de agentes altamente capacitados trabalha de forma secreta, colocando suas vidas na linha de fogo para alcançar seus objetivos. O agente especial “G” Callen (Chris O’Donnell) é um camaleão que se transforma em quem for preciso para se infiltrar no mundo do crime. Seu companheiro é o agente especial Sam Hanna (LL Cool J), ex-oficial da Marinha dos EUA e que lutou no Afeganistão e no Iraque.

A equipe tem a ajuda de Henrietta “Hetty” Lange (Linda Hunt), encarregada de supervisionar o pessoal e fornecer-lhes todas as ferramentas necessárias, desde as câmeras de micro-vigilância até os veículos. A agente especial Kensi Blye (Daniela Ruah) é a brilhante filha de um oficial assassinado, e que vive para a adrenalina do trabalho secreto. Marty Deeks (Eric Christian Olsen) é um detetive secreto experiente da polícia de Los Angeles que foi recrutado por Hetty para a equipe. Armada com os mais avançados equipamentos de alta tecnologia e enviada regularmente a situações de perigo, esta forte unidade se apoia entre si para fazer todo o necessário para proteger os interesses nacionais.

No inédito deste sábado, O gambito da dama, a equipe fica desfalcada quando um dos seus membros é questionado em Washington DC e outro está internado na unidade de terapia intensiva após a missão na Síria. No entanto, eles devem concentrar suas forças para investigar um sequestro antes que seja tarde demais.

ESTREIA - 26/3, domingo, 22h30

Faixa A&E Movies exibe o inédito Rápida Vingança, com Dwayne Johnson

Na trama do filme Rápida Vingança, que estreia neste domingo, depois de cumprir 10 anos de prisão, Driver (Dwayne Johnson) tem um único objetivo em mente: vingar a morte de seu irmão, assassinado em um assalto mal planejado. Mas tem gente disposta a atrapalhar seus planos.

Um deles é um policial veterano (Billy Bob Thornton) prestes a se aposentar. O outro é um matador de aluguel (Oliver Jackson-Cohen), viciado em adrenalina e bastante egocêntrico. Agora, é uma questão de tempo para saber quem sai vivo desse jogo de caça e caçador.

Nenhum comentário

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.