Header Ads

MAX e HBO GO exibem uma seleção especial do Festival de Cinema de Cannes


Especial Festival de Cinema de Cannes. (Imagem/Divulgação)
O canal MAX e a HBO GO apresentam uma seleção de filmes que já participaram do Festival de Cinema de Cannes para você curtir o melhor do cinema independente. Para entrar no clima da premiação - que entra hoje em sua 70ª edição -, assista até 28 de maio, no prime time do canal MAX, a várias produções elogiadas. Alguns títulos também estão na plataforma de entretenimento digital premium HBO GO, para você ver na hora e dia que escolher.

Sono de Inverno. O diretor turco Nuri Bilge Ceylan conta a história de Aydin, um intelectual que abstrai parte da realidade enquanto dirige um hotel silencioso onde mora com a mulher e a irmã. Um dia, um menino quebra uma janela do carro dele e, a partir daí, o pensamento de Aydin enfrenta novos desafios. Vencedor da Palma de Ouro e do Prêmio Fipresci em 2014, o filme é protagonizado por Demet Akbag, Haluk Bilginer e Melisa Sözen. Quarta-feira, 17 de maio, às 22h, no MAX. Disponível na HBO GO.  

Drive. Dirigido por Nicolas Winding Refn ganhador do prêmio de melhor diretor do Festival de Cannes em 2011. A trama gira em torno de um dublê e mecânico que está tentando fugir de seu passado. Sua vida ficará complicada quando ele decide ajudar sua vizinha e se apaixona por ela. Mas quando conhece o marido dela, ele será levado para o perigoso mundo do crime. Quinta-feira, 18 de maio, às 22h, no MAX. Disponível na HBO GO.  

Mamãe. Xavier Dolan, vencedor do Grande Prêmio do Júri do Festival de Cannes duas vezes, dirigiu e escreveu este filme em que conta a história de um adolescente que sofre de transtorno de déficit de atenção e hiperatividade, e mostra sua relação com sua mãe excêntrica. Violência intrafamiliar, falta de comunicação e amor incondicional são os elementos chave da narrativa. Sexta-feira, 19 de maio, às 22h, no MAX. Disponível na HBO GO.  

Jovem e Bela. Dirigido pelo aclamado François Ozon e estrelado por Marina Vacth, em uma interpretação memorável, este filme foi indicado à Palma de Ouro em 2013. Isabelle é uma adolescente que tem uma vida secreta como prostituta que atende homens mais velhos neste drama elegante que aborda a maturidade sexual de uma perspectiva peculiar. 20 de maio, às 22h, no MAX. Disponível na HBO GO.  

O Lagosta. Uma proposta diferente do diretor grego Yorgos Lanthimos, este filme nos leva a uma sociedade distópica na qual David (Colin Farrell) deve seguir uma série de regras rigorosas para encontrar seu par romântico em um prazo determinado, sob a ameaça de ser transformado em um animal. O filme ganhou o Prêmio do Júri em 2015. Domingo 21 de maio, às 21h, e segunda, 22 de maio às 20h, no canal MAX. Disponível na HBO GO.  

Elefante. Dirigido por Gus Van Sant, o drama se passa em uma típica escola americana, onde os estudantes estão às voltas com seus afazeres diários: a prática de esportes, as aulas e a recreação com os amigos. Eles nem desconfiam que uma violenta tragédia está para acontecer. O longa foi vencedor da Palma de Ouro em 2003. Terça-feira, 23 de maio, às 23h45, no MAX. Disponível na HBO GO.  

Sr. Turner, ambientado no século 19, conta a vida do excêntrico pintor britânico J.M.W. Turner (Timothy Spall), abordando sua relação com o pai, suas viagens e sua relação com a Real Academia das Artes e com a realeza. A produção ganhou o prêmio de Melhor Ator, para Timothy Spall, e o Prêmio Vulcain de Técnica Artística em 2014. Quarta-feira 24 de maio, às 22h, no MAX.

Foxcatcher: Uma História que Chocou o Mundo. John Du Pont convida o medalhista olímpico Mark Schutz para fazer parte da equipe de luta livre que prepara em sua mansão para as Olimpíadas de Seul. Mark aceita e deixa o treinamento com seu irmão Dave, sem imaginar as consequências. O diretor Bennet Miller conquistou o prêmio de melhor diretor no Festival de Cannes de 2014. Quinta-feira, 25 de maio, às 22h, no MAX.

Tal Pai, Tal Filho. Este filme dirigido pelo cineasta japonês Hirokazu Koreedam, que ganhou o Prêmio do Júri e a Medalha do Júri Ecumênico em 2013, aborda os conflitos na vida de Ryota, um homem bem-sucedido que vive feliz com a mulher e o filho de 6 anos até ficar sabendo que seu filho foi trocado por outro na maternidade. Sexta-feira 26 de maio, às 22h, no MAX. Disponível na HBO GO.  

Relatos Selvagens. O filme argentino apresenta seis histórias que narram situações comuns, como uma viagem de avião ou uma festa de casamento. Mas algo, que pode ser superficial ou profundo, faz com que a ira de alguém desperte repentinamente, transformando o ambiente. O longa concorreu à Palma de Ouro 2014.  Sábado, 27 de maio, às 22h, no MAX.

Filho de Saul. Vencedor do Grande Prêmio do Júri em 2015, este filme dirigido por Láslzó Nemes mergulha no horror do campo de extermínio de Auschwitz, onde um prisioneiro encarregado de queimar os cadáveres de outros prisioneiros encontra uma espécie de sobrevivência moral tentando salvar dos fornos crematórios o corpo de um menino que ele acredita ser seu filho. Domingo, 28 de maio, às 21h, no MAX. Disponível na HBO GO.  

Macbeth: Ambição e Guerra, baseado na peça de Shakespeare, é protagonizado por Michael Fassbender e Marion Cotillard. Dos mesmos produtores de O Discurso do Rei, o filme conta a história do ambicioso barão Macbeth, que, encorajado pela mulher, busca chegar ao trono por meio de trapaças e mentiras. Indicado à Palma de Ouro em 2015. Disponível na HBO GO.  

Quando meus pais não estão em casa. Premiado em 2013 com a Câmera de Ouro, o filme narra a história de Terry, uma mulher que deixa seu país natal, as Filipinas, para se aventurar em Cingapura. A obra de Anthony Chen explora o relacionamento de Terry com o adolescente Jiale em meio à crise asiática de 1997. Disponível na HBO GO.  

Adeus à Linguagem. Dirigida por Jean-Luc Godard e protagonizada por Héloise Godet e Kamel Abdeli, esta produção ganhou o Prêmio do Júri em 2014. Um relato experimental sobre a infidelidade de dois casais, e o cachorro que é testemunha, que conquistou a crítica internacional com o questionamento sobre a linguagem como ponte e obstáculo nas relações humanas. Disponível na HBO GO.  

Dois dias, uma noite. Protagonizado por Marillon Cotillard, o filme conta a história de Sandra, uma depressiva recuperada que só tem o tempo do título para recuperar seu emprego. Para isso precisa convencer seus colegas a abrirem mão de um bônus alto que receberiam com a demissão dela. Escrita e dirigida pelos irmãos Jean-Pierre Dardenne e Luc Dardenne, a produção fez parte da seleção oficial e foi indicada à Palma de Ouro em 2014. Disponível na HBO GO.  


Nenhum comentário

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.