Header Ads

Confira o resumo da semana de "Belaventura" de 06 a 10 de novembro


Resumo da Semana de "Belaventura" de 06 a 10. (Imagem/Divulgação)
Confira o resumo da semana de "Belaventura" de 06 a 10 de novembro.

Segunda-feira, dia 06

Com a espada Redentora nas mãos, está Severo (Floriano Peixoto). Olhando o pai, completamente exaurido, no chão, está Jacques (Leandro Lima) e Severo é observado por Cedric (Giuseppe Oristânio), Merlino (Paulo César Grande) e Leocádia (Esther Goes). Ajudá-la vai Leocádia. Jacques não responde quando Severo lhe pergunta se o rei está morto. Severo se surpreende quando Jacques tira-lhe a espada da mão dizendo que o trono será dele por direito. Falstaff (André Mattos) é acusado de fazer parte do esquema da Ordem Pura em que explorava as mulheres vendendo seus bebês por Joniel (Raymundo de Souza). As mulheres apenas eram entregues para a Ordem por ele, diz Falstaff ao negar. Para comparecer no castelo, Páris (Bemvindo Sequeira) recebe uma convocação. Enrico (Bernardo Velasco), diz Carmona (Camila Rodrigues) ao discutir com ele. Foi ele quem matou Otoniel (Kadu Moliterno) e, por mérito, deveria ser ele o novo rei, diz Jacques ao discutir com Arturo (José Victor Pires). O momento é de união e não de brigas, diz Severo ao os repreender. O apoio dos principais colaboradores do reino não pode ser perdido, diz Enrico, que está com Mistral e Bartolion (Paulo Gorgulho). A chegada de Joniel surpreende Tiana (Marcela Muniz). Emocionados, se abraçam eles. Os soldados estão receosos diante de Jacques, porque acreditam que o novo rei será ele, diz Cedric quando Severo pede que ele prenda Jacques na masmorra. Não vai permitir que Jacques saia triunfante, pois foi ele quem atirou no rei, diz Arturo, furioso diante de Leocádia. Pietra (Rayanne Morais) deveria assumir o trono de Belaventura, sugere Mistral com Enrico perturbado diante de Bartolion. Ao voltar para Valedo com a espada Redentora, Jacques foi visto pelos soldados de Belaventura, diz à Carmona, Tácitus (Alexandre Barilari). Seu pai foi derrotado, deduz Carmona. Lizabeta (Adriana Birolli) abraça Dulcinéa (Anajú Dorigon) e chora quando ela lhe conta a mesma coisa. Os Errantes e Biniek (Paulo Reis) impedem Jacques de prosseguir quando, na Vila, ele, em seu cavalo, é cercado. Sem ser visto por Jacques, surge Arturo. Arturo se debate ao ser capturado por Biniek. Polentina (Bárbara Borges) pede ajuda a Gregor (Marco Antonio Gimenez), na floresta. Por trás de Polentina, um dragão surge. No momento em que o dragão cospe uma lufada de fogo na direção deles, Gregor pula para salvar Polentina. Jacques deve ser encontrado e trazido para o castelo, pede à Fernão (Victor Pecoraro), Severo. A trajetória do conde acabará aos pés daquele que sempre o serviu, é a ameaça de Fernão a Severo, caso não conte o que ele fez para afastar Inês (o nome da atriz não foi divulgado) dele. Diante da fúria de Fernão, fica Severo. Selena (Giselle Itié) não é uma pessoa que se deve confiar, diz à Accalon (Paulo Lessa), Dulcinéa, triste diante das notícias sobre o rei. Diante de Mistral e Bartolion estão Selena e Páris. Os portões para a Ordem Pura devem ser abertos e os Cavaleiros da Ordem têm que servirem a ela, é o conselho de Selena à Carmona. Irritados e impacientes estão diante de alguns soldados de Belaventura, Brione (Juliana Didone) e Gonzalo (Alexandre Slaviero). Estão ali e gostariam de ser recebidos, pede Gonzalo que avise Mistral. Diante dos soldados para Jacques ao chegar a cavalo. A espada com Jacques é vista por Brione, emocionada. Será encaminhada imediatamente para uma punição pública, diz Mistral a Marion (Helena Fernandes), pedindo que ela se prepare. Se o rei for derrotado, ele não seja bem visto como sucessor, diz Enrico em conversa com Carmona, Lizabeta e Pietra. Os súditos o apoiariam, diz Pietra quando Carmona concorda. Carmona está certa ao dizer que precisam de uma rainha, diz Enrico. Com o que acabou de ouvir, surpresa e satisfeita, reage Carmona. Para todas olha Enrico ao fazer uma pausa. Pietra é essa rainha, diz Enrico.

Terça-feira, dia 07

Diante de Enrico, Pietra e Lizabeta, está surpresa Carmona. Está tão surpresa quanto ela, diz Pietra, culpada por Carmona. Enrico teve uma decisão sábia ao castigar Marion diante do povo, diz Selena, diante de Bartolion e Páris. Sobre a mesa, Severo é jogado por Fernão, que lhe segura pela nuca. Severo não tinha o direito de decidir seu futuro, diz Fernão ao revelar que ele e Inês tinham planos de partir. Desconhece o assunto, diz Severo. A entrada no castelo de Belaventura é autorizada apenas para Jacques. Do lado de fora esperam Brione e Gonzalo. Fubaldo (Guga Coelho) diz ter visto os Errantes levando o filho do conde, diante de Joniel e Quixote (Elcio Romar), na Vila. Gregor fica irritado quando Polentina lhe diz que foram os Errantes que a atacaram e ele diz que não foram. Selena é encontrada por Jacques quando ele caminha pelo corredor para encontrar Enrico. Sua mãe irá ser punida com a morte, avisa Selena ao dizer que vai acompanhá-lo até o príncipe. Para vê-la antes, Jacques é convidado por Selena. Falstaff foi o responsável de ter jogado Fernão contra ele com a história do desaparecimento de Inês e, por isso, deve ser afastado assim que assumir o trono, diz à Cedric e Merlino, Severo. Com a notícia de que Marion será punida publicamente, chega o soldado Chavel (Thiago Giacomini). Jacques se desespera quando ele e Selena, na torre, não encontram Marion. A espada é entregue à Selena por Jacques. É Nodier (Thierry Figueira) o corpo coberto no chão por Jacques, ao se aproximar. Jacques é trancado quando a porta se fecha. Fica furioso Jacques ao perceber que caiu numa cilada. A porta do castelo se abre quando Brione e Gonzalo aguardam. Marion tem os punhos acorrentados é levada por alguns soldados, que saem. Até a mãe corre Brione. De assistir à punição de Marion, Carmona é proibida por Enrico. Mistral e Accalon devem lhe acompanhar na punição de Marion, pede Enrico. Ele ordenou que Selena saísse em alguma missão?, pergunta Daros (Ivan Mendes) à Enrico ao aparecer. Selena não está no reino e ninguém a viu sair, diz Daros. Selena tentou convencer Pietra a fugir com ela para se proteger, diz Bartolion ao entrar. Os detalhes são explicados por Enrico ao dizer que ela não é confiável. Sem notícias de Jacques, estão preocupados Brione e Gonzalo. Brione grita por Lizabeta quando ela sai do castelo a cavalo. O conde está perto de perder sua esposa, diz Selena ao encontrar com Severo e Leocádia. À Severo, a espada Redentora é mostrada por Selena. Precisa se acalmar, diz Pietra ao conversar com Dulcinéa. Pensativa, bebe Pietra ao se servir com algo que está na jarra. Para não lhe machucar, Pietra pede quando Merlino surge, lhe assustando. A jarra é jogada no chão por Pietra, assustada, ao olhar para o copo e para a jarra.

Quarta-feira, dia 08

Merlino consegue entrar no quarto de Enrico e deixa Pietra apavorada. Faz que vai cair Pietra ao começar a ficar tonta. A proposta de Selena de se casar com ele em troca da espada causa graça em Severo. Algumas pessoas gritam e jogam frutas nela enquanto Marion, acorrentada, é arrastada para a Vila. Com Accalon e Mistral, Enrico chega. Caso Marion conte a todos as armações de Severo, ela será liberta, promete Enrico. Enrico não deve ser covarde e deve seguir o caminho da Justiça, comenta com Tácitus, Carmona, nervosa, andando de um lado para o outro. Gostaria de estar no comando da punição de Marion, diz Carmona ao sentar no trono. Enrico não pode punir sua mãe, comenta com Nodier, Jacques, na torre, muito nervoso. Jacques está no castelo?, pois ele está com a espada, pergunta Lizabeta ao encontrar com Bartolion. Na cama, delira e cai Pietra. Sobre Prestedourado a ela, Merlino pergunta. Diante de si, Merlino é visto por Pietra, meio que desperta. Parece tonta Pietra. Ao se casar com Selena, o conde está diante de uma armadilha, comenta Cedric com Leocádia. Pietra começa a murmurar quando Merlino continua procurando pelos escritos. Para ouvir, Merlino se aproxima dela. Merlino detém Pietra quando ela tenta lhe atacar com uma adaga. Por socorro, Pietra grita. Os selvagens não querem negociar e não vão abrir mão de terem Arturo como moeda de troca, diz Joniel ao ser encontrado por Fernão, ao procurar pela floresta por Arturo. Merlino direciona a adega no pescoço de Pietra, tensa. Jacques e Lizabeta se encontram quando ela é levada à prisão. Selena criou uma emboscada e o prendeu na torre, conta Jacques. Merlino é surpreendido por Bartolion, quando este arromba a porta do quarto de Enrico. Ajuda é pedida por Pietra à Carmona ao correr e encontrá-la. Desmaia Pietra. Não entende o que está acontecendo Lizabeta ao também chegar. Todo ensanguentado surge Merlino nesse momento. Tácitus chega para protegê-las quando Carmona grita pelos guardas. Na barriga de Merlino, Tácitus crava a espada. Com a coroa na cabeça, Severo surge em seu cavalo. Ao vê-lo, todos se surpreendem. Triunfante, observa Marion. A esta altura, Marion já perdeu a cabeça, comenta Nodier com Jacques, Brione e Gonzalo. Severo deve ser preso pelos soldados, manda Enrico. Os soldados de Valedo fazem o mesmo quando os soldados desembainham suas espadas. Cornetas são ouvidas nesse momento. Na expectativa de todos. Trazendo a espada Redentora, Selena surge num cavalo, ao lado de Cedric. Surpreso, reage, Enrico. Morte ao príncipe é gritada por Severo ao levantar a espada Redentora e, intrigada, observa Marion.

Quinta-feira, dia 09

Severo tem a espada Redentora em punho e Enrico, diante dele, está espantado. Assim como os cavaleiros de Belaventura, Mistral e Accalon se colocam junto de Enrico, todos com suas espadas em riste. Severo, Selena e Cedric são chamados de traidores por Enrico, que os encaram. Para o castelo de Valedo, Marion deve ser levada, ordena Severo, quando ela pede para ele a libertar. A prisioneira pode ser conduzida, diz Selena. Desperta Bartolion. Jacques, Brione e Gonzalo são libertos por Tácitus. Ao povo, a espada é mostrada por Severo. Uma aliança com a Ordem Pura devolverá a tranquilidade que merecem no reino, diz Selena. É melhor recuar e que precisam sair dali, orienta à Enrico, Accalon. Para cima de Enrico, partem os guardas. Contra os soldados de Belaventura, luta Selena. Frente a frente com Enrico fica Severo. No castelo de Valedo, acorrentada, entra Marion. Brione acerta um soldado com uma flecha quando ele vai ser atacado por Enrico. Gonzalo se aproxima e defende Brione quando Selena parte para cima dela, desarmando-a. Enrico é ferido por Severo. Uma dor muito forte é sentida por Pietra. Severo ordena que Enrico se ajoelhe, quando ele está fraco. Enrico deve ser levado, pede Jacques, ao se colocar diante de Severo. Jacques agora é o príncipe, diz Severo, ao encará-lo. Com Severo, Jacques discute. Brione também se afasta ao encarar o pai quando Jacques sai por onde foi Enrico. Na bandeira de Valedo, na torre, mais uma vez, é estendida pelos soldados. Ferido, no castelo, chega Enrico. O trono foi usurpado e que ele venceu, diz à Lizabeta, Enrico. Desacordada, Pietra é vista por Enrico, quando ele vai até o quarto. Está muito orgulhosa dele, diz à Severo, Leocádia. Muito bem vestida e enfeitada com joias, entra Marion. Com Marion se depara Selena eo entrar. A sombra de alguém dentro da tenda é vista por Bartilion, na Vila, ao caminhar apressado. Com a chegada dele, Morgana (o nome da atriz não foi divulgado) se assusta. Para identificar um frasco com o líquido, Bartolion pede ajuda à Morgana. Já sai Bartolion ao agradecer as poucas informações. No trono, Selena senta e é questionada por Mario (o nome do ator não foi divulgado). A futura rainha deve ser respeitada, ordena Severo. Com Arturo, Biniek não aceita comer, numa gruta. Ele será pego e expulso junto com seus homens, diz Arturo a Biniek. Agora é o melhor momento para negociá-lo com Severo, diz Biniel. Com Leocádia, Marion discute, furiosa. Para evitar que Severo cometa um grave erro, Leocádia propõe uma aliança a Marion. Jacques e Carmona se encontram quando ela vai até o quarto de Enrico. Jacques é acusado de ser traidor por Carmona, que o ataca. Ela deve parar, pede Lizabeta. Com Jacques, Carmona continua falando ao ignorar Lizabeta. Tem a permissão do príncipe?, pergunta Jacques, ao dizer que pretende se casar com Lizabeta.

Sexta-feira, dia 10

Enquanto Lizabeta observa, surpresa, Enrico é encarado por Jacques. Furiosa, Carmona já reage, e Pietra permanece adormecida. Não é o momento ideal para falar sobre o assunto, diz Enrico. Aceita, diz Lizabeta ao já reagir. Inconformada fica Carmona. Com um grito de dor bem forte, desperta Pietra. Se assustam todos. A Bartolion, Flastaff mostra um baú ao vir de dentro. Ao ver alguns saquinhos com sementes, papiros enrolados e pequenos frascos com líquidos, se surpreende Bartolion ao abrir. À Bruxa da Flor, tudo pertencia, diz Falstaff. Porque guardou tudo aquilo por tanto tempo, questiona Falstaff, Bartolion. Ninguém pagaria um alto valor sem saber o que significava, responde Falstaff. A vida de Pietra pode ser salva, diz Bartolion. É pouco e exige muito mais, diz Falstaff. Enrico aceita Jacques como colaborador, quando ele se coloca à disposição do príncipe. Não consegue ficar entre os irmãos e que não conseguiu ouvir tantos absurdos, diz, furiosa, Carmona em conversa com Tácitus. Carmona esbraveja quando Tácitus pede que ela descanse. Gentilmente, fazendo Carmona silenciar, Tácitus põe a mão em sua boca. Carmona diz que Tácitus ficou louco quando ela o afasta, após Tácitus lhe surpreender com um beijo. Ela o puxa e o beija, quando Tácitus pergunta se ela quer que ele se retire. Páris lhe deve ajudar com os estudados para encontrar uma solução para Tamar (Lidi Lisboa), procura Dumas (Bruno Padilha). Precisa de alguns ingredientes para seus experimentos. Aceita Páris. Com a entrada de Biniek se surpreende Severo, sentado no trono. Enquanto os homens lutavam pela vitória não o viu, questiona Severo. No mapa deve ser mostrado um território para que não precisem mais ficar escondidos na floresta por Severo, pede Biniek. Nega Severo. Severo é encarado por Biniek. O primeiro mandado para lá seria justamente seu filho, Arturo, ameaça Biniek ao dizer que ele não deveria fazer isso. Se surpreende Severo. Encontrou Arturo, pergunta a Fernão, Marion. Severo deve tomar alguma atitude para salvar Arturo, pede, nervosa, diante dele, Marion. São príncipes agora e não podem ficar fora do castelo, diz Marion, ao pedir que ele faça algo pelos filhos adultos. Jacques não merece sua consideração e que não será seu sucessor e que será deserdado, diz Severo. Não pode fazer isso, diz, assustada, Marion. Marion deve se retirar, diz Selena, ao entrar com uma bela veste e duas taças de vinho. Selena é puxada pelo cabelo por Marion e derrubada no chão quando ela parte para cima dela ao fazer que vai sair. Brigando, as duas rolam no chão. Ele quer ficar sozinho, diz Severo ao separar as duas e pedir que as duas saiam. Alguns experimentos são feitos por Bartolion, ao analisar os pergaminhos que estavam no baú. Na Vila, Bartolion encontra com Dumas, no dia seguinte. Teve a impressão de que estava sendo vigiado, diz Bartolion ao pedir que tenha cuidado. Merlino está morto, diz Bartolion quando Dumas acredita ser Merlino. Se surpreende Dumas. Não tem muito tempo para explicar e lhe dá um frasco, diz Bartolion. O que entregou a Dumas, pergunta Cedric ao chegar por trás. Dumas corre de lá quando Cedric manda prender Bartolion. Um emplasto é passado por Elia (Silvia Salgado) ao limpar a ferida de Enrico. Pietra segue imóvel quando Enrico olha para ela. Vai atrás de Bartolion, diz Accalon. A procura de Arturo caminham Brione, com o arco e flecha nas mãos, Gonzalo e Joniel. Até Severo, Bartolion é levado por Cedric. Até a presença de Enrico, soldados levam Dumas. Enrico se surpreende quando Dumas retira um frasco e entrega para ele.

Nenhum comentário

Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.