Deborah Colker fala do novo espetáculo, Cura, no Metrópolis desta sexta-feira

Reprodução @deborahcolker

No Metrópolis desta sexta-feira (1/10), a bailaria e coreógrafa brasileira Deborah Colker conversa sobre seu novo espetáculo, Cura. Com apresentação de Adriana Couto e Cunha Jr., a edição traz ainda o dossiê #MúsicaÉInvestimento. Vai ao ar a partir das 19h20, na TV Cultura

Com trilha sonora de Carlinhos Brown e inspiração no neto da coreógrafa, que tem uma doença genética, a montagem Cura, com a Cia. de Dança Deborah Colker, trata de ciência, fé, da luta para superar e aceitar limites, do enfrentamento da discriminação e do preconceito.

Em outra matéria, o programa conversa com especialistas do mercado financeiro e músicos sobre a mistura música, tecnologia e investimento financeiro, combinação nem sempre tão clara na área cultural, por mais que a arte seja um superinvestimento, gere empregos e traga retorno para o PIB.

O dossiê #MúsicaÉInvestimento aborda que com talento ou não, todo mundo pode investir em música. O investimento em direitos autorais, recém-chegado ao Brasil, permite que os interessados lucrem com royalties musicais sempre que uma canção é tocada, seja em shows ou em plataformas digitais como YouTube, Spotify e Deezer.

Este modelo de operação tem atraído quem busca fugir dos baixos retornos e deseja ter uma carteira eclética, que pode ir do forró ao rock. Fora do Brasil o modelo já tem dado resultado. Alguns acordos recentes alcançaram cifras recordes, embora não tenham sido oficialmente confirmados: Bob Dylan vendeu seu acervo inteiro para a Universal Music Publishing por cerca de US$ 300 milhões, enquanto Stevie Nicks teria obtido US$ 100 milhões por sua participação majoritária no catálogo da banda Fleetwood Mac.
Anderson Ramos

Um site sobre TV paga com as principais noticias envolvendo o setor, e suas principais operadoras. Além das novidades dos canais e streamings! facebook twitter instagram

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do O Universo da TV. OBS: Comentários Ofensivos ou Irrelevantes e os que conter publicidades serão todos excluídos.

Postagem Anterior Próxima Postagem