Especial da GloboNews celebra Dia Internacional do Orgulho LGBTQIA+

Foto: Divulgação

Para celebrar o Dia Internacional do Orgulho LGBTQIA+, comemorado no dia 28 de junho, a GloboNews prepara um programa especial que vai explorar as novas configurações possíveis entre mães, pais e laços não-sanguíneos criados pela comunidade. O especial 'Retratos de Famílias', que vai ao ar no canal no dia 24, às 23h30, conta com depoimentos do ator Carmo Dalla Vecchia; da cantora Pepita; do estilista Carlos Tufvesson; do artista plástico trans Zayre Kraus; do ministro dos Direitos Humanos e da Cidadania, Silvio de Almeida; entre outros.
 
Carmo Dalla Vecchia conta detalhes de quando ele e o roteirista João Emmanuel Carneiro decidiram ter um filho e fala como foi enfrentar o preconceito sendo uma pessoa pública. "Acho que depois de uns dez anos de casamento, a gente começou a pensar a respeito da paternidade. Mas eram poucas pessoas que eram homoafetivas e que tinham pais. Porque até o casamento entre dois homens é uma coisa relativamente nova. E eu tinha a questão também pelo fato de ser um ator. Eu tinha uma vida muito discreta, né, e eu sabia que isso poderia me gerar problemas, talvez, dentro do meu trabalho, então era uma questão bastante afastada dos holofotes. Quando resolvi falar abertamente sobre a minha orientação sexual, eu fui abraçado". O ator relembra ainda o dia em que o filho perguntou se não tinha mãe. "Um dia, eu estava fazendo fisioterapia porque eu tenho o joelho bem ruim, meu filho chegou no meu quarto e disse 'papai não tenho mãe?' 'Não. Têm crianças que são criadas por dois pais, por duas mães, por um pai e uma mãe - a maioria é criada por uma mãe solo e você tem dois pais, entendeu? Tem mais alguma pergunta para fazer?' 'Não'. Caramba, um momento tão aguardado, todo mundo falava que seria um grande problema, aqui não foi problema não".
 
A cantora Pepita desabafa sobre a transfobia sofrida desde que se tornou mãe. "Entrevistei algumas pessoas (para trabalharem comigo) e passei transfobia dentro da minha casa. Porque as pessoas, a todo momento, perguntavam 'A mãe não vai descer para falar comigo? Quem é a mãe?”. Ícone da cultura pop, Pepita conta ainda como lida com os ataques que ainda sofre nas redes sociais. "No início da minha maternidade, a internet me machucou muito. É uma luta diária para a gente se provar sabe? Chega uma hora que cansa. Cansa mentalmente, cansa fisicamente".
 
Ao especial da GloboNews, o ministro dos Direitos Humanos e da Cidadania, Silvio de Almeida, afirma que a população LGBTQIA+ merece respeito e cuidado do Estado. “O direito das famílias LGBTQIA+ tem que ser garantido. Primeiro, nós temos que garantir a vida, o trabalho e renda e a segurança dos membros da família. A gente não pode deixar que as pessoas chorem pela morte dos seus filhos, pela condição precária de proteção dessas pessoas. As políticas são focadas porque essa é uma população que sofre bastante, que é vítima de violência constante. Garantir os direitos dessas pessoas é proteger todas as famílias do Brasil”. ‘Retratos de Famílias’ tem produção e reportagem de João Ker.
 
Já neste sábado, dia 22, a GloboNews exibe o documentário original inédito 'Cheias Rio Grande' que vai mostrar histórias de moradores do Rio Grande do Sul que deixaram suas casas e tiveram suas vidas mudadas pelas enchentes históricas. A produção acompanhou pessoas que estão em abrigos, que foram para as casas de parentes, entre outras várias situações. Na Ilha das Flores, em Porto Alegre, famílias estão vivendo em acampamentos provisórios na estrada. Em Pelotas, pessoas que estão morando em barcos parados em frente às suas casas alagadas. Em bairros próximos, outra realidade.  Moradores de um bairro nobre que montaram um esquema próprio de salvamento e auxílio, enquanto famílias de uma colônia de pescadores estão vivendo em abrigos improvisados, em barracas de lona. A equipe também esteve em uma aldeia indígena afetada pelas cheias e entrevistou um pecuarista que teve que deslocar seu gado e não sabe ainda o seu prejuízo porque não consegue acessar a área alagada.
 
‘Cheias Rio Grande’ tem direção e roteiro de Carolline Leite, produção e roteiro de Paloma Martinho, fotografia de Rafael Quintão e montagem de Daniel Pereira. “Registramos a rotina de pessoas que perderam tudo, que perderam familiares, amigos e parte de suas vidas em busca de refúgio e reconstrução em meio ao caos que se instalou no estado depois das enchentes”, conta Carolline Leite.
 
O documentário 'Cheias Rio Grande' será exibido na GloboNews neste sábado, dia 22, às 23h, com reprise no domingo, dia 23, às 6h30. O especial ‘Retratos de Famílias’ vai ao ar na segunda-feira, dia 24, às 23h30.

Anderson Ramos

O Universo da TV é o site perfeito para quem quer ficar por dentro das últimas novidades da TV. Aqui, você encontra notícias sobre TV paga, programação de TV, plataformas de streaming e muito mais. É o único site que oferece uma cobertura completa da TV, para que você nunca perca nada. facebook instagram twitter youtube

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do O Universo da TV.

Postagem Anterior Próxima Postagem

Formulário de contato